benefícios corporativos

Benefícios corporativos: qual a importância e os tipos de benefícios?

Benefícios corporativos são vantagens que uma empresa disponibiliza aos seus colaboradores, com a intenção de aumentar o nível de satisfação com a empresa e reter talentos, como convênios médicos e odontológicos, vale alimentação ou refeição, descontos em livrarias, lojas, academias, farmácias e muitos outros. 

 

Os benefícios corporativos são cada vez mais importantes no ambiente de trabalho, pois contribuem para a atração e retenção de talentos. A adoção desses benefícios pode tornar os colaboradores mais motivados e as equipes mais unidas. Afinal, a valorização é o caminho para o sucesso.

Para que isso ocorra, esses benefícios devem ser realmente voltados para as necessidades dos funcionários, fazendo com que sua criação seja pensada prioritariamente neles.

No entanto, é preciso lembrar que o pacote de benefícios deve estar sempre alinhado com as estratégias da empresa.

Há empresas que, ainda hoje, acreditam que não é necessário manter um bom pacote de benefícios. Elas não poderiam estar mais erradas!

Ele é a diferença entre o sucesso e fracasso para muitas empresas, já que negócios que não dão boas condições de trabalho para seus colaboradores, têm dificuldade de manter seus principais talentos.

No entanto, montar uma boa cartela de benefícios corporativos não é nada fácil. É necessário muito planejamento, dedicação e, principalmente, comunicação com os colaboradores e visão de mercado. Mas não se preocupe, vamos lhe ajudar nessa tarefa! Quer saber como? Então, continue lendo e saiba tudo sobre benefícios que vão para além do salário.

O que são benefícios corporativos?

O primeiro passo para criar benefícios atraentes é saber o que são eles e como funcionam. Os benefícios corporativos são vantagens que uma corporação, ou seja, uma empresa privada, oferece aos seus colaboradores com a intenção de incentivar a permanência na empresa ou atrair novos funcionários.

Esses benefícios vão além de um bom salário. São práticas que focam no bem-estar do colaborador ao entender que ele pode possuir outras necessidades, que vão além do sucesso financeiro. Alguns exemplos de benefícios corporativos que podemos citar como exemplo são:

  • assistência médica;
  • participação nos lucros;
  • vale-alimentação;
  • vale-refeição;
  • parcerias comerciais;
  • vale-transporte;
  • horários flexíveis.

Esse tipo de incentivo ajuda a fidelizar o trabalhador e aumentar a produtividade no ambiente de trabalho, já que um trabalhador satisfeito é, sem dúvidas, um colaborador mais motivado a entregar resultados. Por isso, os benefícios vêm se tornando cada vez mais indispensáveis em qualquer ambiente corporativo.

Por que os benefícios corporativos são importantes?

A competição do mercado fez com que os setores de RH se reinventassem, oferecendo diariamente novas alternativas para reter seus talentos e atrair novos profissionais.

Dentro dessa estratégia para reter e atrair talentos, estão os benefícios corporativos. Eles são diferenciais que as empresas oferecem aos seus profissionais para mantê-los motivados e, consequentemente, reduzir as taxas de turnover.

Os chamados benefícios corporativos surgem como um atrativo a mais, além dos salários, para os colaboradores e vêm para atender às diversas necessidades que eles possuem.

A gestão de RH já enxerga os benefícios corporativos como essenciais para competir de igual para igual com as melhores empresas do mercado.

Os gestores que vislumbram além do que apenas uma proposta salarial, para garantir vantagens aos profissionais, estão um passo à frente!

E, para os colaboradores, um bom plano de benefícios corporativos faz toda a diferença na hora de aceitar ou não uma vaga. Uma pesquisa recente da Catho mostrou que mais de 40% dos profissionais empregados valorizam um pacote de benefícios atrativo.

Entre os benefícios corporativos mais comuns e valorizados pelos colaboradores estão a assistência médica, participação nos lucros, vale transporte e o vale-refeição.

Mas o papel desses benefícios não se restringe apenas à atração de novos funcionários. Eles também são uma ótima maneira de manter os colaboradores motivados e com a produtividade alta.

>> Neste livro digital oferecemos excelentes dicas para a sua empresa construir uma Carteira de Benefícios competitiva. Clique aqui e baixe agora mesmo!

Quais são as vantagens dos benefícios corporativos?

Você acha que benefícios corporativos são positivos apenas para os colaboradores que os recebem? A resposta é não! Os benefícios também podem ser muito vantajosos para as empresas que os oferecem.

