Inscreva-se

Os indicadores de produtividade que o RH deve acompanhar agora!
Gestão

Os indicadores de produtividade que o RH deve acompanhar agora!

Os indicadores de produtividade são ferramentas que auxiliam as empresas a medirem o desempenho de seus colaboradores. Eles permitem a otimização dos processos para que a produção aumentem, sem que a qualidade dos produtos e serviços sejam prejudicadas.

 

A boa performance dos colaboradores é algo vital para os negócios de qualquer empresa. Diante do cenário econômico atual do mercado, em que os mercados estão cada vez mais competitivos e as evoluções tecnológicas fazem parte do ambiente de trabalho, ser capaz de fazer mais com menos é fundamental.

Devido a isso, a constante avaliação do desempenho das empresas tem se tornado regra. Elas passaram a necessitar de parâmetros de qualidade de produção para não ficarem para trás no mercado.

Isso tem feito com que as organizações aumentassem suas preocupações com os resultados de suas equipes. Por isso, passaram a buscar novos mecanismos para medir a produtividade de todos os seus subordinados.  

Por meio da análise dos resultados dos indicadores de produtividade, os gestores das equipes podem monitorar o trabalho de cada colaborador em determinado período e quais recursos foram utilizados.

Isso poderá ajudar na avaliação de desempenho de cada membro da equipe e da empresa como um todo.

Ao ajudarem as avaliações, os indicadores de produtividade se tornam verdadeiros aliados do desenvolvimento da organização. Eles permitem que medidas sejam tomadas, graças a análises certeiras dos resultados, contribuindo para melhorias no negócio.

Você sabe quais são os melhores indicadores de produtividade para medir os resultados de seu time? No post de hoje, vamos falar quais são os principais, como analisá-los e como podem ajudar em seu negócio. Confira!

 

Os indicadores de produtividade

Os indicadores de produtividade, também conhecidos como indicadores de desempenho – KPIs: Key Performance Indicator – medem a qualidade dos serviços e produtos das empresas.

Eles foram criados para servirem como mecanismos que realizam avaliações de todo o negócio e, por isso devem estar alinhados com os objetivos da organização.

Por meio dos KPIs, é possível avaliar processos específicos, determinadas equipes e até mesmo um colaborador em particular. Dessa forma, a empresa poderá manter o bom funcionamento de seus serviços.

Graças às vantagens proporcionadas, as corporações têm investido cada vez mais em indicadores de produtividade para aumentar sua produção com qualidade e eficiência.

No entanto, antes de adotar esses KPIs, é necessário fazer uma análise em seus processos e departamentos.

Descubra como fazer um planejamento de RH eficiente! Baixe esse eBook gratuito:


Quais as vantagens dos indicadores de produtividade?

Utilizar KPIs, permite que as empresas tenham uma melhoria significativa em sua produção. Eles podem ajudar o crescimento dos negócios de forma geral. Confira a seguir seus principais benefícios:

  • ter uma visão geral de tudo que acontece dentro da empresa;
  • organizar os processos internos e otimizá-los;
  • ter acesso a informações mais precisas para ajudar nas tomadas de decisões;
  • melhorar a qualidade e a rapidez das entregas.

Além disso, os indicadores de produtividade ajudam os gestores a engajarem suas equipes, mantendo-as alinhadas às metas e resultados dos negócios.

 

Como escolher os KPIs certos?

Para que os KPIs funcionem corretamente precisam considerar as necessidades e especificidades de seu negócio.

Sua empresa pode estabelecer indicadores de produtividade gerais e outros mais segmentados. Dessa forma, é possível direcionar diferentes indicadores para cada processo e projeto.

Os indicadores de produtividade escolhidos devem ser capazes de mensurar os recursos da empresa e os resultados dos processos. Assim como o desempenho dos colaboradores envolvidos.

A partir desses dados, deverá analisar os produtos e serviços gerados. Dessa forma, poderá chegar ao resultado final da produtividade, que deverá ser adequada ao processo, garantindo os resultados esperados.

Se o objetivo de sua empresa é justamente conseguir os melhores resultados, adotar o indicador de produtividade ideal para cada situação é apenas o primeiro passo.

Portanto, confira os principais KPIs que podem ajudar seu negócio e avalie qual é o mais adequado para sua organização.

 

As principais classes de indicadores de produtividade

Quando sua empresa for escolher os melhores indicadores de produtividade para seus negócios, é necessário avaliar previamente seis classes de métricas. Cada uma delas precisa contar com pelo menos um indicador para garantir o sucesso da empresa.

