É senso comum no mercado de trabalho dizer que funcionário feliz produz mais. E essa ideia não existe à toa: a satisfação dos colaboradores realmente está relacionada aos resultados da empresa. Segundo um estudo feito pela Forbes, profissionais realizados no trabalho são até 20% mais produtivos que aqueles que não se sentem assim.

Em um mercado cada vez mais competitivo, contar com pessoas dispostas a dar tudo de si é extremamente importante. Afinal, isso representa mais inovação, menos custos operacionais e uma larga vantagem sobre os concorrentes.

Neste artigo, você conhecerá mais vantagens da felicidade no trabalho e descobrirá como tornar seus funcionários mais satisfeitos. Confira!

 

O que é felicidade no trabalho?

A felicidade no trabalho ocorre quando o colaborador está 100% satisfeito com todos os aspectos do seu dia a dia na empresa.

Isso envolve fatores como salário, benefícios, relacionamento com os colegas, identificação com a cultura e desafio profissional. Com tudo alinhado, o grau de satisfação da equipe aumenta, melhorando a motivação e o engajamento.

Dessa forma, como dito anteriormente, o funcionário feliz produz mais, pois se sente mais realizado pessoalmente. Mas essa não é a única vantagem de investir na satisfação dos colaboradores.

Confira, a seguir, mais benefícios que cuidar do bem-estar dos profissionais da sua equipe:

 

Redução do turnover

Quando o assunto é satisfação, as organizações normalmente colocam seus clientes à frente dos colaboradores.

O raciocínio é simples: quando o cliente não está feliz, ele procura outra empresa, e isso é péssimo para os negócios. Mas você já parou para pensar que com os funcionários acontece a mesma coisa?

Se os profissionais não estão felizes, vão buscar satisfação em outro ambiente de trabalho, o que aumenta o turnover. Junto com ela, sobem os gastos com processos seletivos, treinamentos e integração de novos funcionários.

Segundo dados do Work Institute, um turnover alto aumenta os custos em cerca de 33% da folha salarial.

Portanto, ter colaboradores felizes significa redução do turnover e dos custos da empresa. Além disso, muito menos tempo e esforço são gastos em recrutamento e seleção.

 

Redução do absenteísmo

Equipe feliz não falta ao trabalho. Se você transforma o ambiente de trabalho em um lugar onde os colaboradores querem estar, o resultado é uma redução significativa na taxa de absenteísmo.

De acordo com uma pesquisa americana, colaboradores satisfeitos ficam dez vezes menos ausentes por motivos médicos que funcionários desmotivados ou infelizes.

Assim, investir na felicidade do time pode poupar a empresa de precisar procurar pessoas para substituir ausências de última hora.

Além disso, a equipe não fica sobrecarregada, eliminando a necessidade de horas extras e o risco de problemas de saúde por excesso de trabalho.

 

Aumento da satisfação do cliente

Funcionário feliz produz mais e aumenta a satisfação do cliente. Você provavelmente já saiu de uma loja irritado por ter sido atendido por alguém que claramente estava de mau humor, ou que claramente não queria estar ali.

Na sua empresa, não é diferente: para fazer o cliente feliz, o profissional precisa estar feliz.

O colaborador é o responsável pelas principais interações com os clientes. Se ele estiver satisfeito com o trabalho, será muito mais solícito ao tirar dúvidas e oferecer soluções.

Por outro lado, gente desmotivada deixa transparecer isso no dia a dia, e quem compra de você percebe isso com facilidade.

Mesmo se a pessoa não trabalhar diretamente com atendimento, a qualidade das suas entregas será muito melhor se ela estiver feliz. E isso também impacta na satisfação do consumidor final, já que um serviço ou produto bem feito é a base para o sucesso de uma empresa.

 

Como promover a felicidade dos colaboradores?

Agora que você já sabe a importância de promover a felicidade dos funcionários, é hora de conhecer estratégias para colocar isso em prática.

Cada profissional, dependendo do seu momento de vida, vai valorizar aspectos diferentes. Por isso, é importante observar cada caso individualmente e traçar um plano personalizado para a sua equipe.

No entanto, algumas táticas são essenciais para aumentar a satisfação em qualquer ambiente de trabalho, seja ele qual for. Veja abaixo algumas delas!

 

Construa um clima positivo

São muitos os fatores que influenciam na qualidade do clima organizacional. Mas, no geral, pode-se dizer que tudo tem a ver com relacionamento.

Se o funcionário se sente acolhido pelos gestores e colegas, já é meio caminho andado para ele se sentir feliz.

Uma boa forma de conseguir isso é investindo em eventos para descontrair a equipe e fortalecer vínculos. Happy hours, almoços em grupo e confraternizações são ótimas alternativas.

No dia a dia, é preciso que os líderes tenham abertura para o diálogo e estejam sempre de olho nas necessidades dos funcionários.

 

Ofereça um plano de carreira

Com um plano de carreira bem estruturado, o funcionário saberá que tem chance de crescer na empresa. Isso é fundamental para qualquer profissional se sentir mais feliz e motivado.

Para usar isso favor da empresa, o plano deve ser sempre personalizado para cada colaborador, levando em conta seus objetivos e competências. Além disso, precisa ser acompanhado por treinamentos e feedbacks.

Dessa forma, o funcionário saberá exatamente o quê precisa melhorar no seu trabalho e terá todo o apoio da empresa para conseguir isso.

As metas estabelecidas também ficam mais evidentes, o que facilita a evolução do profissional dentro da organização.

 

Reconheça o bom trabalho

A relação entre felicidade e produtividade funciona como um ciclo. O funcionário feliz produz mais e tem seus esforços reconhecidos. A valorização, por sua vez, aumenta a satisfação e ajuda a melhorar ainda mais a produtividade.

Por isso, todo resultado diferenciado deve ser recompensado de alguma forma. Pode ser um elogio público, um bônus financeiro ou uma promoção de cargo, entre outras alternativas.

O importante é que o profissional perceba que está sendo observado e que seu empenho não é em vão.

Essa atitude, além de valorizar o colaborador em questão, inspira os outros a produzir mais para conquistar reconhecimento.

 

Invista em benefícios diferenciados

Os benefícios são muito importantes para promover a felicidade no trabalho. É importante ir além do pacote básico, com vale-refeição e plano de saúde. Pense em vantagens criativas e relevantes para a vida do funcionário.

Hoje, muitas empresas investem em convênios com academia, pagamento on-demand e até períodos sabáticos depois de certo tempo de casa.

Para descobrir o que os colaboradores gostariam de receber, uma boa dica é fazer uma pesquisa entre eles. Assim, fica mais fácil investir com precisão e acertar nos benefícios.

Agora que você já entendeu por que funcionário feliz produz mais, que tal colocar o que aprendeu em prática?

Observe de perto a sua equipe e entenda o que eles precisam para ficarem mais satisfeitos no ambiente de trabalho. Com certeza sua empresa terá ótimos ganhos em produtividade e satisfação do cliente.

 

Se você gostou do artigo, assine a nossa newsletter. Assim, você recebe por e-mail nossos próximos conteúdos sobre RH e gestão de pessoas!