O que é política de crédito

O que é política de crédito e quais as vantagens e desvantagens

O que é política de crédito? É um conjunto de normas utilizado para guiar atividades de financiamento ou empréstimo de recursos, de modo que seja possível equilibrar os objetivos de lucro da empresa e as necessidades do cliente. Cada empresa deve estruturar uma política de crédito eficiente para sustentar suas atividades estrategicamente.

O objetivo do conceito por trás do que é política de crédito é:

  • reduzir ao máximo os riscos de inadimplência;
  • desenvolver técnicas mais sofisticadas de cobrança;
  • capacitar a equipe para contornar situações adversas;
  • adotar métodos que assegurem o lucro e assim por diante.

Por isso, adotar uma política de crédito deve ser uma prioridade para a sua empresa.

Mas também é importante estar ciente de que ela deve ser bem estruturada para assegurar tais potenciais.

Leia também: Como reduzir a inadimplência na empresa? Confira as melhores dicas!

Acompanhe o post, entenda melhor o que é política de crédito e conheça os pontos positivos e negativos da adoção de uma política de crédito para a saúde financeira do seu negócio. Boa leitura.

O que é política de crédito?

Crédito e cobrança devem compor um sistema integrado de gestão, equilibrando as necessidades de cada parte do processo para garantir a eficiência na redução de perdas financeiras e sustentar a capacidade lucrativa.

De um lado, conceder crédito de maneira mais criteriosa e de outro implementar estratégias para reduzir a inadimplência e controlar seus danos.

Se você quiser saber mais sobre inadimplência, recomendamos a leitura do artigo;O que é inadimplência? 4 razões para se preocupar + dicas para evitar”, ele apresenta todos os detalhes e razões para atentar-se ao problema.

Voltando ao tema deste artigo, a política de crédito é, justamente, esse sistema de critérios que permite que o processo de financiamento e/ou empréstimo de recursos seja executado com segurança e inteligência.

Quais os critérios necessários para a criação de uma política de crédito?

Diversos são os fatores que a sua empresa deve analisar na hora de criar uma política de crédito, tanto internamente quanto externamente.

Internamente deve analisar pontos como:

Externamente, deve considerar questões como:

  • o motivo do pedido de concessão;
  • o perfil do cliente;
  • a capacidade de retorno do investimento;
  • o posicionamento da solicitante no mercado;
  • o seu faturamento e rendimento, e assim por diante.

Essas informações servirão de subsídios para que você consiga estruturar os critérios que deverão ser considerados indispensavelmente. Garantindo assim, que as particularidades do seu negócio sejam consideradas e o sistema favoreça o cumprimento de objetivos estratégicos e da gestão de metas.

Outra questão essencial é estar por dentro de conceitos específicos do setor de crédito. Um exemplo importante é os 5 Cs:

  1.  Caráter: trata-se do risco moral, ou seja, a propensão do cliente em honrar o acordo;
  2. Capacidade: as condições do cliente para o pagamento;
  3. Capital: a situação financeira do cliente;
  4. Condições: as variáveis da economia no momento em que o crédito é concedido;
  5. Colateral: as garantias que o cliente oferece para pagamento do crédito.

Quer saber mais sobre análise de crédito? O vídeo abaixo aborda o assunto. Vale a pena conferir.

Quais os objetivos da política de crédito?

Assim como dissemos, os propósitos da adoção do que é uma política de crédito são:

  • minimizar a ocorrência da inadimplência;
  • refinar metodologias de cobrança;
  • preparar a força de trabalho para a ocorrência de adversidades;
  • estruturar operações táticas que reforcem a capacidade lucrativa;
  • potencializar a gestão de crise;
  • assegurar que o credor atinja resultados satisfatórios;
  • realizar ajustes confiáveis para movimentações de risco;
  • minimizar perdas financeiras.

Para conquistar esses resultados, a política de crédito deve ser estruturada com primazia, considerando o real cenário organizacional e as condições do mercado.

Quais as vantagens de adotar uma política de crédito?

Assim como já deu para perceber, uma política de crédito bem estruturada traz diversos benefícios para a sua organização. Confira a seguir as principais!

Solução para a inadimplência

Uma das vantagens mais importantes é a garantia da redução dos índices de inadimplência.

Por meio de critérios de avaliação mais rígidos, a política assegura que os acordos de concessão sejam mais seguros e lucrativos.