 

1. Indicadores de qualidade

Esse tipo de indicador tem a função de verificar o resultado final para garantir que o que foi preestabelecido pela empresa e/ou exigido pelos clientes está sendo cumprido.

 

2. Indicadores de capacidade

Os indicadores de capacidade servem para mostrar como está a capacidade de produção dos colaboradores em determinado período.

Por meio dele, as empresas são capazes de saber qual é o tempo médio gasto com a realização de cada processo. Dessa forma, é possível ter um maior controle para que todos os prazos sejam respeitados.

 

3. Indicadores estratégicos

Por meio dos indicadores estratégicos, a empresa pode analisar e verificar se suas metas e objetivos estão sendo alcançados. Assim, caso estejam abaixo da média estabelecida, é possível tomar medidas para alterar as práticas e estratégias utilizadas.

 

4. Indicadores de lucratividade

Ele permite que as organizações analisem seu lucro líquido. Assim, é possível ter uma margem de quanto o seu negócio ganha em cima de cada projeto e se está sendo vantajoso continuar com os planos em vigência ou não.

 

5. Indicadores de competitividade

Indicadores de competitividade servem para avaliar como a organização está diante do mercado. Dessa forma, é possível saber qual a posição ocupada e compará-la com os concorrentes.

 

6. Indicadores de turnover

Um dos principais indicadores, os indicadores de turnover mostram a média entre pessoas que entraram e saíram da empresa em determinado período de tempo.

Quando o nível de rotatividade é alta, é necessário que o RH fique atento e busque entender o que está acontecendo.

Enquanto a organização não for capaz de diminuir seu índice de turnover, será difícil manter um bom padrão de produção e qualidade dos seus produtos e/ou serviços.

Por isso, é importante se atentar para esse indicador, pois são vários os fatores que levam a uma alta rotatividade. Problemas com gestão, ambiente de trabalho desfavorável e insatisfação são alguns deles.

 

Os KPIs ideais para sua empresa

Agora que você já entendeu a importância de adotar os diferentes indicadores de produtividade, é necessário conhecer os principais deles.

Pensando nisso, separamos 4 principais para garantir o funcionamento de seus negócios:

 

1. Produção por hora

Esse é um dos principais indicadores de produtividade para qualquer empresa.  Ele mede a quantidade de produtos que entra e sai da linha de produção, englobando não apenas as vendas e a gestão do estoque, mas também a compra de matéria-prima e o faturamento.

 

2. Tempo de ociosidade

A medição do tempo de ociosidade de seu time também é importante para que seja possível analisar a produtividade da empresa. Quando o seu time faz grandes períodos de intervalos, isso pode ter impacto na produção como um todo.

Além de medir a ociosidade dos funcionários, essa métrica pode ser aplicada às máquinas utilizadas pela empresa. É possível monitorar quanto tempo os equipamentos ficam parados e se isso está gerando prejuízos para a produtividade do time.

Por meio dos resultados obtidos, sua organização conseguirá identificar se é preciso contratar novos colaboradores. Além disso, poderá tomar uma decisão assertiva sobre a necessidade de se ampliar o tempo de funcionamento da empresa e até a criação de mais turnos de trabalho.

 

3. Capacitações por mês

A capacitação dos colaboradores é uma verdadeira aliada para melhorar a performance da empresa. Portanto, um dos principais indicadores de produtividade é o número de funcionários capacitados no mês.

Sua empresa pode ainda analisar os investimentos feitos em treinamento e verificar se eles estão gerando o retorno esperado para a organização.

 

4. Entregas no prazo

Para que uma empresa tenha sucesso e garanta a satisfação de seus clientes, ela precisa garantir que suas entregas sejam feitas dentro do prazo.

Portanto analisar o tempo gasto para a entrega de cada tipo de produto é importante para que a organização mantenha seu nível de satisfação diante de seus consumidores.

 

Contar com o auxílio dos indicadores de produtividade é crucial para que as empresas consigam detectar falhas em seus processos e possam otimizar o desempenho de suas equipes. Portanto, está na hora de investir nesse mecanismo em sua empresa. Dessa forma, é possível manter seu time alinhado às métricas de seu negócio, garantindo sempre os melhores resultados.

 

Gostaria de saber mais sobre a produtividade dos colaboradores de sua empresa? Assine nossa Newsletter!

Related posts

Deixe uma resposta

Required fields are marked *