Como sair do vermelho e pagar dívidas com desconto?

pagar dívidas com desconto

Muitas pessoas e empresas encerraram 2020 no vermelho por causa dos impactos nos negócios deixados pela pandemia do covid-19. Por isso, a preocupação de se regularizar nesse começo de ano é alta.

É fato que quitar pendências financeiras traz uma sensação de alívio, não é mesmo? Mas você sabia que é possível pagar dívidas com desconto? A renegociação é prevista na lei, no entanto, muitas pessoas não sabem disso. Portanto, preparamos este conteúdo para esclarecer todas as possíveis dúvidas sobre o assunto. Você verá:

  • Como pagar dívidas com desconto?;
  • Como quitar dívidas com banco?;
  • Como tirar os juros de uma dívida?;
  • Vale a pena fazer empréstimo para pagar dívida?;
  • Como pagar dívidas negativadas e quitar cartão de crédito?;
  • Como o Xerpay pode ajudar a pagar dívidas com desconto?

Boa leitura!

Como pagar dívidas com desconto?

Quem já passou por situações em que esteve endividado, sabe muito bem como isso pode tirar o sono à noite e como a sensação de quitar as dívidas é libertadora. Mas você sabe como tornar isso ainda melhor? Conseguindo um bom desconto por meio de negociação.

Quando uma dívida fica atrasada, a pessoa corre o risco de ter seu nome incluído na lista de inadimplentes do Serasa ou SPC. Portanto, é importante saber negociar os valores para que isso não aconteça

A possibilidade de renegociar está prevista na lei e é um dos melhores caminhos para contornar esse problema e conquistar a tão sonhada saúde financeira. No entanto, há maneiras corretas de renegociar um débito. Caso contrário, você pode sair ainda mais endividado da situação.

Por meio de alguns passos, você pode aprender como tirar os juros de sua dívida e até ter um bom desconto. Confira 5 dicas úteis a seguir:

1. Planeje-se

Antes de mais nada, é necessário fazer um planejamento para quitar seus débitos. Você sabe exatamente quanto está devendo? Faça uma lista com todas as dívidas, contas com cartões de créditos, empréstimos, financiamentos, carnês, boletos e outras contas. Esse será o ponto de partida para renegociar suas dívidas.

2. Conheça o seu orçamento mensal

Após colocar tudo no papel, é importante analisar seu orçamento. Afinal, é preciso saber quanto você ganha e gasta para encontrar um equilíbrio e poder economizar. Para pagar dívidas, é importante fazer cortes desnecessários. 

3. Determine quanto poderá gastar no momento

Após analisar seus ganhos e gastos, ficará mais fácil entender qual valor você conseguirá dedicar a pagar na negociação de suas dívidas.

Nesse momento, caso seja possível, ofereça a possibilidade de realizar o pagamento à vista, pois os descontos serão muito mais vantajosos. 

No entanto, se essa opção for inviável, atente-se ao limite que poderá gastar por mês. Caso contrário, você não conseguirá continuar pagando as parcelas ao longo do tempo, criando uma dívida ainda maior.

4. Negocie

Chegou o momento de realizar a negociação de fato. É possível renegociar diretamente com o credor, em feirões para limpar o nome, por meio do refinanciamento de dívida ou por portabilidade de uma instituição para outra. 

Você deve sempre buscar por canais oficiais para realizar a negociação. Para isso, basta ir na agência de seu banco ou contatar a empresa pelos canais de atendimento oficiais. 

Inicialmente, os bancos tentarão cobrar o valor total da dívida com juros. Entretanto, é possível insistir e conseguir condições melhores, que se adequem a sua realidade. Portanto, dite as regras da negociação.

5. Entenda as condições da renegociação

Para de fato entender como pagar dívidas com desconto, é necessário compreender todas as condições da renegociação.

Caso opte por fazer novas parcelas da dívida, fique atento aos juros a longo prazo para não tornar seu débito ainda maior. Além disso, solicite ao credor a carta de quitação após o pagamento e verifique em quanto tempo sua situação será regularizada se seu nome já estiver negativado no Serasa.

Como quitar dívidas com banco?

Atualmente, fazer um acordo para limpar o nome está mais fácil. Há empresas que prestam esse serviço, como o Serasa Limpa Nome, que permite que você faça toda a negociação pela internet, evitando ter que ir a uma agência bancária. 

No entanto, caso você queira saber como quitar dívidas com bancos diretamente, é necessário procurar o seu gerente para tentar negociar a melhor forma de pagamento.

Muitas instituições financeiras costumam flexibilizar os pagamentos e até oferecer descontos, principalmente para pagamentos à vista, mas é preciso estar preparado.

