O capital humano é um termo popularizado por Gary Becker, da Universidade de Chicago, e usado para explorar o valor dos recursos humanos em agregar níveis econômicos e estratégicos por meio de conhecimento e inovação. E é aí que reside o papel fundamental do RH em gerir o capital humano com tecnologia para proporcionar um ambiente mais produtivo e livre de imprevistos.

 

Ao gerir o capital humano com tecnologia, as empresas criam uma nova relação com os seus ativos mais valiosos. Afinal de contas, é por meio do uso de soluções digitais que se monitora as performances, identifica situações potencialmente problemáticas e observa-se soluções inovadoras para cada uma delas.

Nesse contexto, o RH da sua empresa deve assumir, definitivamente, o papel estratégico na organização — e é aí que o uso de uma solução 100% on-line, como um software de gestão da Xerpa, faz toda a diferença.

Por isso, convidamos você a seguir com esta leitura, para entender como gerir capital humano com tecnologia pode colocar a sua empresa em um elevado patamar de atuação, focando cada vez mais em resultados com segurança e harmonia no ambiente de trabalho!

O que é capital humano?

Capital costuma remeter os nossos conceitos e pensamentos a algum aspecto econômico, só que ele já tem sido usado há um bom tempo como elemento agregador nas relações sociais também.

Tudo começou com o professor Gary Becker, da Universidade de Chicago, que defendeu o uso do termo capital humano — e não apenas como uma quantidade a ser mensurada dentro da empresa. Para ele, existe a combinação de elementos em uma equação de valor, sim, e que deve ser determinada a partir do quanto um profissional agrega à empresa em termos:

  • econômicos e estratégicos;
  • criativos;
  • de experiência e aproximação com elementos de inovação.

E é a partir das qualidades acima citadas que podemos entender o valor de gerir o capital humano com tecnologia na sua empresa!

Qual é o papel do RH para gerir o capital humano com tecnologia?

O contexto tecnológico, o setor de RH assumiu um papel cada vez mais intrínseco ao desenvolvimento dos seus profissionais e, consequentemente, ao da própria empresa.

Tudo porque o setor pode monitorar e acompanhar uma série de índices e métricas que valorizem os objetivos da organização, como a produtividade dos colaboradores, os índices de absenteísmo e, até mesmo, o grau coletivo de satisfação, motivação e engajamento de todas as equipes.

Por consequência, é fácil observar quais colaboradores são, verdadeiramente, capitais humanos dentro da organização, e quais estão funcionando em “modo automático” ou mesmo sem nenhuma disposição.

Só que, para além dessa questão, o RH pode ajudar a gerir o capital humano com tecnologia antecipando as consequências acima citadas: ele pode ser a causa desses valores positivos no dia a dia da empresa.

E sabe como? Imagine que, por meio de um software de gestão, o setor automatize boa parte de suas tarefas e tenha mais tempo livre para identificar novos insights aos colaboradores.

Ou, ainda, que os índices mensurados na última avaliação de desempenho apontem a necessidade de alternativas para melhorar a experiência dos funcionários. 

Perceba como essas questões são diagnosticadas facilmente com a tecnologia e, ainda, como o uso de recursos de automatização de processos agregam mais disponibilidade aos seus especialistas de RH para concentrarem os seus esforços nesse tipo de atividade, exclusivamente.

 

Essa tendência é passageira ou consolidada?

A transformação digital chegou para ficar. O mesmo podemos dizer dos softwares de gestão e da automatização de atividades mecânicas e repetitivas. Logo, é seguro dizer que é necessário, daqui por diante, gerir o capital humano com tecnologia.

Afinal de contas, vimos anteriormente que muitos papéis foram invertidos nos últimos anos — e o papel do RH, nesse ínterim, foi amplamente revolucionado.

Quer um exemplo disso? Não é mais (unicamente) a direção da empresa quem aponta uma necessária mudança de rumos, na empresa, e notifica o RH para que a ação seja executada. Como vimos, o setor tem as informações à mão, atualmente, então esse novo direcionamento pode partir do próprio setor de RH.

Como resultado disso, independentemente do porte da sua equipe de recursos humanos, há como gerir o capital humano com tecnologia e de maneira mais próxima dos líderes da empresa. Não à toa, o perfil do profissional de RH foi gradualmente transformado também.

Agora, esses especialistas devem entender de tecnologia, dos aspectos gerenciais do capital humano e, é claro, de todas as informações a respeito do departamento pessoal e das leis trabalhistas vigentes. Tudo porque o setor em si adquiriu uma aura mais estratégica e bastante diversificada dentro da empresa.

Por onde começar a transformação digital no RH?

Pois agora que vimos a importância e o papel do RH em gerir o capital humano com tecnologia, que tal conferirmos como sair da teoria para a prática? A seguir, selecionamos algumas dicas para o seu setor de recursos humanos assumir esse diferencial competitivo para qualificar gradativamente a sua marca!

 

Analise e atualize a sua cultura organizacional

Comece avaliando a própria cultura organizacional da empresa. Os processos ainda são rígidos e inflexíveis? A gestão é vertical e não abre espaço para a colaboratividade? As tecnologias usadas são defasadas e não há o menor rastro de presença digital da sua marca na internet?

Pois então, a avaliação da sua cultura pode ser o primeiro passo a ser tomado para gerir o capital humano com tecnologia. Não queime etapas: alinhe a sua empresa às grandes tendências e, ao mesmo tempo, foque no desenvolvimento interno para atrair e reter os seus talentos motivados e engajados. 

 

Implante novas tecnologias

Avaliada a nova cultura da empresa, identifique quais tecnologias podem ajudar na valorização dos seus capitais humanos e em como proporcionar mais qualidade e produtividade no ambiente de trabalho.

Até por isso mencionamos, na abertura deste texto, a aplicação estratégica de um software de gestão como o que a Xerpa tem a oferecer. Trata-se de uma solução que contribui, de múltiplas maneiras, para a qualificação do seu trabalho em gerir o capital humano com tecnologia — algo que vai desde o processo de admissão ao controle de férias, pagamento e demissão dos funcionários. Clique aqui e agende uma demonstração da plataforma!

Já conhece a Xerpa?

A empresa surgiu com uma inspiração clara na metodologia dos sherpas himalaios: oferecer expertise e equipamentos de qualidade para auxiliar os intrépidos aventureiros que desafiam os seus limites para escalar as montanhas mais íngremes e elevadas do mundo!

No meio corporativo, a missão é similar e, os meios para alcançar os objetivos, também. É por isso que a Xerpa desponta como uma empresa diferenciada, que entende a demanda e as necessidades do mercado para supri-las com um software completo, que ajuda a gerir o capital humano com tecnologia e, consequentemente, desenvolve a sua empresa de maneira sustentável e segura!

 

Ainda não sabe o potencial que a tecnologia tem a oferecer para a gestão do seu setor de RH? Então, compartilhe as suas experiências mais desafiadoras, nesse assunto, e vamos ampliar a discussão para você certificar-se de que a transformação digital também chegou para qualificar a sua gestão em recursos humanos!