Inscreva-se

Conheça as vantagens e desvantagens do recrutamento externo!
Admissão

Conheça as vantagens e desvantagens do recrutamento externo!

O recrutamento externo é uma estratégia adotada pela empresa para selecionar candidatos de fora da organização.

Neste artigo falaremos sobre as vantagens e desvantagens do recrutamento externo. De que maneira esse modelo pode contribuir com o planejamento da sua empresa em relação a contratação de um novo colaborador.

 

As vantagens e desvantagens do recrutamento externo na empresa

Recrutamento externo é o processo em que a empresa busca um profissional fora da organização para preencher alguma vaga disponível. A ideia desse modelo é recorrer a um novo conjunto de habilidades e experiências para a execução do trabalho.

Porém, como qualquer estratégia, existem vantagens e desvantagens do recrutamento externo. Ter como base o planejamento e as necessidades da empresa é a melhor forma para definir se o seu objetivo vai de encontro com o recrutamento interno ou externo.

Por isso, é fundamental que os gestores e profissionais de RH conheçam as vantagens e desvantagens do recrutamento externo para evitar erros no processo seletivo.

E para para isso, separamos as principais para você planejar o seu processo de contratação. Confira!

Assim que terminar esse post, recomendamos que você leia esse eBook gratuito. Nele, você entenderá como planejar e executar um processo de recrutamento e seleção perfeito! Responda o formulário e receba:


As vantagens do recrutamento externo

Realizar um recrutamento externo pode trazer a empresa profissionais com uma nova visão de mercado. Selecionamos abaixo as principais vantagens do recrutamento externo.

 

Possibilita novas ideias

Um profissional de fora pode trazer uma perspectiva distinta da que você está vivendo. Oferecendo assim, soluções para problemas recorrentes e alternativas na execução de tarefas. Desta forma, as possibilidades de chegar a um melhor resultado são grandes.

Essa união de novas técnicas e habilidades que um novo colaborador traz, tem a chance de contribuir com ideias e estratégias que a sua empresa não tenha adotado ainda.

Assim, a empresa tem um profissional mais disposto a propor mudanças. E, claro, preparado para executá-las.

 

Contribui com a seleção profissional

Quando se abre um processo seletivo externo, os recrutadores têm a chance de escolher um perfil mais adequado às necessidades da empresa.

Diferente de um recrutamento interno, onde em muitos casos você precisa oferecer uma formação ao profissional promovido, aqui o contratado vem pronto para ocupar a vaga.

Nesse caso, é possível buscar o perfil ideal, de acordo com as competências que a empresa busca.

 

Facilita a pré-seleção

O recrutamento externo gera uma possibilidade de escolha maior de mercado. Você terá à disposição candidatos com diferentes perfis profissionais. Lembrando sempre que, uma vaga bem montada e divulgada da forma correta, atrai o candidato ideal.

Em um recrutamento externo você pode ser mais criterioso na escolha. Já que terá mais tempo para realizar entrevistas, aplicar testes e fazer uma melhor avaliação antes de definir o contratado.

 

Aumenta as chances de investir em novos talentos

O mercado, por meio dos gestores e profissionais de RH, está sempre em busca dos maiores talentos do mercado. O recrutamento externo possibilita esse encontro.

Com um planejamento estratégico de recrutamento, que vai de encontro com os objetivos da empresa, aumenta-se a possibilidade de encontrar um profissional talentoso.

Além de conseguir escolher o perfil adequado para a vaga, você renova seu time e investe em um novo patrimônio humano.

 

Desvantagens do recrutamento externo

Mas adotar o recrutamento externo não tem apenas vantagens e pode colocar os gestores em saia justa se o planejamento estratégico não for bem feito. Saiba abaixo quais são as desvantagens desse modelo.

 

Tempo excessivo no processo

Um ponto de destaque entre as vantagens e desvantagens do recrutamento externo que pode aparecer como negativo é o tempo.

Uma pré-seleção externa pode levar tempo e às vezes sua empresa não pode esperar. Isso aumenta as chances de contratar a pessoa errada.

Anúncio da vaga, recebimento do currículo, seleção dos candidatos, entrevistas e etc., são alguns dos pontos do processo que podem gerar mais burocracia e lentidão. Sem dúvida, essa é uma das grandes desvantagens do recrutamento externo.

 

Desmotivação de profissionais antigos

Optar por um recrutamento externo tende a gerar desmotivação por parte dos colaboradores mais antigos. Escolher um profissional de fora do escopo da empresa, pode fazer com que sua equipe não se sinta reconhecida.

A maioria dos profissionais busca na empresa um plano de carreira. Quando não recebem uma promoção e veem outros profissionais contratados para a vaga que deseja, se desmotivam.

Por isso, é preciso ter cuidado e avaliar qual a recepção da equipe com a entrada de um novo colaborador para uma vaga que poderia ser ocupada por um profissional mais antigo.  

Sendo assim, é essencial montar uma estratégia sobre qual o modelo ideal de contratação para a sua realidade.

 

Processo de seleção com custo maior

Os gastos com o processo de seleção é de fato uma desvantagem para as empresas que optam pelo recrutamento externo.

A economia é maior quando a empresa busca promover um profissional do que custear todo um processo seletivo, que além de levar mais tempo, terá mais gastos.

 

Falta de conhecimento do profissional

Quando se contrata um novo colaborador, é impossível ter a noção exata do que ele oferecerá para a empresa.

Pelo recrutamento externo você tem contato com o profissional apenas por alguns momentos em entrevista, testes e pré-seleção. Porém, o dia a dia e os feedbacks do trabalho serão ao longo do tempo.

Por esse motivo, isso pode trazer maiores problemas pois a empresa desconhece os pontos fortes e fracos do profissional. Ou seja, por mais completo que seja o processo de seleção não é possível mensurar e ter exatidão na contratação externa.

 

Escolha a estratégia ideal de recrutamento

Ao se deparar com as vantagens e desvantagens do recrutamento externo, fica mais fácil optar pelo modelo de contratação que mais atende as necessidades da sua empresa.

Um gestor precisa levar em conta que tanto recrutamento interno como externo podem funcionar. O grande segredo é reconhecer as situações que sua empresa está vivendo e refletir sobre quais os impactos de uma estratégia de contratação.

Os dois processos, interno e externo, têm vantagens e desvantagens e ter em mãos as duas opções pode ser um apoio para escolhê-los em situações diferentes.

Recorrer a um recrutamento externo, por funcionários fora da organização, pode ser solução ou problema e o seu planejamento é que podem influenciar para o gestor e o setor de RH serem mais decisivos e assertivos.

 

Gostou do nosso conteúdo? Deixe seu comentário e nos diga quais dos modelos de contratação a sua empresa vem adotando.

Related posts

Deixe uma resposta

Required fields are marked *