Você deve fazer uma proposta ao banco que seja vantajosa para ambos. Portanto considere as seguintes questões:

  • qual será o desconto sobre a dívida total;
  • qual será a nova taxa de juros das parcelas;
  • quanto tempo levará para regularizar o nome negativado;
  • a instituição oferece uma carta de quitação no final do pagamento.

Para finalizar a negociação com o banco, é fundamental pedir a emissão da proposta por escrito. Assim você terá a garantia de que o que foi proposto será cumprido corretamente.

Como tirar os juros de uma dívida?

Antes de fechar um acordo de renegociação de dívidas, é importante fazer simulações com agentes financeiros diferentes. Isso irá garantir que você escolha a melhor proposta.

Além disso, com diferentes propostas em mãos, você conseguirá ter melhores argumentos para fazer uma contraproposta e conseguir maiores descontos

Os leilões feitos pelo Serasa Limpa nome são excelentes alternativas para conseguir retirar os juros de uma dívida e, assim, poder pagar todas as contas atrasadas.

Vale a pena fazer empréstimo para pagar dívida?

Muitas pessoas quando começam a aprender como pagar dívidas com descontos, acreditam que o empréstimo é o vilão da saúde financeira. Isso acontece, pois, os empréstimos bancários são a principal fonte que levam os brasileiros a terem seus nomes negativados no Serasa.

Entretanto, o empréstimo para quitar dívidas pode ser uma opção viável em algumas situações. No entanto, é preciso considerar alguns pontos. 

Um empréstimo pode ser vantajoso quando a pessoa já tem uma dívida alta ou pretende fazer um financiamento Mas o ideal é conseguir negociar com o banco um valor baixo para os juros desse empréstimo.  

Outra forma de reduzir os juros de uma dívida é por meio de empréstimos consignados, que descontam em folha de pagamento ou que permitem dar bens de garantia, como carros e imóveis.

Nessa opção, os bancos costumam reduzir ainda mais as taxas de juros, pois terão uma garantia maior de que a pessoa irá honrar com o seu empréstimo.

Como pagar dívidas negativadas e quitar cartão de crédito?

As dívidas negativadas são aquelas que o consumidor não conseguiu realizar o pagamento e teve seu nome incluído nos órgãos de proteção ao crédito, como Serasa ou SPC. 

Essa situação é conhecida como “nome sujo” e impede que a pessoa consiga fazer empréstimos ou financiamentos, já que sua pontuação de crédito estará baixa. 

Para saber se você possui uma dívida negativada é preciso consultar os sites do Serasa e SPC por meio de seu CPF. Caso esteja, o ideal é que você busque realizar a quitação de todas as dívidas para ter seu “nome limpo” novamente.

As empresas credoras possuem grande interesse nessa quitação, por isso, é possível fazer negociações com condições favoráveis para você. É possível, inclusive, buscar por empresas especializadas nesse tipo de acordo para lhe auxiliar.

Após o pagamento da dívida, é obrigação da empresa limpar seu nome e retirar a dívida negativada, e isso deve ser feito em até 5 dias úteis após o pagamento.

Agora, se o seu problema é com cartão de crédito, é necessário tomar cuidado com os juros, pois costumam ser os mais altos do mercado. Portanto, procure realizar uma negociação com o banco o mais rápido possível.

Além disso, enquanto estiver endividado, deixe de utilizar aquele cartão de crédito, caso contrário a situação se tornará uma bola de neve. 

Como o Xerpay pode ajudar a pagar dívidas com desconto?

Uma última opção para pagar dívidas com desconto é utilizar o Xerpay, que é ideal para consumidores que vivem no limite de seu orçamento e ainda possuem débitos a serem quitados.

O Xerpay é uma funcionalidade do software de gestão da Xerpa que oferece maior autonomia aos colaboradores de seus próprios pagamentos. Ele permite sacar o salário disponível a qualquer momento e até mesmo adiantar o Décimo Terceiro salário.

Desse modo, caso você deseje pagar dívidas com desconto, pode adiantar o pagamento para negociar uma quitação à vista e garantir melhores descontos.

Além de ter menos burocracia, ele tem custo zero para as empresas e possibilita um melhor bem-estar financeiro para todos os funcionários. Caso você queira se aprofundar no assunto e entender todos os benefícios do Xerpay para sua empresa, sugerimos a leitura deste artigo.

Como você pôde ver, é possível realizar diversas negociações e conseguir pagar dívidas com descontos. No entanto, é fundamental também evitar novas dívidas. Para isso, a pessoa deve sempre ficar de olho no seu orçamento para gastar menos do que ganha. Apenas assim será possível equilibrar os gastos e conquistar uma saúde financeira.

 

Achou estas dicas interessantes? Siga a Xerpa nas redes sociais – Facebook, Instagram, Twitter e LinkedIn – e fique por dentro de todos nossos conteúdos!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Confira outros artigos que você pode se interessar