Estratégia Competitiva

Estratégia Competitiva: o que é e como implementar

O futuro de uma empresa depende de N fatores e um dos principais está relacionado à capacidade da companhia de criar uma estratégia competitiva para superar os concorrentes. Atrair clientes é um grande desafio num mercado cada vez mais competitivo.

A todo o momento organizações precisam de diferenciais que a favoreçam neste cenário. Basear-se em uma estratégia competitiva tornou-se algo obrigatório para quem vislumbra o sucesso. E não só isso, a estratégia competitiva se tornou um processo de sobrevivência. 

Afinal, se você não está aberto a inovação, a tendência é que acabe ficando para trás. Isso quer dizer que será superado por seus concorrentes e consequentemente perderá espaço no mercado.

Mas como criar e executar uma estratégia competitiva na sua empresa? Neste artigo vamos falar sobre a importância de:

  • Criar um mapa de rivalidade;
  • Identificar ameaças por parte dos concorrentes;
  • Superar o desejo do cliente;
  • Preparar-se para novas concorrências no mercado;
  • Ter opções variadas de fornecedores.

Agora é só seguir neste artigo para saber como aplicar estratégias eficazes para superar seus concorrentes de forma efetiva.

Estratégia competitiva: conheça sua função

A estratégia competitiva se explica como um conjunto de ações que tem como objetivo colocar determinada empresa em um nível de competitividade satisfatório perante os concorrentes.

Com base nessas ações as organizações conseguem criar diferenciais para se sustentar e superar as empresas que são consideradas rivais. A estratégia competitiva muito mais do que seu caráter de concorrência está ligado ao futuro da organização.

Pois, quem consegue se destacar no mercado gere melhor o negócio, atraindo novos clientes e consequentemente se torna referência de qualidade.

>>>Falamos sobre a importância da gestão empresarial em outro artigo, saiba mais sobre o tema clicando aqui.<<<

O guru da administração Michael Porter, referência em estratégia competitiva, e que desenvolveu “As 5 forças de Porter” descreve a estratégia competitiva como: “a busca de uma posição competitiva favorável em uma empresa, a arena fundamental onde ocorre a concorrência”.

As vantagens da estratégia competitiva

Não é errado dizer que quem não possui uma estratégia competitiva no mercado está morto. Se você não possui uma conhecimento sobre seu adversário e se não tem uma visão ampla do que irá enfrentar a tendência é perder a batalha brevemente.

Assim, é imprescindível no mercado, com um vislumbre no futuro, criar ações que vão de encontro à estratégia competitiva. Uma vez que, a estratégia competitiva traz inúmeras vantagens para a empresa. Entre elas podemos destacar:

  • Conhecimento mais amplo dos concorrentes;
  • Neutralização de possíveis ações dos concorrentes;
  • Liderança nos custos de produção e distribuição;
  • Possibilidade de superar os concorrentes com diferenciais em produtos/serviços;
  • Equilíbrio em qualidade e custo dos produtos/serviços.

As 5 forças de Porter e a importância na estratégia competitiva

Pegando como referência um dos maiores nomes do mercado, quando se fala de estratégia competitiva, preparamos uma lista com os 5 passos de Porter para a construção de um modelo de posicionamento empresarial e de análise eficaz diante da concorrência.

Crie um mapa de rivalidade

Você sabe quem são seus concorrentes diretos, em se tratando de companhias que negociam o mesmo produto ou serviço que você? Sabe qual valor esses cobram?

Criar um mapa de rivalidade é um dos pontos essenciais no desenvolvimento de uma estratégia competitiva segundo as forças de Porter. Já que ter uma visão clara sobre seus concorrentes é essencial para executar ações que o diferencie dos seus rivais.

Neste sentido, você precisa fechar ao máximo o cerco para delimitar essas características. Seja analisando se vocês estão na busca pelo mesmo público-alvo, locais de atuação e definição das forças e fraquezas suas e dos seus concorrentes.

Identificar quem compete com você é que torna o planejamento mais assertivo, portanto, crie esse mapa que irá lhe conduzir na sua estratégia competitiva.

Identifique ameaças

Agora que você está de olho nos seus concorrentes de mesmo nicho de mercado, chegou a hora de identificar possíveis ameaças ao seu negócio. 

Aqui você pode interpretar ameaças como soluções ou diferenciais que seu concorrente pode oferecer em contrapartida a sua empresa. Tudo aquilo que ele oferece que pode atrapalhar ou retirar sua empresa da concorrência pode ser considerada uma ameaça. 

Por exemplo, no mercado de TVs você oferece uma TV de LED, mas o seu concorrente oferece uma de LED com 4k, nesse caso o 4k é uma possível ameaça por ser algo diferente e inovador.