E acredite se quiser, essas vantagens para as empresas vão muito além da satisfação de manter seus colaboradores trabalhando contentes. Confira algumas delas a seguir:

 

Engajamento de funcionários

A primeira vantagem e, provavelmente, a mais importante é a motivação dos funcionários por meio da adoção de bons benefícios corporativos. Ao escolher o set de benefícios corretos, é certo de que seus colaboradores ficarão mais satisfeitos, menos estressados e até mesmo terão mais energia para produzir no trabalho.

Por isso, é importante prestar bastante atenção ao que seus colaboradores precisam, já que o engajamento só é alcançado quando os benefícios são condizentes com as necessidade dos colaboradores.

 

Recrutamento e Seleção

Uma das vantagens de um pacote de benefícios corporativos é, certamente, a atração de mais pessoas competentes e engajadas para a empresa. Isso porque os profissionais sempre estão em busca de vagas que oferecem muito mais do que simplesmente um bom salário.

Por isso, criando benefícios como auxílio-estudos, descontos em lojas e outros, é possível atrair os profissionais mais qualificados e engajados do mercado, que, com toda certeza, serão colaboradores em busca de evolução profissional.

 

Imagem da empresa

Outro aspecto positivo de investir em benefícios corporativos é melhorar a imagem da empresa. Esse é um dos aspectos que farão os colaboradores gostar de trabalhar na organização, fator muito importante para se destacar no mercado.

No entanto, esse não é o único fator que afeta a imagem da empresa, outras questões como cultura e clima organizacional e qualidade do atendimento ao cliente também são essenciais para uma visão positiva da empresa.

 

Retenção de Talentos

Reter talentos não é uma tarefa fácil. No entanto, um bom pacote de benefícios corporativos pode ajudar a manter os colaboradores valorizados e com um bom desenvolvimento profissional.

Assim, o funcionário se sente motivado e não procurará emprego em outras empresas. Esse tipo de vantagem ajuda também a diminuir a rotatividade dentro da organização, o que cria um ciclo positivo de mudanças.

 

Crescimento da empresa

Como resultado de todas essas vantagens, não é surpresa que a adição de benefícios para o trabalhador ajude no crescimento da empresa. Funcionários engajados e mais motivados tornam qualquer ambiente de trabalho mais produtivo!

Além disso, empresas com maior estabilidade e melhor satisfação interna ganham destaque perante as outras, possibilitando que cresçam também aos olhos do público externo. Ou seja, o crescimento acontece de forma interna e externa.

O que são benefícios obrigatórios?

Vale refeição, plano odontológico, plano de saúde, auxílio-creche ou direito a aulas de inglês são alguns dos benefícios oferecidos por empresas na hora de atrair funcionários para a empresa.

No entanto, nenhum desses  benefícios é obrigatório, eles são apenas vantagens extras que podem ser oferecidas pelas empresas para atrair e fidelizar colaboradores. Pela CLT, são obrigatórios apenas:

Assim, cabe à empresa decidir se oferecerá, ou não, aos seus funcionários os benefícios que não figuram nessa lista. No entanto, os benefícios obrigatórios são um direito de qualquer um que possua um contrato da CLT, segundo as leis trabalhistas.

Então, em resumo, podemos dizer que os benefícios obrigatórios são aqueles regulamentados por lei como parte da contratação, os quais devem ser providos para todo e qualquer colaborador que possua um contrato CLT em uma empresa.

Quais são os tipos de benefícios corporativos?

De modo geral, qualquer vantagem que tenha como objetivo melhorar a qualidade de vida do colaborador pode ser um benefício a ser oferecido. No entanto, os tipos de benefícios corporativos dados pela empresa vai depender do perfil dos colaboradores.

Confira a seguir alguns tipos de benefícios que podem melhorar a motivação e o engajamento dos colaboradores na empresa:

 

1. Vale transporte

O principal benefício para quem trabalha e um dos obrigatórios, perante a lei, para aqueles que possuem um contrato CLT é o vale-transporte

Ele é oferecido para que o colaborador possa se deslocar de casa ao trabalho e vice-versa. Sem ter que desembolsar o valor do transporte. Muitas vezes, esse benefício pode ser oferecido em dinheiro.

Por ser tão importante, o vale-transporte é o benefício mais oferecido pelas empresas que trabalham no regime CLT, de acordo com a pesquisa da Catho.

