8 dicas para incentivar o trabalho em equipe na sua empresa

trabalho em equipe

A pandemia do coronavírus trouxe um estresse sem precedentes para a sociedade em geral. No trabalho, as empresas precisaram se adaptar rapidamente e, muitas delas, precisaram aderir ao trabalho remoto para dar continuidade em suas atividades. Todas essas mudanças e dificuldades trouxeram à tona a importância do trabalho em equipe. 

No entanto, manter o mesmo desempenho e qualidade no trabalho em grupo durante o home office e os efeitos da pandemia no dia a dia é uma tarefa complexa. Os colaboradores se sentem cada vez mais isolados à medida que os meses passam, o que dificulta a integração das equipes. 

Por isso, as empresas precisam repensar suas estratégias e valorizar ainda mais o trabalho em equipe. Para ajudá-lo nessa missão, preparamos algumas dicas importantes que vão incentivar seu time. Ao longo do texto, você irá encontrar:

  •  estar presente;
  • estimular a comunicação;
  • aprender a conviver com diversidades;
  • realizar um planejamento;
  • estabelecer metas e objetivos claros;
  • reforçar o senso de compromisso do grupo;
  • discutir melhorias contínuas;
  • celebrar as conquistas. 

O coronavírus ainda tem dificultado o entrosamento dos colaboradores com a empresa. Com isso, o sentimento de pertencimento à equipe acaba sendo prejudicado. Se você quiser ir mais a fundo nesse tema e entender como motivar os colaboradores para se sentirem parte do seu negócio, recomendamos a leitura deste outro artigo.  

Agora, no artigo de hoje, vamos entender na prática como estimular o trabalho em equipe para contar com colaboradores sempre engajados. Vamos lá?

O que realmente significa trabalho em equipe?

O trabalho em equipe é a prática de integrar o trabalho dos membros de uma mesma equipe para que a execução da tarefa seja realizada de forma compartilhada a fim de se chegar a melhores resultados.

No entanto, falar em trabalho em equipe é fácil. Difícil mesmo é alinhar interesses, competências e habilidades de profissionais distintos. Por isso, não significa apenas juntar um grupo de pessoas, é necessário que as empresas desenvolvam o hábito da integração e do trabalho colaborativo.

É por isso que muitas organizações encontram dificuldades no momento de implementar esse conceito entre seus colaboradores. 

Para que de fato o trabalho em equipe seja desenvolvido, é preciso ter em mente que ele leva tempo e requer mudanças na cultura organizacional e no modo como a empresa interage com seus funcionários. 

Como a covid-19 mostrou a importância do trabalho em equipe?

Desde o início de 2020, a dinâmica das empresas mudou. A pandemia da COVID-19 forçou diversos setores a mudarem drasticamente suas operações, passando a maior parte de sua força de trabalho para o home office.

Muitas empresas enfrentaram grandes dificuldades para se adaptar à nova realidade. Aquelas que já possuíam times mais integrados, conseguiram se destacar e obter sucesso mais facilmente por meio das ferramentas online de colaboração.

De acordo com um artigo recente da Harvard Business Review, a Culture Amp, empresa de software, viu um crescimento de transparência e confiança em toda a organização, à medida que as equipes eram forçadas a tomar autonomamente decisões rápidas no início da pandemia.

Ainda segundo o artigo, as conversas entre equipes remotas se tornaram mais focadas e menos subjetivas. Com isso, a produtividade e a qualidade dos resultados melhoraram.

Além é claro da importância das ferramentas e recursos tecnológicos para o trabalho remoto dar certo, ter uma comunicação bem desenvolvida e uma cultura de integração consolidada foram peças-chave para se adaptar à nova dinâmica de trabalho.

Por isso, tornou-se imperativo que as organizações criassem ambientes propícios para que seus times conseguissem se relacionar e trabalhar de forma colaborativa.

Além disso, por parte dos funcionários, a crise do coronavírus ressalta a necessidade dos profissionais terem algumas habilidades comportamentais importantes.

Um levantamento feito pelo PageGroup destacou que a habilidade mais valorizada pelas grandes empresas na América Latina é justamente a capacidade de trabalhar em equipe (47%). No Brasil, as habilidades comportamentais mais valorizadas são:

  • inteligência emocional (42,9%);
  • trabalho em equipe (38,4%);
  • comunicação assertiva (31,1%).

Ainda segundo a pesquisa, essas habilidades receberão ainda mais relevância após a crise, já que estão sendo essenciais para a superação das instabilidades do momento.

Contar com inteligência emocional e a capacidade de trabalhar em grupo estão sendo fundamentais para adaptar-se rapidamente e tomar decisões diante de tantas incertezas.

