Como posicionar sua empresa nas redes sociais?

posicionar empresa nas redes sociais

Saber como posicionar sua empresa nas redes sociais hoje não é mais uma opção para as companhias que querem estar bem colocadas no mercado, é uma necessidade. Entretanto, é necessário que seja feito um bom trabalho de gerenciamento de mídia para que o retorno seja positivo.

Atualmente, segundo a pesquisa Global Digital Overview 2020, mais de 140 milhões de brasileiros possuem contas em redes sociais. Além disso, a média é que cada indivíduo no país passe mais de 3 horas e 30 minutos conectados nas plataformas.

Apesar da maioria dos empreendedores entenderem a importância, muitos não sabem como posicionar sua empresa nas redes sociais e acabam cometendo erros que prejudicam a imagem da marca.

Por esse motivo, antes de criar perfis para sua empresa, é importante se atentar a alguns passos essenciais para obter o sucesso nas redes e, consequentemente, nos negócios. A estratégia para entrar no mundo digital precisa ser bem estudada.

Engana-se ainda quem pensa que os perfis nas redes sociais são apenas para as grandes empresas, micro e pequenos empreendedores podem e devem aproveitar-se desta tecnologia.

As redes sociais, além de fortalecimento de marca, podem ainda significar renda extra. Confira mais detalhes neste artigo do nosso blog.

Porém, antes de começar, que tal aprender um pouco mais sobre como posicionar sua empresa nas redes sociais?

Neste artigo, você vai saber mais sobre:

  • O que são as redes sociais?;
  • Qual a importância de utilizá-las para o sucesso da minha empresa?;
  • O que devo saber antes de criar os perfis da minha marca?;
  • 5 dicas de como posicionar sua empresa nas redes sociais;
  • Preciso ter um profissional especializado em mídias sociais?;
  • Qual o principal erro das empresas nas redes sociais?;

Então, vamos lá!

O que são as redes sociais?

Antes de começar a falarmos sobre como posicionar sua empresa nas redes sociais, é importante entender o que são as redes sociais. Trata-se de estruturas nas quais as pessoas podem se conectar, para interagir e compartilhar interesses em comuns.

As redes sociais podem ser ou não on-line. Porém, o termo se popularizou para se referir aos sites ou aplicativos da internet. Nessas plataformas, público e empresas podem se comunicar e compartilhar conteúdo.

Hoje em dia, as mídias sociais mais utilizadas são Instagram, Tik Tok (a mais recente febre da web), Facebook, Twitter e LinkedIn. Os mais velhos se lembram ainda dos famosos Orkut e ICQ e da onda dos filtros do Snapchat.

Fica claro então que as redes sociais são importantes elos de relacionamento entre marcas e consumidores, sejam eles jovens ou mais velhos. Atualmente, a internet não faz distinção sobre quem tem acesso a ela e é necessário estar atento a isso.

Qual a importância das redes sociais no sucesso da empresa?

A ascensão das redes sociais da internet, movimento que iniciou na década de 90, transformou a relação não apenas entre indivíduos comuns, mas também entre consumidores e marcas. 

Com essas plataformas, as empresas passam a ter um canal direto de comunicação com o cliente.

Desta forma, a famosa publicidade, que antes dependia da relação com outro veículo de comunicação, como jornais e canais televisivos, pode ser feita também pela marca em seus perfis.

Além de tudo isso, o investimento necessário para realizar campanhas nas redes sociais é infinitamente mais baixo do que anunciar na televisão.

Da mesma maneira, os consumidores que faziam reclamações via SAC (sistema de atendimento ao consumidor) ou órgãos de fiscalização, utilizam as redes para expor suas insatisfações. Assim, um caso isolado pode se tornar uma verdadeira crise de imagem.

Por isso, é importante ter uma boa presença na rede, criando um relacionamento de parceria com o público, sejam eles atuais ou potenciais clientes. As redes sociais são ainda um meio de atrair investidores para a sua marca.