Segundo a legislação vigente, o colaborador arca com 6% de desconto em seu salário referente ao transporte e o restante é bancado pelo empregador. Porém, há empresas que, como benefício extra, não realizam esse desconto.

 

2. Vale combustível

Similar ao vale-transporte, o vale combustível é dado aos colaboradores para que eles possam se locomover sem problemas. No entanto, ele não é obrigatório.

Porém, é possível fazer a substituição do vale transporte pelo vale combustível mediante a acordo entre o empregador e o empregado. Mas, para realizar essa troca, é preciso estar atento em alguns detalhes importantes previstos em lei:

Art.7º: São direitos dos trabalhadores urbanos e rurais, além de outros que visem à melhoria de sua condição social:

XXVI – reconhecimento das convenções e acordos coletivos de trabalho;

Ou seja, mesmo a legislação não sendo clara sobre a possibilidade dessa troca, o inciso citado acima dá abertura para que mudanças como essas sejam feitas por meio de acordo.

Porém, se a troca for acordada, é proibido que o empregador cobre os 6% do empregado. Então, não haverá descontos e o valor do vale combustível se somará à remuneração do empregado.

 

3. Automóvel

Muitas vezes, uma função inclui um tipo de trabalho no qual é necessário fazer uso de um veículo. Então, a empresa providencia um automóvel corporativo para o desempenho dessa função.

No entanto, em diversas empresas, ele se tornou um benefício. Isso porque há locais de trabalho que permitem que o empregado use o carro no dia, para além das funções corporativas.

E não só isso: há até mesmo empresas que permitem que o colaborador adquira o carro da empresa com um grande desconto no final do contrato de locação. Incrível, não é mesmo?

Esse benefício, no entanto, deve ser bem controlado pelo departamento de RH da empresa, já que há diversos gastos que devem ser previstos e modalidades para dar esse tipo de auxílio.

 

4. Assistência médica

Segundo uma pesquisa do SPC Brasil e da CNDL, 70% dos brasileiros não possuem um plano de saúde. O principal motivo para não terem o convênio é o preço elevado.

E é por esse motivo que a assistência saúde aparece como entre os benefícios corporativos mais desejados pelos colaboradores. A pesquisa da Catho revelou que 74% dos profissionais consideram como o benefício mais importante.

Os RHs das empresas sabem dessa realidade, e a assistência saúde aparece como um dos benefícios corporativos mais escolhidos e oferecidos no mercado.

 

5. Plano odontológico

Uma das opções mais atrativas de benefícios para colaboradores é o plano odontológico. Ele é um trunfo na estratégia de atrair e manter funcionários, pois agrada praticamente todas as pessoas.

Isso porque o plano odontológico é um item caro, ao qual muitas pessoas não têm acesso, mas que é bastante cobiçado e valorizado.

Vale ressaltar que os benefícios de plano odontológico para empresas vão muito além da saúde dentária de seu time. Ele  afeta diretamente o bem-estar dos colaboradores e, assim, na qualidade de seu trabalho.

 

6. Vale-alimentação

Essa remuneração, que faz parte da alimentação dos colaboradores, não é quesito obrigatório perante a lei. Entretanto, as empresas veem como um grande diferencial dentre os benefícios corporativos.

Com esse vale, o colaborador tem a possibilidade de economizar seu dinheiro em gastos com alimentação, principalmente compras no mercado ou estabelecimento que aceitem o cartão provido pela empresa.

Com o vale-alimentação, os profissionais podem ir até o supermercado ou até mesmo outros estabelecimentos, e, com o valor depositado pela empresa, tem a possibilidade de comprar alimentos para ele e sua família.

 

7. Vale-refeição

O vale-refeição é bem similar ao vale alimentação, já que ambos têm o intuito de auxiliar nos gastos com comida dos colaboradores. 

No entanto, com o vale-refeição, você pode comprar suas refeições durante a semana em restaurantes, padarias e outros estabelecimento parceiros.

Economizar com almoços e jantares é um grande atrativo para o colaborador aceitar uma proposta de trabalho.

 

8. Alimentação no local

Dependendo do número de funcionários, a empresa pode optar por não oferecer nem o vale alimentação, nem o vale refeição, escolhendo fornecer refeições diretamente aos funcionários.

Em alguns casos, a presença do refeitório é indispensável e prevista pela lei. Isso porque empresas com mais de 300 funcionários trabalhando no estabelecimento devem, por lei, contar com um refeitório para os funcionários se alimentarem.

