Inscreva-se

Como a ginástica laboral nas empresas podem gerar melhores resultados nos negócios?
Benefícios

Como a ginástica laboral nas empresas podem gerar melhores resultados nos negócios?

A ginástica laboral nas empresas é uma série de exercícios físicos realizados no próprio ambiente de trabalho, durante o expediente. Ela tem como objetivo melhorar a saúde dos funcionários e evitar possíveis lesões por esforço repetitivo e doenças ocupacionais.

 

Manter uma equipe produtiva e motivada é a alma de qualquer negócios bem-sucedido. Quando o bem-estar dos funcionários é prejudicado, sua forma de trabalhar se transforma e sua performance cai e, por consequência, a empresa também sofre impacto.

Devido a isso, é necessário que as corporações promovam o bem-estar no trabalho em todos os níveis para seu time. A gestão da qualidade do ambiente e de atividades que proporcionam um melhor clima organizacional é fundamental.

A construção de um ambiente harmônico na empresa, onde os funcionários se sintam à vontade, torna-os engajados e valorizados. Assim, passam a dar o máximo de seu potencial para cumprir suas metas e para conquistar oportunidades de crescimento e reconhecimento dos superiores.

Por isso, aquelas empresas que valorizam o bem-estar dos funcionários saem na frente das concorrentes em relação a valorização de seu capital humano. Na prática, para que isso aconteça, é necessário investir em meios que proporcionem melhores condições de trabalho para os colaboradores, como oferecer ginástica laboral para todos.

Durante os últimos anos, práticas como essa no ambiente de trabalho têm se tornado cada vez mais comum. Isso acontece à medida que as empresas passam a perceber a importância do bem-estar e saúde dos funcionários.

Sua empresa toma alguma medida para melhorar a qualidade de vida de seus funcionários? Percebeu como isso é importante? Continue a leitura deste post e aprenda a colocar em prática as melhores ações.

 

O que é a ginástica laboral nas empresas?

O oferecimento da ginástica laboral é uma ótima forma de incentivar a cultura de valorização do bem-estar no ambiente de trabalho. Dessa forma, sua empresa poderá estimular o acesso de seus funcionários a terem um estilo de vida mais saudável.

A ginástica laboral nas empresas é composta por uma série de exercícios físicos leves. Ela busca prevenir e aliviar dores e incômodos sentidos pelos funcionários devido às atividades desenvolvidas no ambiente de trabalho.

Essa prática representa a preocupação das empresas com a saúde física de seu time. Seus resultados podem ser sentidos significativamente no desempenho dos funcionários no dia a dia de trabalho. Eles passam a ficar mais produtivos e motivados a desempenharem melhor suas funções.

 

Após terminar a leitura, recomendamos que você baixe esse eBook gratuito. Nele você descobrirá estratégias eficazes para reter os melhores talentos! Responda o fomulário e receba agora mesmo:


Como ela é realizada?

A ginástica laboral nas empresas é realizada diariamente por meio de uma série de exercícios que duram em torno de 5 a 10 minutos. Ela deve ser conduzida por um profissional adequado, como um fisioterapeuta ou professor de educação física.

No momento do exercício, a equipe é conduzida a realizar alongamentos, relaxamento muscular, entre outros. Cada série é desenvolvida de acordo com o tipo de atividade realizada pela equipe em questão, para que seja possível focar no tipo de problema desse grupo.

Por exemplo, aqueles profissionais que trabalham o dia todo sentados, deverão realizar exercícios para corrigir problemas posturais e amenizar os desgastes causados por tarefas repetitivas.

Os efeitos surtidos da ginástica laboral nas empresas podem ser considerados mais do que físicos. Sua prática se torna um momento de descontração e interação, acarretando em efeitos psicológicos positivos.

 

Técnicas utilizadas

Confira a seguir algumas técnicas utilizadas pelas empresas, ao oferecer a ginástica laboral para seus empregados:

  • preparatória: utilizada para aquecer os músculos que serão forçados durante o trabalho para, assim, melhorar a disposição. São utilizados exercícios de coordenação, flexibilidade e resistência;
  • compensatória: muitas dores sentidas pelos profissionais são causadas por esforço inadequado, essa técnica atua para evitar esse desconforto e aliviar a tensão muscular. Os exercícios usados são de alongamento e respiração;
  • relaxamento: é realizada no final do expediente e serve para minimizar o ritmo de trabalho. Assim, os funcionários podem ir para casa sem estresse e tensões. Os exercícios devem ser de respiração, meditação e massagens;
  • corretiva: algumas circunstâncias ergonômicas podem estar atrapalhando o funcionário, causando consequências desagradáveis para seu corpo. A ginástica corretiva combate essas situações, encontrando um equilíbrio muscular. São utilizados exercícios que têm a função de fortalecer os músculos fracos e alongar os músculos encurtados.