No Brasil, onde mais da metade da população possui um perfil nessas plataformas, o empresário que não sabe como posicionar sua empresa nas redes sociais está perdendo dinheiro. Seja vendendo menos produtos que a concorrência ou não valorizando sua marca.

O que devo saber antes de criar os perfis da minha marca?

Você já deve ter ouvido falar que antes de contratar um profissional para determinada vaga, a equipe de recursos humanos costuma olhar os perfis nas redes sociais do candidato. O objetivo é verificar se os valores são compatíveis com o da empresa.

A mesma situação está ocorrendo com os consumidores antes de comprarem o produto. Mais do que o benefício do item em si, os clientes observam qual o posicionamento da marca em relação a assuntos que estão em pauta na sociedade, inclusive do ponto de vista político.

Atualmente, a preservação do meio ambiente, a luta contra o racismo e contra o preconceito com o público LGBTQIA+ são os temas que mais estão em discussão no Brasil. 

Por isso, toda organização que está nas redes sociais precisa se preocupar em como posicionar sua empresa nas redes sociais nestas e outras questões.

As redes sociais são a extensão dos valores das empresas e os canais nos quais essas mensagens serão passadas para o público externo. Então, é importante ter em mente que não se trata apenas de uma vitrine dos produtos, mas também da essência da marca.

É também pela imagem que as marcas passam em suas redes que muitos talentos escolhem em quais empresas gostariam de construir uma carreira. Uma companhia bem vista nas redes tendem a reter os melhores profissionais.

 5 dicas de como posicionar sua empresa nas redes sociais

Selecionamos abaixo 5 dicas para você saber exatamente como posicionar sua empresa nas redes sociais de maneira assertiva. 

1.   Conheça seu público

Antes de sair criando perfis nas plataformas disponíveis, o empreendedor deve analisar qual o perfil do seu público para assim determinar como posicionar sua empresa nas redes sociais.

Por exemplo, o público mais jovem está, em sua maioria, no Instagram e no Tik Tok, uma marca de vídeo game cometerá um deslize se focar suas energias no Facebook. 

Ou, uma de vitaminas para terceira idade, investindo no Tik Tok, já que esse público se concentra mais no Facebook.

Assim, ao conhecer seu público-alvo, será mais fácil definir em quais aplicativos sua marca deve estar e, principalmente, facilitará a definição do próximo passo.

2.   Estabeleça o objetivo dos seus perfis

Apesar dos perfis das redes sociais serem um canal direto de comunicação com o público, o ideal é determinar qual será o principal foco do canal da sua marca. 

Ele pode substituir ou agregar ao SAC da companhia, ser o canal de publicidade ou ainda a plataforma de vendas dos produtos. 

Ao definir esse objetivo, fica mais fácil criar a estratégia de interação com o público e o consumidor saberá exatamente o que irá encontrar nos seus perfis. Assim, ele não esperará solucionar um problema pelo Instagram, quando o canal ideal é o SAC e a sua marca deixou claro isso.

Um outro ponto importante é saber qual linguagem utilizar em cada rede social. Certamente, um perfil no Instagram deve ter linguagem mais jovem do que no Facebook. Mesmo que sejam da mesma marca e vendendo os mesmos produtos.

3.   Dê atenção ao conteúdo

Ninguém quer seguir uma marca para se deparar com o catálogo de produtos ou serviços oferecidos por ela, para isso, existe o site ou e-commerce 

É preciso entregar ao seu seguidor conteúdo de qualidade e que, especialmente, agregue valor ao que a companhia realiza. Além de divulgar seu produto, das dicas de como utilizá-lo, trazer entrevistas com especialistas, pesquisas sobre o seu setor. 

Enfim, dedique-se para produzir conteúdo que interesse ao seu seguidor. Também por isso é importante lembrar da dica 1, conheça seu público.

Muitos gestores devem ter dificuldades de visualizar maneiras de como posicionar sua empresa nas redes sociais, dependendo do setor em que está inserido. Um case de sucesso nas redes sociais é o da Magazine Luiza.

Inicialmente, foi criada a persona Lu do Magalu, que era a assistente digital da marca. 

