mercado de trabalho vê o diploma EaD

Como o mercado de trabalho vê o diploma EaD?

Sem dúvida alguma o ensino a distância representa uma das maiores revoluções dos últimos tempos quando o assunto é educação e método de ensinoMas como o mercado de trabalho vê o diploma EaD?

Saber como a educação a distância é vista pelas empresas, ajuda na construção de um plano de carreira, além de combater as desigualdades e preconceitos que a falta de estudos pode causar, afinal, o ensino EaD é muito mais barato.

Pensando nisso, aqui neste artigo vamos falar sobre:

  • O crescimento do EaD no Brasil;
  • Como os formados no EaD impactam o mercado de trabalho;
  • As vantagens do ensino EaD na atualidade;
  • As dificuldades dos formados em EaD no mercado atual; 
  • 3 dicas para alcançar o sucesso com certificado a distância.

Quer saber como o mercado de trabalho vê o diploma EaD, e os melhores caminhos para se tornar um profissional de sucesso com formação nessa metodologia? Então, acompanhe esse texto até o final! Boa leitura!

O crescimento do EaD no Brasil

A pandemia do novo coronavírus, e a necessidade de isolamento social, impulsionaram o crescimento do EaD no Brasil e no mundo.

Afinal, o fechamento das escolas e a conversão do ensino presencial para o ensino remoto tem feito muitas pessoas repensarem a necessidade de sair de casa todos os dias para estudar. 

Segundo o censo do Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep), desde 2018 o Brasil oferece mais vagas no ensino a distância do que na modalidade presencial. 

Somente naquele ano, nosso país já somava mais de 7,1 milhões de oportunidades no EAD.

Observando esses dados fica fácil perceber que a tendência é que o formato continue crescendo e ganhando destaque, tanto em relação a graduação e pós quanto em cursos livres. 

Com isso, entender como o mercado de trabalho vê o diploma EaD e as melhores técnicas para se destacar com esse certificado é muito bom. 

Como os formados no EaD impactam o mercado de trabalho

Segundo uma pesquisa da Associação Brasileira de Educação a Distância, no ano de 2019 já tínhamos mais de 9 milhões de estudantes estudando a distância.

Nesse cenário fica claro o crescimento da busca por qualificação, o que também reflete no mercado de trabalho.

Os cursos a distância oferecem hoje uma metodologia bem diferente, o que automaticamente impacta as formações e também o futuro dos estudantes.

Com a ausência de um professor em sala, as habilidades autodidatas são aprimoradas, ajudando no desenvolvimento da independência.

Com base nisso, é fato que o modo como o mercado de trabalho vê o diploma EaD é cada vez mais positivo.

As vantagens do ensino EAD na atualidade

O ensino a distância já não é apenas uma forma de aprender em crescimento, mas uma realidade consolidada no atual cenário do Brasil.

Com milhões de alunos espalhados no território nacional, a educação a distância tem se tornado o principal formato de estudos por aqui.

Anos atrás isso seria considerado loucura, mas o EaD agora representa a era digital que vivemos, e reforça a importância da relação da educação com a tecnologia.

Nesse cenário, os benefícios de aderir ao EAD crescem todos os dias e nos mais variados sentidos possíveis. Confira alguns dos principais abaixo! 

Flexibilidade

Com toda a certeza um dos maiores motivos para o crescimento acelerado do EAD é a flexibilidade

Aulas assistidas em qualquer hoje e local, ideal para quem não tem tempo para ir todos os dias até um local específico. 

Isso conquista pessoas de faixa etária a partir dos 25 anos, que comumente já possuem família, emprego e vivem uma dupla jornada. 

Nesse sentido, estudar adistância é uma ótima opção para quem deseja construir uma carreira acadêmica ou conseguir novas oportunidades no mercado, mesmo sem muito tempo livre disponível. 