Para organizações de médio porte, que possuam de 30 e 300 colaboradores, a instalação de um refeitório passa a ser apenas opcional, desde que haja um espaço cômodo para os funcionários fazerem as refeições.

Porém, isso pode ser um benefício tanto para a empresa quanto para o colaborador, já que um refeitório com alimentação no local há a diminuição da dispersão dos colaboradores nos intervalos para alimentação, reduzindo também os atrasos.

 

9. Cesta básica

A cesta básica é outro benefício corporativo oferecido pelas empresas para contribuir com a alimentação do trabalhador. No entanto, essa opção vem caindo em desuso nos últimos tempos, perdendo lugar para os vales alimentação e refeição. 

Uma vantagem dessa alternativa é que a empresa pode fazer um kit personalizado, de acordo com as necessidades dos colaboradores. Contudo, essa é uma ação que pode ser ruim para os funcionários, já que desconsidera suas opções individuais.

 

10. Férias do colaborador

As férias do colaborador é um benefício que se refere ao período de descanso concedido pelas empresas ao funcionário, anualmente, de acordo com seu tempo de trabalho.

Apesar de serem consideradas como um benefício, as férias são obrigatórias de acordo com o artigo 129 da CLT, que diz: 

“Todo empregado terá direito anualmente ao gozo de um período de férias, sem prejuízo da remuneração”.

No entanto, para ter direito a esse benefício é necessário cumprir 12 meses de trabalho para ter direito de gozar de 30 dias de descanso.

Depois disso, o empregador também tem, no máximo, 12 meses para definir as férias do colaborador. Por ser um direito do trabalhador, se esse prazo for descumprido, a empresa pode sofrer processos trabalhistas.

 

11. Participação nos lucros

Enquanto a assistência saúde lidera entre os benefícios corporativos mais desejados, a participação nos lucros aparece em segundo lugar.

São mais de 64% dos profissionais que acreditam que esse dinheiro extra é o benefício mais atrativo, pela mesma pesquisa da Catho.

A participação nos lucros inclusive é citada na lei nº 10.101. Ela descreve como esse acordo deve ser feito entre empresa e colaborador:

Art. 2º A participação nos lucros ou resultados será objeto de negociação entre a empresa e seus empregados, mediante um dos procedimentos a seguir descritos, escolhidos pelas partes de comum acordo:

I – comissão escolhida pelas partes, integrada, também, por um representante indicado pelo sindicato da respectiva categoria;

II – convenção ou acordo coletivo.

Sem dúvida, esse é um dos benefícios corporativos mais importantes. A empresa torna o colaborador parte do negócio.

Na participação dos lucros, o profissional tem a chance de crescer lado a lado com a empresa, influenciando na sua motivação e busca por objetivos.

 

12. Ginástica Laboral

Ginástica laboral é a prática de exercícios físicos no ambiente de trabalho. Esse é um benefício de extrema importância, tanto para empresa quanto para os colaboradores, já que evita que eles sofram algum tipo de dano físico causado pelo trabalho.

Por isso, incluir esse benefício na lista de vantagens providas pela empresa, pode ser até mesmo uma prevenção para lesões de trabalho ou processos contra a empresa no futuro.

Além disso, esse é um benefício de baixo custo, porque apenas um profissional especializado pode atender a diversos colaboradores em uma mesma aula de ginástica laboral. Vantajoso, não é mesmo?

 

13. Vale Cultura

O vale cultura é um benefício que foi criado pelo Governo Federal, pela Lei 12.761, em 2012. Ele tem o intuito de ampliar o acesso dos colaboradores aos eventos culturais e de entretenimento. Com esse benefício, eles podem frequentar:

  • teatro;
  • museus;
  • cinema;
  • shows;
  • espetáculos;
  • exposições.

O benefício é no valor de R$ 50,00 e é destinado a  trabalhadores com vínculo empregatício formal, ou seja, aqueles que possuem a carteira de trabalho assinada. No entanto, esse valor pode ser aumentado se a empresa desejar.

 

14. Auxílio-Creche

O que muitos não sabem é que o auxílio-creche é um benefício constitucional garantido em determinadas situações. Mas saiba que o auxílio creche não é lei, mas sim um direito previsto na Consolidação das Leis do Trabalho (CLT).

O primeiro ponto previsto neste auxílio é que todo estabelecimento com mais de 30 funcionárias com mais de 16 anos possui a obrigação de prover um espaço para que as mães deixem os filhos de 0 a 6 meses, enquanto elas trabalham.

