segurança e custo para ter acesso ao dinheiro do salário

Segurança e custo para ter acesso ao dinheiro do salário: compare 4 opções

Segurança e custo para ter acesso ao dinheiro do salário é uma preocupação que empregadores e empregados compartilham. Afinal de contas, os profissionais querem contar com uma opção rápida e prática, para o dia a dia, enquanto a organização necessita de soluções seguras e que atendam às suas necessidades e objetivos. Daí, a importância em conhecer as melhores opções do mercado a fim de tomar uma decisão assertiva — veja com base nas soluções que selecionamos para este artigo:

  1. conta salário;
  2. conta corrente;
  3. pagamento do salário em dinheiro;
  4. aplicativo de salário sob demanda.

 

Segurança e custo para ter acesso ao dinheiro do salário: aí está algo que todo empregador e empregado buscam em suas rotinas. E vale dizer: existem muitas opções, hoje em dia, que tornam essa decisão mais complexa do que podemos imaginar.

Até por isso, vale a pena saber como funcionam essas modalidades de pagamento. Por meio desse conhecimento, a sua equipe de RH pode tomar a melhor decisão de acordo com os seus objetivos, e também levando em consideração o perfil e as necessidades do seu quadro de funcionários.

Vamos ver, então, como agregar segurança e custo para ter acesso ao dinheiro do salário? Basta acompanhar-nos com a leitura deste post!

As 4 opções de segurança e custo para ter acesso ao dinheiro do salário

Selecionamos 4 alternativas que podem ser consideradas, visando o bem-estar e a comodidade de toda a empresa. Veja quais são, logo abaixo!

 

1. Conta Salário

Bastante popular no país, a conta salário está entre uma das opções que as empresas consideram para oferecer segurança e custo para ter acesso ao dinheiro do salário. 

Isso porque essa modalidade não envolve custos e conta com menos burocracia para os seus usuários. O serviço bancário, portanto, apenas serve como um intermediário dos recebimentos dos profissionais (seja salário, pensão ou mesmo outros valores devidos de benefícios corporativos, como as comissões ou mesmo as férias, entre outros).

No entanto, esse modelo de negócios exige mais responsabilidades para o empregador, já que o funcionário só pode realizar o saque ou transferência do valor depositado pela sua equipe de RH. Assim, a conta salário não permite que a pessoa cadastrada realize depósitos, movimente cheques ou realize pagamentos e empréstimos. 

Também tem um ponto a ser destacado: a conta salário só pode ser encerrada (e aberta) pela organização.

As vantagens disso, contudo, podem ser observadas logo abaixo, tornando-a uma alternativa comum para agregar mais segurança e custo para ter acesso ao dinheiro do salário:

  • não há a necessidade de realizar uma análise de perfil de crédito;
  • pessoas com pendências financeiras, portanto, podem abrir a conta salário para receber o seu salário;
  • redução das taxas, o que facilita, inclusive, a realização de portabilidade da sua conta bancária — transferência de recursos para outras contas e instituições não dispõe de custo algum para a pessoa;
  • cartão magnético gratuito;
  • se o beneficiário desejar, pode realizar até 5 saques gratuitamente a cada salário recebido.

Entretanto, convém atentar-se a alguns pontos de melhoria que não fazem a conta salário ser um grande atrativo para todos os perfis.

Um deles é a própria limitação que, acima, serviu de vantagem. Embora não tenha custos, a conta salário é um recurso limitado, o que impede que o beneficiário use outros serviços bancários além dos saques permitidos mensalmente.

Assim, caso exista a necessidade de fazer um depósito ou mesmo realizar pagamentos via débito automático, um custo vai ser gerado pela instituição financeira. E convenhamos: não é isso que as pessoas mais buscam no equilíbrio entre segurança e custo para ter acesso ao dinheiro do salário, certo?

 

2. Conta corrente

A conta corrente é uma modalidade mais popular do que a anteriormente citada. Nela, a pessoa faz todos os trâmites necessários para a abertura de uma conta bancária para pessoa física.

Consequentemente, ela tem acesso a todos os recursos comuns à conta, como:

  • movimentações financeiras;
  • pagamentos on-line;
  • saques ilimitados por mês;
  • depósitos por qualquer meio.