Porém, com o advento das redes sociais, hoje já é conhecida como Influenciadora Virtual 3D. Em agosto, a personagem chegou ao TikTok e começou a interagir com outros influenciadores digitais.

A Lu já tem mais de 1 milhão de seguidores na plataforma e produz vídeos desde como dobrar roupas, forma correta de utilizar produtos como o aspirador de pó e adivinha? Todos eles estão disponíveis para serem adquiridos no site ou lojas físicas da marca.

É um excelente exemplo de como entregar conteúdo, interação e diversão para o público-alvo da companhia.

4.   Saiba gerenciar crises

Estar nas redes sociais é estar exposto a cometer erros que podem prejudicar a imagem da marca. Desta forma, além do cuidado de evitar posicionamento polêmicos, é necessário saber gerenciar crises e corrigir uma situação que fuja do controle do gestor.

O primeiro passo importante a saber é que não há vergonha nenhuma em pedir desculpas por alguma postagem ou fato que tenham refletido negativamente. Nem sempre será possível desfazer todo o dano causado, mas, certamente irá amenizar os impactos.

Apagar post ou comentário que não caiu bem para marca, nunca será uma saída bem vista pelo público. Principalmente, porque pode haver prints espalhados por toda a internet.

5.   Monitore os resultados

De nada adianta fazer um bom trabalho, se você não observar os números e os resultados alcançados pelo gerenciamento das redes sociais. Por meio das métricas, é possível analisar a necessidade de mudança de estratégia.

Se você ainda tiver dúvida de como posicionar sua empresa nas redes sociais, as primeiras ações podem servir como termômetro para avaliar o que está dando certo ou não. Vale perceber qual tipo de conteúdo gera mais engajamento.

Preciso ter um profissional especializado em mídias sociais?

Não é obrigatório ter um profissional para auxiliar, porém, é importante saber que o gerenciamento de redes sociais demanda tempo e conhecimento. 

Por isso, caso decida tomar conta sozinho dos seus perfis, certamente, você deixará de ter tempo para outras atividades.

Além disso, procurar cursos de especialização e investir em ferramentas de métricas ou gestão dos perfis pode custar mais do que contratar um profissional ou empresa especializada. Às vezes, o barato sai caro e saber o que fazer pode fazer toda a diferença.

Qual o principal erro das empresas nas redes sociais?

Um dos principais erros cometidos pelos empresários sobre como posicionar sua empresa nas redes sociais é criar uma série de perfis e não os gerenciar corretamente. Não basta apenas estar presente na plataforma, é necessário produzir conteúdo.

Nenhum seguidor se engajará com sua marca se for impactado apenas uma vez ou outra pelo seu conteúdo. O segredo para o sucesso na rede social é a constância de publicações, claro, sem deixar de zelar pela qualidade.

Outro erro que já falamos por aqui é estar nas plataformas erradas, pois você não se comunicará diretamente com quem consome seu produto ou serviço. Por esse motivo, invista tempo em conhecer seu consumidor.

Por fim, outro erro bastante comum é não se posicionar em questões polêmicas com medo de perder uma parcela de clientes. Obviamente, tomar uma posição neutra em alguns casos é a opção mais segura.

Entretanto, cada vez mais os consumidores deixam de acreditar em empresas que ficam em cima do muro em determinados assuntos. Por isso, é importante que a sua companhia saiba quais posicionamentos irá tomar e quando vale a pena expor a opinião para o público.

Como você pode perceber, não é fácil saber a melhor maneira de como posicionar sua empresa nas redes sociais. Porém, estar fora delas não é mais uma opção viável nos tempos atuais.

Se você quer obter sucesso em seu empreendimento, precisa ter uma boa presença digital e somente os sites tradicionais já não são suficientes para atrair os clientes. É necessário enxergar as redes sociais como aliadas, inclusive, do ponto de vista comercial.

 

Curtiu este post? Então, compartilhe esse conteúdo nas suas redes sociais e com amigos que podem se interessar pelo tema. 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Confira outros artigos que você pode se interessar