Caso isso não aconteça, é necessário prover um auxílio-creche durante os 6 primeiros meses de vida da criança. O valor desse auxílio pode variar de empresa para empresa, já que ele é determinado conforme negociação coletiva na empresa.

benefícios corporativos auxílio creche

 

15. Parcerias comerciais

Convênios comerciais com lojas de roupas, eletrônicos e escolas de idiomas são uma boa opção em benefícios corporativos.

Descontos e vantagens com boas marcas podem ajudar a reter seus talentos e a influenciar em novas contratações. Conheça abaixo alguns deles:

 

Lazer

Parcerias com teatros, cinemas, livrarias podem servir como alternativa para os colaboradores usarem não só para benefício próprio como para o entretenimento da sua família. Esse é um benefício corporativo que se estende para a vida pessoal.

 

Educação

Oferecer descontos em cursos de idioma, graduação, pós-graduação e etc., é uma chance de desenvolver e estimular seu profissional a crescer na carreira. Esses benefícios corporativos são uma demonstração de valorização da empresa para com seu colaborador.

 

Lojas

Roupas, alimentos, eletrônicos e muito mais. Quem não quer sempre estar atento aos melhores descontos para economizar seu dinheiro? Algumas empresas oferecem uma lista com várias lojas parceiras para que o colaborador seja beneficiado de alguma forma.

 

Academia

Descontos em academias podem ser um diferencial, já que nesse caso, além dos colaboradores manterem a forma, podem principalmente ficar com a saúde em dia. A atividade física aumenta a autoestima e o rendimento profissional.

 

16. Universidades internas

A universidade corporativa é um benefício muito interessante para fidelizar colaboradores e, ao mesmo tempo, uma ótima maneira de criar uma mentalidade alinhada com a visão e missão da empresa.

Ter uma universidade na empresa ajuda os funcionários a se capacitarem profissionalmente e, assim, a crescerem e evoluírem dentro da organização. Tudo isso com conteúdos, estratégicos e horários adaptados à realidade da empresa.

Para as empresas, é muito positivo ter uma universidade, pois ela gera motivação entre os trabalhadores e leva-os a sempre querer buscar mais conhecimentos em sua área. Além disso, reduz os gastos com treinamento externos.

 

17. Curso de idiomas

Outra bom benefício corporativo para se ter na empresa são os cursos de idiomas in company, com conteúdo adaptado para as necessidades específicas de seus colaboradores e do segmento do seu negócio.

Então, nesse contexto, um curso de idiomas pode ensinar vocabulário específico para sua área de atuação, o que terá um ótimo impacto nas negociações nesse idioma e, por consequência, no lucro do seu negócio.

Além disso, uma grande vantagem de um curso de idiomas na empresa é o estabelecimento de um nivelamento do conhecimento de um idioma estrangeiro na empresa, fazendo com que os colaboradores possam interagir entre si e trabalhar nessa língua sem dificuldades.

 

18. Happy Hour

Atualmente, uma das maiores dificuldades das empresas é manter os colaboradores motivados e engajados. Contudo, é possível fugir desse problema com atividades simples de interação e diversão entre os colaboradores.

Um dos exemplos de práticas que podem ser utilizadas em todo tipo de empresa é o happy hour. Ele ajuda a estimular a interação social, facilitando, assim, a rotina de trabalho.

Além disso, muitas outras coisas boas podem surgir desse momento de descontração, como ideias criativas para projetos ou uma melhora em conflitos entre os colaboradores, bem como a criação de um senso de união na empresa.

benefícios corporativos happy hour

 

19. Day off

Um benefício bastante antigo, mas que permanece até hoje é o dia de folga no dia do aniversário, mais conhecido, atualmente, como “day off”.

Em algumas empresas é possível até mesmo escolher outro dia do mês, que não seja o dia do seu aniversário, para curtir esse benefício.

O intuito é fazer com que os funcionários fiquem mais relaxados e tenha uma melhor qualidade de vida, já que poderão curtir momentos importantes, como o aniversário, em companhia de seus amigos e familiares.

 

20. No dress code

Seguir à risca o código de vestimenta do local de trabalho pode ser um pouco cansativo e estressante para alguns colaboradores, principalmente quando se trata de um contexto mais formal, onde é necessário terno e gravata.

Por isso, a política de no dress code é muito valorizada pelos colaboradores e representa muito mais do que simplesmente o não uso de roupas formais ou uniforme.

