como organizar arquivos do departamento pessoal

7 dicas infalíveis para organizar o recrutamento e seleção

Organizar o recrutamento e seleção de pessoas é essencial para qualquer empresa. Melhorar a equipe de trabalho é fundamental e para isso, um setor de rh preparado para encontrar, desde o começo, os profissionais mais adequados é indispensável. O processo pode ser um desafio, por isso separamos 7 dicas e passos para ajudar a estruturá-lo:

  1. definir o cargo;
  2. descrever o C.H.A. e os valores do novo candidato;
  3. ter um cronograma detalhado das atividades;
  4. definir os canais de comunicação para o recrutamento;
  5. determinar métricas para avaliação, crie roteiros de entrevista e aplique ferramentas de mapeamento comportamental;
  6. fazer a seleção;
  7. dar um feedback.

Além disso, para chamar a atenção dos talentos que a sua empresa procura, é importante apresentar um employer branding forte, e ter todas as informações estratégicas da vaga reunidas em um job description completo.

Levando isso em consideração para organizar o recrutamento e seleção, confira a seguir as dicas detalhadas uma a uma!

Como organizar o recrutamento e seleção?

É preciso ter atenção a cada uma das etapas do processo de recrutamento e seleção, pois elas estão inter-relacionadas. Quando uma delas não é bem executada, todo processo fica comprometido. Inclusive, esse é um dos maiores desafios enfrentados pela equipe de RH para realizar contratações com eficiência.

>> Produzimos um livro digital que apresenta um passo a passo para a produção de um planejamento de recrutamento e seleção assertivo. Clique aqui e acesse agora mesmo!

Confira o passo a passo e dicas, logo abaixo!

 

1. Definir o cargo

Você deve criar o job description com todos os critérios de seleção bem definidos:

  • título da vaga;
  • faixa salarial;
  • benefícios corporativos;
  • responsabilidades a serem assumidas;
  • escolaridade;
  • qualificações mínimas necessárias;
  • experiência mínima;
  • habilidades pessoais;
  • competências técnicas;
  • conhecimentos específicos;
  • valores pessoais, dentre outros que interessem a sua empresa.

Tente ser sucinto, o intuito é que as informações mais importantes e estratégicas estejam reunidas em um local de fácil acesso.

 

2. Descreva o C.H.A. e os valores do candidato

Faça a descrição do C.H.A. (Conhecimentos, Habilidades e Atitudes) do candidato ideal. Assim, o recrutamento por um candidato com um perfil aproximado ao ideal fica mais fácil, organizado e eficiente.

Essa descrição pode envolver os valores do candidato, permitindo que uma identificação ou não com a cultura organizacional da empresa seja feita. Esse tipo de recrutamento é chamado de Fit Cultural.

 

3. Tenha um cronograma detalhado das atividades

A parte crucial do processo de recrutamento e seleção é a organização. É essencial ter um cronograma bem definido, alinhado a realidade do processo e do tempo da equipe de RH. Quanto tempo levará cada etapa, do recrutamento a contratação?

Definir as datas, horários de cada atividade, quem participará e/ou será o responsável por cada parte do processo, são detalhes que farão toda diferença na organização do recrutamento.

 

4. Defina os canais de comunicação para o recrutamento

Organizar o recrutamento e seleção de novos colaboradores exige atenção absoluta com a comunicação. É preciso transmitir as informações com clareza e passar confiança, ser transparente quanto a imagem da empresa.

Por isso, definir os canais de comunicação exclusivos com os candidatos é fundamental.

Seja por meio de um e-mail direto com o RH, o setor de “Trabalhe Conosco” do site oficial, sites populares de empregos, indicações de confiança, anúncios em veículos de comunicação diversos, publicações nas redes sociais,… O candidato deve entender qual é o canal de comunicação que ele deverá usar para enviar seus documentos e se candidatar de forma apropriada.

 

5. Defina métricas, crie roteiros de entrevista e utilize ferramentas

Desenvolva formulários específicos para esta candidatura, defina métricas e indicadores para uma avaliação prática e otimizada, crie roteiros de entrevista e aplique ferramentas de mapeamento comportamental, de acordo com o cargo – por exemplo: testes de criatividade, psicotécnicos, interpretação, raciocínio lógico, oralidade, etc.

>> Entenda mais sobre testes de recrutamento e seleção: clique aqui!

Esse material servirá como um guia e um indicador de qualidade. Ao aplicá-los no processo de recrutamento e seleção, é possível fazer constatações mais rápidas, eficientes e organizadas.

 

6. Seleção

Finalizadas as avaliações dos candidatos, chegou a hora de selecionar quais profissionais têm perfil para interagir diretamente com a sua equipe.

Uma maneira de facilitar esse processo é usando softwares de RH, que permitem registrar o histórico e a evolução de cada candidato. Assim, os filtros permitirão avaliar os principais pontos levados em consideração para a vaga em questão.

 

Feedback

Ao contrário do que muitas empresas acreditam, dar feedback negativo é tão importante quanto dar o positivo. Notificar apenas os candidatos aprovados gera uma economia de tempo e trabalho, contudo pode comprometer a imagem da sua empresa diante diversos profissionais.

Se algum candidato insatisfeito propagar uma opinião negativa, possivelmente, outros potenciais candidatos podem ser impactados. Assim, futuros recrutamentos podem ser afetados, além da imagem insensível que a empresa passa.  

Independente do resultado, a equipe de RH deve preparar feedback explicando a situação. É ainda mais bacana quando um breve comentário acompanha a notificação. Em caso positivo, reforce os pontos em que o candidato se destacou, e em negativos, explicite quais pontos o candidato poderia melhorar.

O que o RH deve se atentar?

O segredo para organizar o recrutamento e seleção de forma assertiva e eficiente está na estratégia implementada. É preciso definir um planejamento estratégico e buscar as metas com o potencial máximo da equipe de RH. Por isso, a equipe ainda deve:

  • dedicar tempo: com os demais afazeres de gestão de pessoas, é comum que a organização do recrutamento e seleção fiquem em segundo plano. Contudo, é essencial que uma arte da equipe reserve um tempo e se dedique de forma integral ao processo;
  • contar com especialistas: tenha na sua equipe profissionais especialistas em recrutamento e otimize o processo;
  • usar ferramentas adequadas: softwares específicos para Recursos Humanos disponibilizam a automatização de diversas tarefas em recrutamento. Estar atento às opções de ferramentas disponíveis para potencializar o processo seletivo é obrigatório.

Organizar o recrutamento e seleção de uma empresa, não é uma tarefa simples, é necessário um bom time de RH e muito planejamento para o sucesso do processo. Apenas assim, será possível encontrar os melhores talentos do mercado que se encaixem em sua organização.

Gostou? Siga a Xerpa nas redes sociais – Facebook, Instagram, Twitter e LinkedIn – e conta pra gente como o RH da sua empresa organiza o recrutamento e seleção de novos talentos!

Quer receber mais conteúdos como esse gratuitamente?

Cadastre-se para receber os nossos conteúdos por e-mail.

Email registrado com sucesso
Opa! E-mail inválido, verifique se o e-mail está correto.

Fale o que você pensa

O seu endereço de e-mail não será publicado.