A função do RH é realizar o gerenciamento dos recursos humanos, ou seja, a conciliação entre os interesses dos funcionários e os da empresa. Por isso, esse profissional é responsável por gerir os relacionamentos internos, realizar processos de recrutamento e seleção para encontrar mão de obra qualificada no mercado.

As pessoas são o motor que move uma organização, sendo responsáveis pelo sucesso de qualquer negócio. Por isso, o RH é parte fundamental dessa equação. Afinal, é ele quem faz a gestão de pessoas nas empresas.

No entanto, seu papel vai muito além de apenas entrevistar, selecionar, contratar e demitir pessoas. O RH tem uma missão estratégia dentro das empresas, podendo contribuir diretamente para o sucesso dos negócios.

A função do RH está envolvida direta ou indiretamente com o funcionamento de todas as áreas, visto que atua como o mediador entre os interesses dos profissionais e os da empresa.

Logo, a área de Recursos Humanos é uma das partes mais importantes de qualquer empresa que deseja ter sucesso e, por isso, é necessário desenvolver o papel estratégico desse departamento em sua empresa.

Confira o conteúdo a seguir e saiba quais as são essas funções do RH e como ele pode ajudar no sucesso de sua organização.

 

A função do RH nas empresas

O RH é responsável por gerir os relacionamentos internos e desenvolver o capital humano da empresa. É esse setor que conduz os diferentes talentos da corporação de maneira favorável para que seja possível alcançar todos os objetivos da empresa e, simultaneamente, promover o crescimento dos profissionais.

Quando composto por profissionais adequados, o RH é capaz de gerenciar bem o capital humano. Assim, a empresa pode contar com diversas vantagens e melhorias em seus indicadores-chave de desempenho.

Ao contratar e reter verdadeiros talentos na corporação, o RH acaba ajudando, indiretamente, na redução de custos com demissão, criação de uma cultura sólida, retenção de profissionais altamente qualificados, entre outros pontos que contribuem para a o destaque da empresa no mercado.

 

O RH estratégico

Graças a sua importância para os negócios, o RH se transformou dentro das empresas, que passaram a vê-lo com outros olhos.

A função do RH do futuro não é mais apenas lidar com a parte burocrática do empreendimento. Ele atua em conjunto com os demais setores, passando a ser conhecido como RH estratégico.

O RH estratégico tem como objetivo garantir o sucesso dos negócios por meio da otimização da gestão de pessoas. Ele visa criar um elo entre os empregados e as metas do empregador, mantendo a equipe engajada e motivada.

O principal diferencial dessa área nas empresas é que ela proporciona um canal aberto de comunicação entre todas as partes da companhia. O RH está sempre aberto a ouvir as necessidades, desejos e dificuldades dos colaboradores.

Desse modo, é capaz de resolver os problemas dos funcionários e, consequentemente, trazer mais resultados para a corporação, auxiliando no alcance dos objetivos do negócio.

 

Atividades fundamentais do RH

Para que a função do RH de contribuir com o melhor desempenho da empresa seja bem-sucedida, há uma série de sub funções e tarefas que precisam ser realizadas.

O RH fica responsável por diversas atividades que impactam a empresa de modo geral. Confira a seguir as principais delas:

 

Recrutamento e Seleção

Uma das principais funções do RH é supervisionar o recrutamento e seleção de novos funcionários dentro da organização. Esse processo requer muitos cuidados para evitar futuros problemas e prejuízos a empresa.

Portanto, o RH deve cuidar da job description e divulgação das vagas, entrevistas, análises dos currículos, além das etapas posteriores a seleção do candidato. Apenas assim, é possível contratar o profissional mais adequado para a corporação.  

Com essa função do RH, ele contribui com a construção de um time de colaboradores integrados e capazes de atender a todas as necessidades organizacionais.

 

Retenção de talentos

Não basta realizar a contratação de profissionais qualificados, é necessário tomar medidas para manter esses talentos satisfeitos em seus trabalhos. Essa também é uma função do RH.

O RH deve acompanhar de perto o desenvolvimento dos colaboradores, avaliando o desempenho e realizando feedbacks. Dessa forma, é possível alinhar as expectativas dos empregados com às da empresa, detectando possíveis problemas.

Alguns cuidados que o RH deve tomar para reter talentos são:

  • a criação de um ambiente agradável;
  • realização de treinamentos e desenvolvimento profissional;
  • estimular o crescimento do funcionário dentro da empresa, entre outros.

Neste material aqui, nós separamos mais dicas para promover a retenção de talentos na sua empresa.

 

Clima organizacional

A manutenção do bem-estar dos colaboradores no ambiente de trabalho também é uma tarefa realizada pelo RH. Ele é responsável por proporcionar um ambiente agradável que estimule o aumento da produtividade e motivação.

Desse modo, o RH deve elaborar estratégias para manter o clima organizacional favorável. Ações como confraternizações, palestras e outras atividades que quebrem a rotina é uma forma de colocar essa ideia em prática.

Ao manter o clima organizacional favorável, o RH contribui para redução do turnover, aumento do comprometimento e melhoria no desempenho e resultados de todo o time.

 

Treinamentos

É necessário investir em seus profissionais para mantê-los satisfeitos e motivados. Por isso, outra função do RH é promover treinamentos e capacitação para os colaboradores.

Por meio do investimento em treinamentos, os funcionários podem aprender novas habilidades, contribuindo para suas carreiras e para a sua qualificação dentro da empresa.

Esse tipo de capacitação é mais uma estratégia do RH para auxiliar no crescimento da empresa. Por meio deles, os funcionários adquirem novas habilidades técnicas e emocionais, melhorando seu comportamento dentro da empresa.

 

Benefícios

Outra forma de valorizar os talentos de sua empresa é por meio do oferecimento de benefícios. O RH tem a função de desenvolver pacotes de benefícios que atendam as reais necessidades dos funcionários.

Os benefícios são, sem dúvidas, um dos maiores atrativos para os profissionais, além de salários compatíveis com o mercado. Alguns exemplos que agradam os profissionais são:

Portanto, é mais uma função do RH na gestão estratégica de pessoas.

 

Programas de liderança

Sem bons líderes, dificilmente a empresa terá bons resultados. Portanto, o RH deve desenvolver programas de desenvolvimento de liderança para garantir que todos os gestores falem a mesma “língua” e sejam capazes de direcionar seus subordinados.

Para isso, é necessário que o RH realize análises do perfil comportamental dos funcionários para identificar possíveis lideranças, avaliando seu grau de dominância, comunicação e influência com os demais membros do tipo.

 

Quando a função do RH é vista como estratégica pela empresa, é possível que esse setor auxilie em todas as frentes organizacionais, assim, a corporação como um todo consegue trabalhar de forma mais integrada e com maior capacidade. Dessa forma, consegue estar mais preparada para o ambiente competitivo atual do mercado.

 

Fique por dentro das principais dicas sobre o universo de recursos humanos seguindo a Xerpa no Facebook, Instagram, Twitter e LinkedIn.