Acesso a tecnologia 

O EAD é considerado atualmente uma das maiores representações da era digital em nosso dia a dia. Afinal, ele é simples, rápido, tecnológico e conta 100% com o auxílio da internet, tanto para acompanhamento das aulas quanto para envio e realização de atividades.

Nesse sentido, o aluno da educação a distância costuma ter bastante habilidade com a tecnologia, tendo em vista que a utiliza durante suas aulas com frequência.

Essa competência, por sua vez, é bem interessante quando o tema é como o mercado de trabalho vê o diploma EaD, já que a manipulação de softwares e máquinas é essencial na indústria 4.0. 

Diversos estudos paralelos 

Não é nenhum segredo que na atualidade todos os dias surgem novos temas relacionados ao mundo corporativo e ao mercado de trabalho

Nesse cenário, o profissional que deseja alcançar o sucesso precisa estar sempre se atualizando, buscando conhecimento e adquirindo habilidades com todos os assuntos e ferramentas.

Pensando nisso, outro grande ponto positivo do EAD é a poder realizar mais de um curso ao mesmo tempo, seja em nível superior ou formato livre.

Com a independência e a não necessidade de comparecer a sedes presenciais, o aluno pode organizar sua agenda para aprender sobre diversos temas, sem problemas com sua rotina.

Está precisando de algumas dicas para organizar a sua rotina de trabalho ou de estudos? Confira neste artigo: Como organizar as tarefas do trabalho: 10 dicas para otimizar a rotina da sua empresa

Valor reduzido 

Nas universidades EAD de maior porte e reconhecimento, um curso a distância pode custar metade do valor que o mesmo curso na modalidade tradicional. Em instituições menores o custo cai ainda mais.

Esse é um fator de influência direta na democratização do ensino superior no Brasil, que segue crescendo desde o ano de 2010, ainda que abaixo da meta estipulada pelo Ministério da Educação.

Nesse sentido, não dá para negar que o EAD no Brasil é hoje uma poderosa ferramenta social. 

Com ele é possível trazer oportunidades para as classes sociais menos abastadas, bem como proporcionar a realização do sonho de construção de uma carreira profissional, antes reservado para pessoas que já possuíam condições financeiras favoráveis aos estudos. 

As dificuldades dos formados em EaD no mercado atual 

O crescimento do ensino a distância no Brasil é um fator de muito destaque em relação aos números do ensino superior como um todo no nosso país.

Isso significa que grande parte dos profissionais hoje graduados são formatos através do EAD e estão procurando novas formas de aplicar os seus conhecimentos dentro do mercado de trabalho. 

No entanto, isso não significa que não existem dificuldades. Abaixo separamos as principais delas. Acompanhe!

Preferência por ensino presencial

São muitos os profissionais formados procurando oportunidades para trabalhar, e várias empresas ainda prezam pela escolha de um candidato com graduação presencial na hora das seleções.

Essa com toda a certeza é uma das maiores dificuldades do profissional formando em EaD. Mesmo que o formato como o mercado de trabalho vê o diploma de educação a distância esteja se tornando cada vez mais positivo, o preconceito ainda existe e precisa. 

Necessidade de experiência no mercado

É essencial que o aluno do EAD busque não apenas por certificados, mas por experiência no campo de trabalho. Assim, tem-se uma maior argumentação na hora de concorrer às vagas, apoiando-se em mais um pilar além do diploma na área. 

Em alunos da modalidade presencial esse não é um problema comum, já que o estudante consegue oportunidades enquanto ainda está se graduando.

Pouca qualidade das instituições

É preciso dizer também que o crescimento do formato EAD abriu portas para um maior número de instituições com ofertas de cursos. Nesse sentido, a concorrência na área é grande e, para ofertar menores preços, várias universidades oferecem cursos com qualidade inferior à necessária. 

Portanto, antes de ingressar no mercado é fundamental que o aluno realize pesquisas e leve em conta também o renome da instituição na qual ingressará. 