Redução de custos operacionais

Com regras metodológicas claras, as operações deixam de ser subjetivas e passam a ser embasadas em dados fundamentados.

Desta forma, um padrão é estabelecido para que as decisões sejam mais assertivas e os controle orçamentário seja mais eficaz.

Aumento do diferencial competitivo

A política de crédito permite que a empresa realize vendas com mais agilidade.

O cliente recebe respostas mais rápidas e sem entraves que possam comprometer a negociação.

Isso potencializa o diferencial competitivo, já que o cliente fica mais satisfeito pela prontidão e facilidade.

Aquisição de novos clientes

Com esse diferencial competitivo, a empresa credora ganha mais visibilidade e é capaz de conquistar clientes com mais facilidade. Por meio de divulgações indiretas, potenciais clientes podem ser impactados.

Vendas mais qualificadas

Com uma política de crédito alinhada com a atuação da sua empresa, fica mais fácil identificar boas oportunidades de negócio. As negociações ganham qualidade e segurança a partir de fatores como:

  • compreensão do perfil da empresa;
  • perfil do cliente;
  • identificação dos objetivos partilhados.

Quais as desvantagens de adotar uma política de crédito?

As desvantagens são consequências de uma estruturação falha. Implementar uma política de crédito que não esteja alinhada às reais necessidades e demandas da organização pode trazer consequências severas a sua saúde financeira. Confira algumas situações.

Conceder crédito sem critério

A falta de critérios para validar um pedido de concessão de crédito pode aumentar drasticamente os níveis de inadimplência, já que não existem seguranças e nem estratégias de prevenção financeira.

Ser excessivamente cuidadoso

Sem uma política de crédito eficiente, os processos ficam muito amplos e as possibilidades de intervenção se tornam ilimitadas.

Isso gera um controle excessivo sobre as etapas, dificultando o acesso dos clientes ao crédito e, como consequência, afastando-os.

Atrasar a concessão do valor

Outra desvantagem é a falta de organização. Como não existem processos eficientes e regras definidas, as concessões podem atrasar por:

  • falta de prioridade;
  • controle excessivo;
  • negligência.

Necessitar de reanálises constantemente

Como não existem garantias asseguradas por uma política eficiente, a reanálise de todos os processos acaba sendo uma necessidade.

Isso acaba atrasando o fluxo de acesso ao crédito, prejudicando a reputação da organização, gerando insegurança, comprometendo a avaliação e assim por diante.

Se a sua empresa vende ou empresta recursos para outra pessoa jurídica, criar uma política de crédito e cobrança bem estruturada deve ser uma regra.

A partir da aplicação do que é política de crédito, a capacidade de garantir a saúde financeira do seu negócio se fortalece, oferecendo qualidade e segurança a gestão.

Contas em dia! Como conquistar isso?

Nem sempre as políticas de crédito não auxiliar as pessoas que mais estão precisando de apoio para retomar a saúde financeira.

Ter um score baixo, por exemplo, é vai atrapalhar quem precisa de crédito para sair das dividas, entretanto, há luz no fim do túnel e ela promete ser ainda mais vantajosa para quem optar por ela.

Uma das formas de ter uma saúde financeira mais saudável é trabalhar em uma empresa que oferece salário sob demanda ou indicar essa modalidade para os seus gestores.

Se você trabalha para uma empresa pode indicar esse modelo de remuneração que irá beneficiar a empresa, você e seus colegas de trabalho.

Se é um empreendedor pode aproveitar as inúmeras vantagens de adotar esse benefício corporativo. Entre as vantagens está:

  • a diminuição do turnover;
  • o aumento da produtividade de seus colaboradores.

No vídeo a seguir você conhece o Xerpay e descobre como ele pode ser a solução para funcionários e para sua gestão..

Essa ferramenta está mudando a forma como os funcionários lidam com o seu salário e gerando mais satisfação e motivação da equipe com a empresa.

O Xerpay pode ser um dos benefícios mais valorizados por quem trabalha em sua empresa. Fale com um especialista e conheça mais!

> Siga a Xerpa nas redes sociais (FacebookInstagram e LinkedIn) e veja mais conteúdos como esse.

Quer receber mais conteúdos como esse gratuitamente?

Cadastre-se para receber os nossos conteúdos por e-mail.

Email registrado com sucesso
Opa! E-mail inválido, verifique se o e-mail está correto.

Fale o que você pensa

O seu endereço de e-mail não será publicado.