Após a rotina de exercícios, os colaboradores se sentirão mais bem-dispostos e felizes para realizar suas atividades diárias.  

 

Principais exercícios da ginástica laboral

Agora que você já sabe as técnicas da ginástica laboral nas empresas e para que elas servem, veja alguns exercícios simples que podem ser adotados na rotina de sua equipe:

 

1. Alongamento dos braços

Para realizar esse exercício, o funcionário deve afastar os pés, deixá-los paralelos aos ombros. Em seguida, dobrar levemente os joelhos e colocar o braço à frente. Depois, colocar a mão esquerda em frente à direita e fazer uma pressão, alongando os músculos do antebraço. Para finalizar, é necessário continuar na mesma posição, colocando os braços para trás, entrelaçando os dedos e os esticando.

 

2. Elevação de membros inferiores

A pessoa deve ficar nas pontas dos pés e permanecer assim durante 15 segundos. Depois, voltar à posição inicial e repetir o movimento 5 vezes.

 

3. Elevação de membros superiores

De pé, o funcionário irá entrelaçar seus dedos e levantar os braços, esticando toda a região da coluna. Ele precisa ficar assim por 20 segundos e voltar para a posição normal,  repetindo o movimento 5 vezes.

 

4. Rotação de tronco

Com os pés afastados e os joelhos levemente dobrados, o colaborador irá rotacionar seu tronco para a direita e depois para a esquerda continuamente. Esse movimento deve ser realizado 10 vezes de cada lado e descanse.

 

Quais os benefícios para a empresa e seus funcionários?

A prática de ginástica laboral nas empresas pode trazer grandes vantagens para a saúde dos colaboradores e, consequentemente, para as corporações, que contarão com uma equipe mais disposta e saudável.

Confira os principais benefícios:

 

1. Produtividade

Como já abordamos acima, a produtividade dos colaboradores passa a ser maior. A ginástica laboral proporciona pequenos intervalos na rotina de trabalho, permitindo que o colaborador movimente seu corpo e foco, potencializando seus resultados. No final, ele estará mais relaxado e disposto, melhorando seu aproveitamento no trabalho.

 

2. Integração da equipe

A ginástica laboral nas empresas é realizada em grupo e acaba se tornando um verdadeiro momento de descontração e integração.

Esses intervalos servem para estimular os colaboradores a conversarem e interagirem uns com os outros. Isso ajuda a eliminar o estresse do grupo, tornando o trabalho mais harmonioso.

 

3. Redução de doenças ocupacionais

Ao passo que os colaboradores praticam mais exercícios físicos durante seu dia a dia, os problemas causados por sedentarismo ou esforços repetitivos passam a ser menores. Assim, as chances de uma empresa sofrer com o afastamento de seus profissionais por causa de doenças ocupacionais também diminui.

A ginástica ainda ajuda a prevenir doenças crônicas, como problemas no coração, hipertensão e diabetes. Dessa forma, é possível contar com uma equipe mais saudável e disposta sempre.

 

4. Satisfação dos funcionários

Ao perceber os cuidados e investimentos que a empresa realiza para cuidar da saúde de seus colaboradores, o time passa a se sentir mais valorizado. Por isso, se tornam mais dedicados e satisfeitos em realizarem seu trabalho.

 

Quais são os cuidados para a implementação?

Como você pode perceber, incentivar o bem-estar dos funcionários e promover meios para ajudá-los a manter a saúde é indispensável para o crescimento de seu negócio. Portanto, para introduzir essas práticas na rotina de sua equipe, é necessário tomar alguns cuidados.

Primeiramente, sua empresa deve contratar um profissional especializado para conduzir a ginástica laboral de forma correta e segura. Terceirizar o serviço pode ser uma opção, assim sua organização conta com todo o apoio e as melhores soluções da prestadora do serviço.

Além de encontrar o profissional certo para seu time, é preciso separar um lugar específico para o procedimento. O ideal é que seja no próprio local de trabalho, assim, os funcionários não precisam se deslocar e perderem tempo.

A ginástica laboral nas empresas é prática e pode ser implementada de forma simples, sem que a empresa precise gastar com a compra de equipamentos. No entanto, para que seja efetiva, é preciso que os líderes e diretores incentivem suas equipes a participarem.

Portanto, devem dar o exemplo e estimular os colaboradores, mostrando todos os seus benefícios e resultados para o bem-estar de todos.

 

Manter sua organização e funcionários alinhados é uma grande meta para melhorar os negócios. Pensar na qualidade de vida da equipe, oferecendo práticas como a ginástica laboral nas empresas, é um grande passo para se destacar. Essa iniciativa apresenta resultados imediatos, ajudando a prevenir os principais riscos ocupacionais, que afetam a maioria dos profissionais atuais.

Você sabe o que são esses riscos operacionais? Confira aqui quais são eles e como eles podem afetar seus funcionários.

Related posts

Deixe uma resposta

Required fields are marked *