Normalmente, esse tipo de benefício se relaciona com empresas mais flexíveis e com mentalidade mais moderna, como startups, por exemplo.

 

21. Home office

Uma tendência que vem se alastrando nas melhores empresas e que tem tudo a ver com o conceito de confiança e aumento da produtividade é o home office.

Muitas empresas estão percebendo que seus colaboradores ficam mais determinados e motivados a trabalhar quando estão em um ambiente de maior flexibilidade. Nesse contexto, a possibilidade de trabalhar em casa é um dos principais aliados do sucesso.

Das 150 melhores empresas para trabalhar do mundo, 16% já oferecem a prática de home office para pelo menos 50% de seus colaboradores. Com isso, ficou visível a melhora no bem-estar e na produtividade do colaborador.

 

22. Horários flexíveis

Um dos principais benefícios apreciados pela maioria dos profissionais é a possibilidade de ter horários mais flexíveis.

Segundo o estudo do ManpowerGroup, 51% dos brasileiros desejam trabalhar meio período, enquanto a média global chega próximo aos 36%. Além disso, 41% dos brasileiros valorizam o benefício corporativo de possuir horários mais flexíveis.

 

23. Programas de bem-estar financeiro

O programa de bem-estar financeiro na empresa é feito para que os colaboradores possam diminuir seu estresse financeiro e para que saibam lidar melhor com suas finanças.

Esse é um dos benefícios mais raros dentre os acima citados, mas é bastante positivo para a empresa, já que, quando bem aplicada, essa estratégia pode aumentar a produtividade, aproximar os colaboradores e trabalhar a retenção e a atração de talentos.

 

Educação financeira

Uma das maneiras de implantar um programa de bem-estar financeiro é criar políticas que ajudem na educação financeira do colaborador. A realização de palestras e workshops pode ser uma ótima maneira de manter os colaboradores atentos ao conteúdo.

benefícios corporativos educação financeira

 

Salário sob demanda

O salário sob demanda, benefício oferecido pelo Xerpay, é uma grande novidade no mercado de trabalho que pode ajudar na hora de garantir um melhor bem-estar financeiro para o colaborador.

A ideia do serviço é garantir que o funcionário que já trabalhou uma semana do mês, por exemplo, possa receber, em caso de necessidade, a fatia proporcional do salário ganho até aquele momento, sem ter de esperar o dia do pagamento.

Assim, o colaborador terá menos riscos de gastar de forma demasiada, já que precisará controlar seus gastos por apenas um período curto de tempo. Incrível, não é mesmo?

Como escolher os benefícios corporativos ideais para a empresa?

Toda organização precisa estabelecer seu pacote de benefícios. Ele é formado por um conjunto de vantagens atrativas para os atuais e futuros profissionais da empresa e é uma estratégia muito eficaz na hora de atrair e manter talentos.

No entanto, para que essa estratégia funcione, é preciso escolher os benefícios da maneira correta e adaptada ao seu público interno. 

O problema é que existem muitos benefícios, logo, é complexo definir os melhores. Além disso, é preciso lembrar que benefícios também geram gastos, ou seja, não podem ser dados indiscriminadamente. Por isso, confira algumas dicas de como escolhê-los:

 

Considere o perfil da empresa

Esse é o ponto principal na hora de escolher os benefícios corporativos de sua empresa. Nesse momento, o gestor deve levar em consideração a cultura organizacional para tentar entender quais benefícios são mais pertinentes.

Essa é a hora de analisar os planos para o futuro e tentar criar um caminho para chegar lá por meio da concessão de benefícios e a melhora das relações de trabalho. 

 

Faça uma pesquisa com o time

Agora que você sabe onde sua empresa está e onde ela quer chegar, o segundo passo é considerar os desejos e as necessidades dos colaboradores, só assim você terá benefícios realmente úteis.

Para tal, é importante elaborar uma pesquisa dentro da sua empresa ou time para averiguar quais são os benefícios desejados, bem como qual o nível de satisfação com os benefícios atuais.

Assim, é possível que o departamento de Recursos Humanos tenha uma visão mais precisa do que é necessário para motivar os colaboradores, e até mesmo de modificações que devem ser feitas aos benefícios atuais.

 

Descubra os benefícios mais oferecidos no mercado

É fato que um bom plano de benefícios é um dos itens essenciais para as empresas que desejam se destacar no mercado. Por isso, é sempre bom ficar de olho nos pacotes de benefícios corporativos providos por outras empresas.