Para quem tem apenas uma conta bancária e necessita de algumas movimentações periódicas, a conta corrente é um dos grandes recursos para a pessoa.

No entanto, em contraste com a conta salário, que não exige análise de perfil da pessoa, a conta corrente faz esse processo com todos os pleiteantes.

 

3. Pagamento do salário em dinheiro

Outra opção focada no equilíbrio entre segurança e custo para ter acesso ao dinheiro do salário, o pagamento do salário em dinheiro pode ser uma alternativa prática para a empresa.

Afinal de contas, do ponto de vista jurídico não há problema algum em fazer os pagamentos com dinheiro em espécie. Só que, por sua vez, o papel não é mais uma das modalidades mais usadas. As pessoas costumam fazer boa parte das suas transações de maneira digital.

Temos, portanto, menos volume nas carteiras e mais aplicativos, nos celulares, que facilitam os meios de pagamento mais usados no dia a dia.

Além disso, é importante ter em vista que, popularmente, o meio de pagamento deste tópico é mais conhecido por ser feito para empresas que desejam pagar honorários extras (como adicional noturno ou comissão) sem arcar com os impostos relativos. 

O mesmo vale para empresas que contratavam funcionários sem registrá-los em regime CLT ou qualquer outro. Assim, elas obtêm vantagens financeiras — e de maneira ilegal, diga-se de passagem.

 

4. Aplicativo de salário sob demanda

Por fim, reunimos uma das opções mais práticas e modernas para garantir segurança e custo para ter acesso ao dinheiro do salário: o aplicativo de salário sob demanda.

Do princípio: o salário sob demanda é uma alternativa recente de pagamento, no qual o colaborador pode optar por receber o salário de dias trabalhados quando quiser.

Com isso, ele ganha flexibilidade e autonomia para montar o seu próprio planejamento financeiro. O que, consequentemente, também se configura em menos necessidade de recorrer às custosas modalidades de empréstimo das instituições financeiras, como é o caso dos juros do cheque especial.

Na Xerpa, a solução exclusiva atende pelo nome de Xerpay. Trata-se de um aplicativo que a sua empresa oferece a quem tem interesse em usufruir desse benefício e, assim, ele pode solicitar o saque dos dias trabalhados conforme desejar.

Inclusive, temos um artigo completo que explica o que é o Xerpay — você já pode abri-lo para ser a sua leitura complementar após finalizar este artigo!

É importante destacar, aqui, que cada transação efetuada gera o custo de R$ 9 — independentemente do valor sacado. E é aí que o salário sob demanda se mostra uma das grandes maneiras de agregar segurança e custo para ter acesso ao dinheiro do salário.

As pessoas ficam mais imunes a eventuais necessidades de usar o cheque especial, melhoram as suas respectivas educações financeiras e, também, podem propor novos objetivos financeiros com toda essa flexibilidade

E para a empresa, essa mudança no meio de pagamento não interfere em nada no seu atual fluxo de trabalho e tampouco na folha de pagamento. Todo o trâmite é realizado pela Xerpa, bem como o fluxo de caixa para esse tipo de transação.

No geral, essa modalidade tem mostrado que agrega muitos benefícios complementares para a empresa, também, com base em exemplos de grandes empresas que já fazem uso do salário sob demanda, como:

  • retenção de talentos;
  • mais produtividade dos colaboradores;
  • mais atração de candidaturas para as oportunidades em aberto;
  • promoção do bem-estar financeiro;
  • fidelidade e gratidão dos colaboradores;
  • menos estresse financeiro.

Essas qualidades, inclusive, foram levantadas com base nos próprios métodos de pesquisa da Xerpa antes de lançar o Xerpay — um sistema que já tem despertado o interesse até mesmo da mídia.

 

Por isso, se você ficou com alguma dúvida a respeito das melhores alternativas para gerar segurança e custo para ter acesso ao dinheiro do salário, deixe um comentário, logo abaixo, para que possamos expandir esta discussão!

 

 

Quer receber mais conteúdos como esse gratuitamente?

Cadastre-se para receber os nossos conteúdos por e-mail.

Email registrado com sucesso
Opa! E-mail inválido, verifique se o e-mail está correto.

Fale o que você pensa

O seu endereço de e-mail não será publicado.