Por isso, é importante listar tudo que seus concorrentes vendem, mesmo que sejam produtos ou serviços parecidos ao seu. Pois dessa forma, você pode determinar quais diferenciais ameaçam sua companhia de entrar na concorrência. 

Assim, é possível tentar equiparar sua posição no mercado com algum produto ou característica que faça com que a briga com a concorrência fique de igual para igual.

Supere o desejo do cliente

”As pessoas não sabem o que querem até você mostrar a elas”. (Steve Jobs)

Essa frase cofundador da Apple é perfeita para detalhar esse ponto das 5 forças de Porter para a estratégia competitiva. 

Se o custo-benefício em muitos momentos foi o grande diferencial hoje não é apenas ele que vai influenciar um cliente a comprar ou não um produto. A qualidade e outros fatores também são diferenciais que agregam valor ao que você tem a oferecer.

Mais uma vez é importante estar atento aos seus concorrentes e principalmente ficar de olho ao comportamento dos seus consumidores.

Eles valorizam o preço, as formas de pagamento ou prezam pela qualidade? Por que eles têm comprado no seu concorrente e não com você? O que ele oferece de diferente? 

A partir daí entra a frase do Steve Jobs: ”As pessoas não sabem o que querem até você mostrar a elas”. Seja inovador, ofereça algo que supere as expectativas e aumente assim as chances de passar a frente dos seus rivais com sua estratégia competitiva.

Preparar-se para novas concorrências

Um ponto de destaque das 5 Forças de Porter está naquela famosa frase “esteja sempre pronto para o mercado”. Estar pronto significa estar preparado para novas concorrências, nunca se acomodar e não achar que é o suprassumo no seu setor.

É preciso estar sempre estar preparado para enfrentar novas concorrências. Isso quer dizer que é essencial que sua estratégia competitiva seja mutável e que lhe ajude a estar em constante melhoria.

Não é possível parar no tempo em um mercado tão competitivo, pois, novas empresas surgem todos os dias e muitas vezes com ideias e ações focadas para tomar o mercado e te superar.

É importante sempre ter cartas na manga e estar preparado para as novas concorrências, 

Até mesmo limitando-as de tomar seu lugar. Isso se dá muito com empresas que fecham parcerias de exclusividade com fornecedores, evitando que um possível concorrente venha a tomar o sua posição.

Tenha opções de fornecedores

Deixar uma boa impressão aos cliente é um grande passo para conquistá-los. Seja no sentido de vender produtos de qualidade como de realizar entregas sem atrasos. Toda essa questão dentro do planejamento de estratégia competitiva faz a diferença.

É por isso que dentro das forças de Porter se destaca também a questão dos fornecedores. Contar com um número limitado de empresas que prestam serviços para você oferece diversos riscos. Desde atrasos a falta de produtos.

Esse problema afeta o consumidor final que tem grandes chances de não comprar mais com você e principalmente expor uma experiência negativa nas redes e para pessoas próximas.

Sendo assim, Porter sugere que uma empresa, ao preparar uma estratégia competitiva, possua diversas opções de fornecedores para não se arriscar a ficar na mão por algum problema no processo.

Para construir o seu leque de opções de fornecedores considere pontos como valor, qualidade do produto, prazos de entrega e etc.

Estratégia competitiva é essencial 

A estratégia competitiva é um planejamento tido como essencial no mercado atual. Empresas que não se preparam para concorrer, infelizmente, tem vida curta. Pois, diante de diversas companhias será apenas mais uma.

Agora quem possui uma estratégia competitiva eficaz reconhece a importância de saber quem são seus concorrentes e até mesmo identifica seus pontos fortes e fracos.

Possibilitando uma visão ampla de quem são seus concorrentes diretos, quais produtos ou serviços que lhe ameaçam e como se preparar. E quando falamos de se preparar é no sentido de desenvolver ações que diferenciem sua empresa das outras do mesmo nicho.

Tenha sempre em mente a questão: o que meu concorrente oferece de diferente? Como posso mudar esse cenário e ser competitivo?

Isso faz com que seja possível desenvolver ações mais assertivas e que ofereçam um resultado satisfatório. Portanto, se você quer ser tão bom ou até melhor que seu concorrente aplique a estratégia competitiva.

Essa ação não só vai ajudá-lo nessa concorrência de mercado, mas é um apoio a sua sobrevivência, pois se você for apenas mais um em meio a diversas empresas que oferecem o mesmo serviço com certeza terá dificuldades para ser notado.

 

E você, já aplica a estratégia competitiva na sua empresa? Conte para nós nos comentários.

Quer receber mais conteúdos como esse gratuitamente?

Cadastre-se para receber os nossos conteúdos por e-mail.

Email registrado com sucesso
Opa! E-mail inválido, verifique se o e-mail está correto.