Outra boa dica é acompanhar os benefícios providos pelas grandes empresas que são referências mundiais em satisfação do colaborador, como é o caso do Facebook e da Google, por exemplo.

 

Estude a viabilidade financeira

De nada valerá escolher diversos benefícios incríveis se a empresa não puder bancá-los. Por esse motivo, um dos passos mais importantes na hora de escolher os benefícios corporativos ideais é estudar a viabilidade.

Após realizar o levantamento dos benefícios que podem ser oferecidos, é preciso analisar a viabilidade sob o ponto de vista financeiro. Tudo deve estar adequado ao orçamento disponível para os benefícios de forma realista, para não acarretar em prejuízos. Nesse momento, o setor financeiro deve atuar junto ao RH.

Quais são as melhores empresas de benefícios corporativos?

Prover um plano adequado de benefícios corporativos não é nada fácil. No entanto, algumas empresas têm se destacado no mercado pela qualidade de serviços prestados, bem como pela inovação na maneira de entregar benefícios únicos para os colaboradores.

Confira quais são essas organizações únicas que sabem garantir a satisfação do colaborador como ninguém:

 

1. Xerpa

A Xerpa se destaca entre as melhores empresas de benefícios corporativos com o inovador sistema de pagamento sob demanda, o Xerpay.

Ao mesmo tempo que é um benefício de controle financeiro, já que ele possibilita que o colaborador aprenda a administrar melhor suas finanças, ele também é uma maneira de atender às necessidades do colaborador diretamente sem ter que desembolsar nada a mais por isso.

A ferramenta inovadora conseguiu aproximar colaborador e empresa com um baixíssimo custo, gerando muita satisfação no processo. 

 

2. VR

A VR é uma empresa que oferece uma infinidade de cartões de benefícios que contemplam uma gama de situações, indo desde os clássicos cartões de vale alimentação até vale cultura ou cesta natalina.

Ou seja, são vários benefícios que podem ser contratados diretamente com uma empresa só, sem a necessidade de criar um contrato para cada tipo de benefício corporativo.

Além disso, a vantagem extra desse benefício é que tudo pode ser controlado por meio do aplicativo da rede, o que simplifica o processo para os colaboradores e para a empresa. 

 

3. Gympass

O Gympass é serviço que dá acesso a academias no Brasil por meio de uma assinatura mensal ou do pagamento de diárias.

Essa assinatura é feita pela empresa, o que permite aos colaboradores a prática de exercícios físicos onde e quando eles quiserem, já que são milhares de academias cadastradas, com modalidades variadas, datas e horários flexíveis.

Como apresentar o plano de benefícios aos colaboradores?

Um plano de benefícios corporativos deve sempre atender às necessidades dos colaboradores. No entanto, é impossível satisfazer todos ao mesmo tempo.

Por isso, é primordial que a apresentação do plano seja feita com cautela, assim, mesmo que os funcionários não tenham todos os benefícios com os quais sempre sonharam, eles ficarão satisfeitos e felizes com os apresentados pela empresa e igualmente motivados.

Então, para que eles recebam a novidade de uma forma positiva, é interessante investir na divulgação e na comunicação interna. Envie e-mails marketing, coloque cartazes ou crie eventos corporativos mostrando os benefícios do novo programa.

Assim, o trabalhador sentirá que a empresa está realmente preocupada com seu bem-estar e não apenas realizando mudança por questões de praticidade ou de necessidade financeira.

Quais são as empresas que se destacam na oferta de benefícios?

Além dos benefícios já previstos na legislação, algumas empresas apostam em regalias extras aos funcionários para atrair e reter talentos, bem como para aumentar a produtividade.

Confira quais são as empresas que se destacam no mercado por terem os melhores benefícios para os colaboradores e também os mais inovadores.

 

Google

Não é possível falar de benefícios empresariais sem mencionar essa gigante da internet, isso porque o Google é reconhecido pelas vantagens oferecidas a seus funcionários.

Em quase todas as sedes da empresa, há espaços super confortáveis e divertidos, bem como uma geladeira abastecida com lanches gratuitos. Além disso, é possível levar seu pet para o trabalho!

Para completar, há também a vantagem de trabalhar ao lado de gênios da tecnologia e testar produtos exclusivos antes mesmo de serem lançados oficialmente.

benefícios corporativos google

 

Unilever

A Unilever é uma das maiores empresas do mundo e também uma das empresas mais cobiçadas para se trabalhar. Isso não se deve apenas ao sucesso financeiro da companhia. É também relacionado ao seu atrativo plano de benefícios.

