rh digital

RH digital: conheça a nova tendência dos Recursos Humanos

O avanço tecnológico trouxe diversas mudanças na forma como as pessoas se organizam no trabalho. Tudo é muito mais dinâmico e automatizado, o que aumenta a competitividade e o poder de inovação das empresas no mercado.

O RH, assim como todas as áreas de atuação, teve que se adaptar à nova realidade. Nesse cenário, surgiu o RH digital. Mas o que, exatamente, é o RH digital? Como ele se aplica na prática?

Para responder a essas perguntas, reunimos neste post tudo o que você precisa saber sobre o assunto, desde o conceito básico até suas principais características. Quer saber mais? Confira a seguir!

O que é o RH digital?

RH digital é a evolução dos Recursos Humanos que se deu após a revolução tecnológica trazida pela internet. Como ele, processos tradicionais do departamento foram remodelados para aproveitar ao máximo as novas ferramentas de trabalho que surgiram nos últimos anos.

Uma das maiores vantagens do modelo é a automatização de processos. Trabalhos que antes eram feitos manualmente agora são realizados com apenas alguns cliques. Isso torna as entregas mais rápidas, reduz as tarefas operacionais e torna o setor muito mais estratégico.

Em geral, o RH digital possibilita uma grande economia de tempo e recursos, otimização na rotina empresarial, aumento da produtividade e mais eficiência na gestão.

E as organizações já vêm percebendo esses benefícios há tempos. Segundo uma pesquisa da Deloitte, 72% das empresas acreditam que a transformação digital seja imprescindível nas organizações.

Quais são os componentes do RH digital?

A principal diferença prática entre o RH tradicional e o RH digital são as ferramentas utilizadas no dia a dia. Para se aprofundar mais no assunto, conheça a seguir os principais componentes da rotina do RH digital.

Uso de ferramentas de automação

Investir em um software de gestão de pessoas é o principal passo para implementar o RH digital na sua empresa.

Esse sistema integra todas as informações importantes para o departamento, tornando o acesso a esses dados muito mais rápido e eficiente.

Além disso, a ferramenta também automatiza processos manuais, o que traz ainda mais vantagens para o dia a dia.

Entre as tarefas que um software de RH é capaz de executar, algumas das principais são:

Nesses aplicativos online, é possível fazer cálculos automatizados, acessar dados em questão de segundos e armazenar todas as informações na nuvem.

Isso reduz riscos como falhas humanas e perda de documentos importantes.

Coleta e análise de dados

Um dos maiores impactos do RH digital foi a introdução do People Analytics. Trata-se de um conjunto de processos e ferramentas que coletam, compilam e analisam dados sobre o comportamento dos funcionários.

Essas informações são usadas no planejamento estratégico do setor, ajudando a entender melhor o cenário da empresa e a tomar decisões mais acertadas.

A partir dessa análise, é traçado um plano de ação para tornar os colaboradores mais engajados, motivados e produtivos.

O desenvolvimento de talentos, por exemplo, se torna muito mais eficiente. Ao colher dados sobre as competências de cada funcionário, é possível montar treinamentos mais adequados para ajudá-los a evoluir.

O mesmo ocorre com a concessão de benefícios. A análise de dados ajuda a entender as necessidades dos colaboradores, o que é essencial para melhorar o pacote de remuneração oferecido pela empresa.

Assim, a empresa consegue aumentar a satisfação da equipe e reter os melhores talentos.

O People Analytics também é muito útil para aumentar a eficiência do recrutamento. Basta avaliar o perfil dos maiores destaques da organização e buscar características similares nos futuros colaboradores. Assim, as chances de os novos contratados darem certo na empresa serão muito maiores.

Ponto digital

O RH digital utiliza um relógio de ponto digital ou aplicativo online para fazer o controle de jornada de trabalho. Esse método traz muitas vantagens em relação à tradicional folha de ponto, que cada vez mais cai em desuso nas organizações.

A maior delas é a segurança: o sistema não permite qualquer adulteração.

Tanto a empresa quanto o funcionário têm garantia de que as informações do ponto são verdadeiras. Assim, ninguém sai prejudicado, o que aumenta a confiança entre as partes e reduz o risco de ações trabalhistas.

Outro benefício é a praticidade na marcação. É possível bater o ponto com o crachá, impressão digital ou digitando um simples código.

No aplicativo de ponto, há ainda uma vantagem extra: não é preciso estar na empresa para informar o início e o fim da jornada. Com a popularização do trabalho remoto, isso é muito importante para verificar as horas trabalhadas.

Além das vantagens citadas, há também a eliminação de papelada, redução de falhas de cálculos e a automação da contagem de faltas e atrasos.

Também é possível gerar relatórios completos sobre as horas de trabalho dos funcionários, de maneira 100% digital.

Ferramentas de recrutamento e seleção

No RH digital, o recrutamento é quase todo feito online. Hoje, há diversas opções de sites para publicar vagas e buscar profissionais no mercado. Basta avaliar as necessidades da sua empresa e escolher as mais adequadas. Ter um sistema próprio para integrar o banco de currículos também é fundamental para agilizar o processo.

Se antes o RH perdia muito tempo analisando currículos para selecionar os melhores candidatos, agora isso não acontece mais. A primeira triagem é feita de forma automática, por meio de algoritmos capazes de filtrar as palavras-chave que a empresa busca.

Os testes e entrevistas iniciais são feitos online, o que representa uma grande economia de tempo e dinheiro para candidatos e empresas. Isso sem falar nas redes sociais, como o LinkedIn, que ajudam a encontrar as pessoas certas em menos tempo, a um custo relativamente baixo.

Todas essas possibilidades ajudam a otimizar o tempo e os investimentos, fazendo com que as organizações acertem muito mais nas suas contratações.

Agora que você já sabe tudo sobre o RH digital, é hora de colocar o que aprendeu em prática.

Faça uma análise do departamento da sua empresa e defina quais ferramentas podem ser usadas. Escolha um bom software de RH e adote métodos modernos para automatizar processos. Com isso, você com certeza colherá ótimos resultados.

Se você gostou do artigo, não se esqueça de compartilhá-lo nas redes sociais! Assim, você ajuda outros profissionais a entender mais sobre o avanço do RH digital.

 

 

Quer receber mais conteúdos como esse gratuitamente?

Cadastre-se para receber os nossos conteúdos por e-mail.

Email registrado com sucesso
Opa! E-mail inválido, verifique se o e-mail está correto.

Fale o que você pensa

O seu endereço de e-mail não será publicado.