principais características da gestão por competências

As principais características da gestão por competências

Maximizar as habilidades dos colaboradores para que assim eles consigam potencializar os resultados da empresa, essa é principal função da gestão por competências

A gestão por competências é uma estratégia que visa potencializar o desempenho dos colaboradores para que se adequem às necessidades de sua função.

Dentro desse modelo, algumas características da gestão por competências são evidentes. Além de otimizar resultados, essa estratégia possibilita um desenvolvimento profissional maior dos colaboradores e uma economia maior de recursos.

Por meio dessas características da gestão por competências a empresa tem uma visão macro das habilidades e competências de seus colaboradores. Podendo assim, adequá-los para as vagas em que eles devem se sair melhor.

Neste artigo você vai conhecer as principais características da gestão por competências e o porquê você deve aplicá-la na sua empresa. Confira!

O que é gestão por competências

Trabalhar em equipe não significa que todos tenham que fazer tudo, mas sim ter a consciência do todo e do papel de cada um neste todo. – Daniel Godri Junior

A gestão por competências é um planejamento/estratégia das empresas que tem como foco identificar perfis e habilidades dos colaboradores. Entre as principais características da gestão por competências está a de possibilitar um aumento da produtividade da equipe.

Isso porque quando um colaborador sabe o seu papel dentro da organização e é colocado na função que corresponde as suas competências, o resultado é extremamente satisfatório. 

Dessa forma, dentro das características da gestão por competências se torna fundamental também a descrição de um cargo de forma meticulosa. 

A frase do autor e palestrante Daniel Godri Junior é perfeita para descrever as características da gestão por competências. Já que a empresa precisa, nesse modelo, reconhecer o papel de cada um e sua devida importância nos processos.

Características da gestão por competências

Quando a empresa implementa um modelo estratégico que potencializa as habilidades dos colaboradores, sua rotina é completamente alterada. Visto que há uma otimização dos resultados, impactando até mesmo nas técnicas dos processos seletivos.

Abaixo destacamos as principais características da gestão por competências:

 

Economiza recursos

Um das realidades mais desgastantes para uma empresa vem das consequências em função da alta taxa de turnover, que traz altos custos para a organização. Isso ocorre, em muitos casos, por um erro de contratação e a inadequação de profissionais aos cargos.

Uma das características da gestão por competências é reajustar os critérios dentro do processo de recrutamento e seleção. Assim, aumentam as chances de escolher a pessoa certa para a função correta.

Os parâmetros de contratação são mais assertivos na gestão por competências e a empresa passa a contratar com maior exatidão. Sabendo exatamente quais as habilidades são necessárias para preencher aquela função. Podendo assim, economizar com gastos futuros de demissão e admissões, uma vez que, assim, os colaboradores tendem a ficar mais tempo na empresa.

 

Realiza uma abordagem mais estratégica

Ter uma visão macro da empresa significa, principalmente, ter a capacidade de utilizar nos processos uma abordagem mais estratégica. E isso significa potencializar as habilidades do colaborador conforme sua compatibilidade com as funções.

Esse cenário só é possível se a empresa possuir um bom conhecimento de cada função e as habilidades necessárias para ocupá-la. Além disso, uma das características da gestão por competências é dar ênfase ao crescimento dos profissionais, incentivando ele a evoluir diariamente e oferecendo meios para que isso aconteça.

Na gestão por competências, a empresa tem em mente que quanto maior o aprimoramento profissional mais chances dos colaboradores oferecerem resultados as empresas.

 

Otimização de resultados

A otimização dos resultados faz parte das características da gestão por competências e está ligada a uma melhor organização da estrutura da empresa. Neste sentido se destaca a descrição das funções, com tarefas e habilidades necessárias.

Quando a empresa sabe exatamente do que necessita para cada função, ela consegue contratar melhor, realocar funcionários de forma assertiva e transformar pontos fracos em fortes.

Nesse modelo de gestão por competências os colaboradores estão em constante desenvolvimento, já que a empresa investe na sua carreira e confia na sua evolução. 

Identificar problemas, fraquezas e erros se tornam mais simples, e os investimentos em correções são mais corretos e sólidos, otimizando assim os resultados.

 

Facilita a adoção de soluções tecnológicas

A revolução tecnológica é um grande diferencial competitivo no mercado atual e nas características da gestão por competências. Isso porque faz parte desse modelo a otimização do tempo gasto com as rotinas burocráticas.

Pois assim, o departamento pessoal tem maior facilidade para investir em ações de gestão de pessoas.

Portanto, a adoção de soluções tecnológicas, seja com softwares de RH, ferramentas de admissão e recrutamento, podem ser extremamente benéficas para que a gestão por competências se torne efetiva.

 

Cria uma cultura de desenvolvimento contínuo

Por meio das características da gestão por competências é possível se criar na empresa uma cultura de desenvolvimento contínuo. Como as habilidades são parte essencial da gestão por competências, ela exige que a evolução profissional se torne um hábito.

Ou seja, empresas que adotaram esse modelo na sua rotina estão constantemente buscando capacitar seus profissionais com base em uma análise contínua dos resultados.

Pois, a partir daí, a empresa pode criar formações e capacitações que potencializem as competências dos colaboradores.

 

Foca no desenvolvimento profissional dos colaboradores

Como o foco, uma das características da gestão por competências é o aumento da produtividade. Portanto, o desenvolvimento dos colaboradores é parte importante desse processo. 

Isto é, a potencialidade das habilidades dos colaboradores é essencial nesse modelo. Logo, os treinamentos e capacitações ocorrem a todo o momento.

Na gestão por competências, a empresa reconhece que o desenvolvimento profissional dos colaboradores é fundamental para que os resultados sejam alcançados. O colaborador não só se torna importante para a empresa, mas passa a ser protagonista em suas função.

A gestão por competências potencializa os resultados

Adotar a gestão por competências na sua empresa pode ser um potencializador de resultados. Quando um colaborador é encaixado na função certa, ele tende a render mais e consequentemente a empresa tem maior facilidade na retenção de talentos.

E dentro das características da gestão por competências a empresa tem a chance de engajar os colaboradores, valorizar seus pontos fortes e desenvolver os pontos fracos.

Na gestão por competências o monitoramento é contínuo para que a empresa invista em ações para que os colaboradores cresçam na carreira e tenham um alto rendimento. 

Essa visão macro das funções que a gestão por competências oferece pode capacitar melhor os colaboradores em estratégias pontuais e mais eficazes. Assim o trabalho não só fica mais organizado, mas também é otimizado e as operações ficam mais eficientes.

 

Gostou do nosso artigo? Siga a Xerpa nas redes sociais Facebook, Instagram, Twitter e LinkedIn e fique por dentro dos melhores conteúdos de RH e Gestão do mercado.

 

Quer receber mais conteúdos como esse gratuitamente?

Cadastre-se para receber os nossos conteúdos por e-mail.

Email registrado com sucesso
Opa! E-mail inválido, verifique se o e-mail está correto.

Fale o que você pensa

O seu endereço de e-mail não será publicado.