Como o mercado de trabalho vê o diploma EaD: dicas para se qualificar

Como você pode perceber, o crescimento do EAD no Brasil é real, evidente e tende a aumentar a cada dia. Mesmo com as dificuldades relacionadas ao preconceito remanescente em algumas empresas, já são milhares de profissionais formados no ensino a distância alcançando cargos altíssimos dentro das companhias. 

Nesse sentido, quem está pensando em investir no ramo e começar a carreira acadêmica não precisa ficar preocupado. Todos os dias o mercado se torna mais aberto e favorável ao ensino remoto, abrangendo profissionais de todas as áreas e dando-lhes excelentes oportunidades.

É interessante trabalhar para compreender como o mercado de trabalho vê o diploma EaD e tornar seu currículo ainda mais adequado  a carreira que você escolher.

Desse modo, o crescimento profissional se tornará uma realidade presente em sua carreira, bem como a tão sonhada liberdade financeira.

Confira algumas dicas para alcançar esse sucesso abaixo!

Sempre preze pela qualidade da instituição 

Como citamos anteriormente, o crescimento do EAD no Brasil se mostrou um cenário muito favorável para a abertura de diversas universidades e instituições do ramo. Isso significa que a concorrência na área é grande, assim como o número de propostas que o candidato recebe ao decidir entrar nessa área. 

No entanto, o local onde o curso foi feito importa mais que o certificado. A credibilidade da universidade possui relação direta com a qualidade do curso, bem como os conhecimentos os quais o aluno adquire enquanto estiver nela. 

Nesse sentido, realizar uma pesquisa e só ingressar em locais com certificação do Ministério da Educação é muito importante. Desse modo, garante-se que o diploma terá o peso necessário para a conquista de vagas na área. 

Outra dica bem bacana nesse sentido é procurar por cursos EAD oferecidos pelas universidades públicas do país. Várias delas possuem cursos livres e até mesmo especializações sem valor algum, que podem ser realizados a qualquer momento do ano. 

Invista em especializações 

Por muito tempo a conclusão do ensino básico foi um fator de diferencial para concorrer a uma vaga no mercado.

No entanto, com o avançar das décadas e os programas de incentivo aos estudos, é cena rara encontrar um jovem entre 20 e 30 anos que não tenha concluído o ensino médio

Tendo em mente a perspectiva de que a democratização do ensino superior também está crescendo, em pouco tempo uma graduação apenas não será suficiente para concorrer aos grandes cargos.

Nesse cenário, o aluno do EAD e suas vantagens relacionadas a flexibilidade saem na frente.

Atualmente é possível encontrar instituições que oferecem pós-graduação em cerca de 8 meses, bem como outros cursos de especialização, como MBA. 

Esteja sempre acompanhando o seu próprio mercado 

Na era da tecnologia o acesso ao conhecimento é vasto, simples e democrático. Ou seja, qualquer um pode ter informação, a qualquer hora e em qualquer lugar.

Por esse motivo, uma boa dica é manter a máquina mental sempre ativa e com sede por novos conhecimentos. Leia notícias sobre sua área, descubra sobre técnicas específicas e até mesmo sobre o desenvolvimento da tecnologia dentro do seu ramo. 

Desse modo será possível estar sempre atualizado, atendendo as necessidades pessoais e profissionais da melhor forma possível. 

Com esse diferencial com toda a certeza será possível transformar o modo como o mercado de trabalho vê o diploma EaD e abrir portas para outros alunos que estão em fase de entrada em seus nichos. 

 

E aí, gostou das nossas dicas? Se sim, compartilhe este artigo nas suas redes sociais e ajude seus amigos a também construírem carreiras de muito sucesso!

Quer receber mais conteúdos como esse gratuitamente?

Cadastre-se para receber os nossos conteúdos por e-mail.

Email registrado com sucesso
Opa! E-mail inválido, verifique se o e-mail está correto.

Fale o que você pensa

O seu endereço de e-mail não será publicado.