quais são as principais causas de fechamento de uma empresa

Saiba quais são as principais causas de fechamento de uma empresa

Os números de empreendimentos que fecham as portas com pouco tempo de existência são alarmantes no Brasil. Isso significa que o desejo de empreender nem sempre está em pessoas preparadas para entrar no desafiador mundo dos negócios. De acordo com o Sebrae (Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas empresas), cerca de 25% das companhias abertas no país não sobrevivem ao segundo ano. Ou seja, 1 em cada 4 novas empresas de todos os setores fracassam.

Os motivos que levam ao fracasso das marcas são vários. O principal deles é a má gestão, ou seja, não investir em planejamentos, sejam eles financeiro ou estratégico.

Ainda segundo a instituição, 55% não elaboraram um plano de negócios antes de iniciar o funcionamento.  

Entretanto, outros motivos como pouco conhecimento do mercado escolhido e influência da vida pessoal no dia a dia podem atrapalhar o desenvolvimento da empresa.

Listamos abaixo as cinco principais causas de fechamento de uma empresa e quais ações podem ser feitas para prevenir sua empresa do fracasso. Confira! 

5 causas para o fechamento de uma empresa

Dados do IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística) mostram que boa parte das empresas no Brasil fecham as portas após cinco anos. Mas o que será que um número significativo de empresas vêm fazendo de errado? 

Destacamos abaixo cinco das principais causas de fechamento de uma empresa

  • Falta de conhecimento do mercado
  • Falta de identidade da marca
  • Falta de planejamento financeiro
  • Falta de planejamento estratégico
  • Misturar assuntos profissionais e pessoais

Vamos falar mais sobre elas em seguida e dar dicas sobre como evitá-las.

Falta de conhecimento do mercado

O mesmo levantamento do Sebrae apontou que os empresários não estudam o mercado no qual pretendem ingressar. 

A escolha normalmente é baseada em um gosto pessoal do proprietário, uma decisão que está ligada a uma das principais causas de fechamento de uma empresa.

Além de não ter experiência com a gestão de uma empresa, muitos empreendedores entram nessa jornada apenas pela vontade de “ter um negócio próprio”.

Porém, a grande maioria não se preocupa em analisar o cenário global. Por isso, caso tenha interesse em abrir uma empresa, capacite-se antes de arriscar todo o seu capital.

Um ponto que precisa ser avaliado antes de tomar essa decisão importante é conhecer os hábitos de consumo dos potenciais clientes. 

Quantificar qual a quantidade de pessoas que podem ser impactadas pela marca e analisar a concorrência também é essencial para evitar que essa seja uma das principais causas de fechamento de uma empresa. 

Escolher o local da empresa com consciência é igualmente importante. Além de entender quais fornecedores e profissionais (mão de obra qualificada) serão necessários para o andamento do negócio.

Falta de identidade da marca

Buscar inspiração em outros negócios de sucesso dentro do setor que resolveu investir é atitude comum dos novos empresários. Entretanto, é fundamental que a empresa crie sua própria identidade e diferencial.

Companhias que chegam no mercado para oferecer um produto ou serviço exatamente igual ao que já estão consolidados tendem a fracassar rapidamente. 

Ou seja, a falta de identidade da marca é uma das principais causas de fechamento de uma empresa. Portanto, como dissemos anteriormente, conheça sua concorrência.

Falta de planejamento financeiro

Depois de conhecer o mercado, é imprescindível que o empresário faça um planejamento financeiro completo para a empresa

Para saber mais sobre o tema, falamos sobre ele nesse artigo sobre como fazer um bom planejamento financeiro empresarial.

Muitos cometem o erro de pensar apenas no montante que será necessário para colocar o negócio em funcionamento, ou seja, o investimento inicial. Contudo, um valor que deve ser levado em consideração é o capital de giro.

Trata-se basicamente do valor necessário para manter a empresa em funcionamento e evitar que essa seja uma das principais causas de fechamento de uma empresa. 

Para fazer esse cálculo, o empresário deve projetar o fluxo de caixa (custos, despesas e possível faturamento), já que, via de regra, a maioria das companhias não têm lucro nos primeiros meses.

Além disso, quando o empreendedor conhece o público e o mercado, é possível fazer um panorama aproximado de quanto deseja que seja o lucro da empresa. Evitando assim que o planejamento financeiro se torne uma das principais causas de fechamento de uma empresa.

Falta de planejamento estratégico

De nada adianta prever o cenário monetário da empresa, se os responsáveis não pensarem também em como desejam alcançar os lucros almejados. Por essa razão, realizar um plano de ações é o próximo passo para um negócio de sucesso.

Esse será o documento que deixará claro para todos os envolvidos quais são os objetivos e metas da companhia e como pretende realizá-los, reduzindo os impactos dessa que é uma das principais causas de fechamento de uma empresa.

É nesse momento que deixamos de lado os ideais e começamos a pensar nas estratégias para colocar em prática. Por exemplo, se a empresa pretende vender 500 unidades no primeiro mês, o setor responsável deve pensar em ações para alcançar tal meta. 

Elas podem ser panfletagem para conhecerem o novo negócio ou até mesmo o envio de representantes até o cliente final.

As particularidades de cada negócio vão definir quais são essas atitudes, mas é ponto crucial que esse levantamento seja feito antes de inaugurar o novo empreendimento. Caso não saiba por onde começar, algumas ferramentas, como a análise SWOT, podem ajudar.

Misturar assuntos profissionais e pessoais

Um outro erro comum, que é tido como principais causas de fechamento de uma empresa, principalmente quando falamos de empresas de família, é não saber separar a vida profissional da pessoal.

Muitas vezes os negócios fracassam porque seus proprietários acabam envolvendo aspectos pessoais no dia a dia da empresa.

Um exemplo disso é não separar a conta bancária da pessoa física da pessoa jurídica e se atrapalhar quando o negócio não vai bem. Ao se ver com problema financeiro por conta da empresa, o dono decide fechar as portas.

O levantamento do Sebrae também mostrou que 7% das companhias encerram as atividades por conta de briga dos sócios. Por isso, escolher bem quem será o parceiro de negócios é essencial e, caso sejam familiares, a chance de desentendimentos entre as partes é maior.

A má gestão é o ponto principal do fechamento das empresas

Por esse motivo, antes de tomar essa decisão importante, atente-se a todos os passos que um empreendedor de sucesso precisa seguir. Estudo bem o setor em que deseja investir, planeje seus custos e despesas, analise seu capital de giro e estruture seu plano de ação.

As principais causas de fechamento de uma empresa estão relacionadas à má gestão. Caso não tenha conhecimento técnico para tocar o negócio, conte com o apoio de uma equipe especializada, principalmente em finanças.

Adicionalmente a todas essas dicas, procure sempre investir em produtos de qualidade e profissionais competentes para conquistar e fidelizar seus clientes. Por trás de toda grande empresa estão pessoas capacitadas, organização e bom serviço.

Gostou do nosso conteúdo sobre as principais causas de fechamento de uma empresa? Então, acompanhe a Xerpa nas redes sociais (Facebook, Instagram e LinkedIn) e receba em primeira mão mais informações como essas.

Quer receber mais conteúdos como esse gratuitamente?

Cadastre-se para receber os nossos conteúdos por e-mail.

Email registrado com sucesso
Opa! E-mail inválido, verifique se o e-mail está correto.

Fale o que você pensa

O seu endereço de e-mail não será publicado.