8 dicas para reforçar o trabalho em equipe na sua empresa

Como você pôde ver, o mercado de trabalho está cada vez mais exigente, selecionando pessoas com forte capacidade de adaptação, flexíveis e que saiba ver no outro oportunidade de novas aprendizagens, de troca. 

Por isso, sua empresa deve não só buscar por talentos capazes de realizarem trabalhos em grupo, como também desenvolver esse hábito em seus funcionários atuais. 

Confira a seguir algumas ideias para colocar impulsionar o trabalho colaborativo na sua empresa:

1. Estar presente

A liderança das equipes tem papel fundamental nessa tarefa. Ele deve acompanhar de perto o desenvolvimento das atividades de seus subordinados e o modo como eles se relacionam.

Ele deve estar preparado para auxiliar o time em possíveis contratempos, garantindo que nenhum problema atrapalhe o resultado final dos projetos. Desse modo, ele é visto como um exemplo a ser seguido e, assim, os colaboradores se esforçam mais para contribuir com o desempenho geral do time. 

2. Estimular a comunicação

A comunicação interna é crucial para o trabalho em equipe. Portanto, incentive o diálogo entre os membros do time para evitar conflitos e para que todos participem das tomadas de decisões.

Assim, será possível ter uma equipe mais coesa e que concorda com os passos que serão seguidos. Isso ainda permite a criação de um ambiente de trabalho mais agradável e prazeroso. 

Uma equipe que tem o hábito de se comunicar consegue agir de forma mais independente, resolvendo conflitos internos sem a necessidade de superiores se envolverem. 

3. Aprender a conviver com diversidades

Outro ponto importante para o trabalho em equipe dar certo é entender que ele é formado por profissionais diferentes e com habilidades diversas. Por isso, conflitos e choque de opiniões são comuns.

Quanto maior for a equipe, maiores os cuidados que precisam ser tomados para que não haja contratempos entre os membros.

Nessas situações, a liderança também tem papel importante. O gestor deve resolver a situação de forma justa e considerar a opinião da maioria e as melhores práticas para resolução do problema.

Para mudar o comportamento das equipes em situações de diferenças de opiniões, é necessário transformar toda a cultura organizacional, incentivando sempre o diálogo e a votação para se chegar à melhor solução.

4. Realizar um planejamento

Para que colaboradores trabalhem em equipe é necessário que todos os trabalhos a serem realizados sejam organizados por etapas. Além disso, as funções de cada membro precisam estar bem determinadas. 

Assim, será possível ter um controle maior de quem executará qual função e quanto tempo cada etapa levará para ser concluída. 

O planejamento é indispensável para a organização e sucesso do trabalho em grupo. Todos conseguem realizar seu trabalho de forma focada e sem conflitos.

5. Estabelecer metas e objetivos claros

Para que o trabalho em equipe seja bem-sucedido é preciso determinar quais serão as missões e objetivos a serem alcançados. Isso é importante para que os colaboradores trabalhem de forma comprometida e eficaz.

Cada membro da equipe deve ter tanto suas metas individuais, quanto as grupais. Desse jeito, os colaboradores saberão que para cumprir todos os seus objetivos, o trabalho geral do grupo é importante.

6. Reforçar o senso de compromisso do grupo

Assim como estabelecer metas que dependam de todo o grupo para serem executadas, a empresa deve reforçar o senso de compromisso dos colaboradores com o grupo.

Para isso, é necessário que os colaboradores dediquem tempo ao desenvolvimento de normas e diretrizes de relacionamento em conjunto. Assim, eles se sentirão parte importante das tomadas de decisões relacionadas ao trabalho grupal, reforçando o senso de pertencimento àquele time.

7. Discutir melhorias contínuas

É importante que os funcionários sejam capazes de fazer uma auto reflexão para encontrar erros e pontos de melhoria no trabalho em grupo. A equipe deve discutir abertamente as normas, processos e a interação entre os seus membros.

A partir disso, juntos, poderão identificar os fatores que podem estar prejudicando a capacidade do grupo e, assim, chegar a estratégias de melhorias. 

8.  Celebrar conquistas

E, por último, quando sua equipe conseguir cumprir seus objetivos e ter bons resultados, é preciso reconhecer o trabalho em grupo.

Portanto, busque comemorar as conquistas do trabalho em grupo, ressaltando que isso não seria possível sem a colaboração de todos. Isso irá ajudar na integração do time para entregar sempre bons resultados.

Agora que você já sabe um pouco mais sobre a importância do trabalho em equipe, chegou a hora de seguir essas dicas e colocá-lo em prática em sua empresa. Manter seus colaboradores unidos e trabalhando de forma colaborativa será fundamental para superar os momentos de crise e conquistar cada vez mais resultados.

 

Quer receber outros conteúdos como este em primeira mão? Assine a nossa newsletter! 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Confira outros artigos que você pode se interessar