Entre as vantagens para os 13.700 colaboradores no Brasil, a Unilever oferece um programa de mentoria. Ou seja, o funcionário pode escolher um mentor para que esse ajude-o na orientação profissional, para que, assim, ele possa crescer dentro da Unilever.

Outros atrativos são os horários de trabalho flexíveis e o ambiente acolhedor. Além disso, a empresa também oferece um berçário para crianças de 0 a 2 anos no edifício-sede, além de cursos e palestras para gestantes.

 

O Boticário

Outra grande empresa brasileira com ótimos benefícios é o Boticário. A marca tem seu maior destaque por causa dos benefícios corporativos dados ao público feminino, que é cerca de 70% do seu número de colaboradores.

A empresa conta com um programa de gestantes, que oferece cursos, palestras e aulas práticas, além de uma visita domiciliar de uma profissional de enfermagem logo após o parto. Mas não só isso, há também uma sala de amamentação e auxílio babá.

 

Netflix

A empresa Netflix é considerada inovadora em diversos contextos, um deles é a questão de benefícios corporativos ao trabalhador. O principal deles é a licença maternidade ilimitada. Segundo a empresa, as mães podem escolher quanto tempo desejam ficar em casa com os filhos.

Além disso, a empresa conta com políticas de flexibilização das horas de trabalho e possibilidade de home office em determinadas situações. É realmente um sonho de empresa para se trabalhar, não é mesmo? 

Como fazer a gestão de benefícios corporativos?

Após ler todas essas dicas, você provavelmente está pensando em reformular o seu plano de benefícios, não é mesmo? Se a resposta é sim, lembre-se que o trabalho não acaba aí.

Depois de criar novos tipos de benefícios corporativos, é preciso que a empresa faça a gestão adequada deles para que sejam garantidos o melhor uso deles, e assim, e boas condições de trabalho para o colaborador.

Desse modo, os colaboradores passarão a reconhecer todo o trabalho feito pelo departamento pessoal da empresa. E, como consequência, também se sentirão mais valorizados e com possibilidades de crescimento.

 

Pesquisa de satisfação de benefícios

Para fazer uma gestão de benefícios adequada, um dos principais passos é a criação de uma pesquisa de satisfação de benefícios. Com ela, é possível perceber quão efetivos estão sendo as vantagens providas.

Esse é o momento de reavaliar os benefícios providos e a satisfação com as empresas de benefícios corporativos que prestam os serviços.

Com essa análise periódica, é mais fácil prever situações desagradáveis, como o aumento do turnover ou o crescimento do nível de insatisfação com a empresa.

>> Entenda qual é o passo a passo ideal para uma pesquisa de satisfação sobre benefícios! Neste livro digital, apresentamos as melhores dias! Clique aqui e acesse!

Quando fazer uma análise estratégica?

Adotar uma política de benefícios corporativos não é tarefa fácil para as empresas. Por isso, é muito importante possuir profissionais preparados para fazer uma análise estratégica.

Isso porque, se o planejamento for mal executado, a empresa pode correr grandes riscos financeiros. Dessa forma, é fundamental fazer uma análise completa dos custos para a implantação de uma política de benefícios.

Em contrapartida, é bom saber que oferecer vantagens que vão além do salário para seus colaboradores e futuros contratados é um grande diferencial. Uma política de benefícios bem planejada agrega valor à empresa no mercado e tem o poder de motivar a equipe.

Todo benefício corporativo incorporado a sua realidade é uma oportunidade de demonstrar uma valorização pelo trabalho executado pelos profissionais da sua equipe.

Gerenciar uma política de benefícios exige uma atenção extra dos profissionais de RH que precisam se atentar a valores e ao controle dos benefícios oferecidos.

Não esqueça de deixar claro aos colaboradores quais são as regras da política de benefícios. Desta forma, eles saberão o que terão direito a receber.

 

E para você qual benefício não pode faltar na empresa? Deixe seu comentário abaixo.

 

Powered by Rock Convert

Quer receber mais conteúdos como esse gratuitamente?

Cadastre-se para receber os nossos conteúdos por e-mail.

Email registrado com sucesso
Opa! E-mail inválido, verifique se o e-mail está correto.

Fale o que você pensa

O seu endereço de e-mail não será publicado.