empréstimo para aposentado

Empréstimo para aposentado: como funciona e quais os cuidados necessários?

O empréstimo para aposentado ou empréstimo consignado é uma das formas mais rápidas de conseguir um empréstimo, isso porque as parcelas de pagamento do empréstimo são descontadas diretamente do seu recebimento como aposentado. Pelas regras atuais, os aposentados e pensionistas podem pedir empréstimos que comprometam no máximo 35% de sua renda. Entenda melhor sobre o crédito para aposentado, a seguir. 

Existem muitas opções de concessão de crédito no mercado atualmente, e isso pode ser uma boa notícia porque agrega condições vantajosas ao consumidor. Entretanto, ao solicitar um empréstimo para aposentado, é fundamental conhecer profundamente cada uma das opções.

Especialmente, aquelas que se mostram rápidas e convenientes. Hoje em dia o empréstimo pessoal online e o empréstimo consignado são alternativas que se enquadram nessa situação. Daí, vale a pena entender melhor como ambas funcionam.

Quer saber como tomar uma decisão assertiva, na hora de solicitar o melhor empréstimo para aposentados? Basta seguir com a leitura deste post!

O que é um empréstimo?

Resumidamente, o empréstimo é um crédito ofertado por instituições financeiras, e que geram uma dívida com o solicitante.

Além disso, durante o prazo pré-determinado para a quitação desse valor, são acrescidos juros, taxas e tarifas que variam do lugar com o qual foi feito o empréstimo — e que constam no contrato.

É uma boa opção para quem necessita de dinheiro rapidamente, para sair das dívidas, por exemplo, ou mesmo para a realização de um sonho pessoal, como a compra de um imóvel ou automóvel.

Como funciona a solicitação de um empréstimo para aposentado?

Vale destacar que o processo não difere de qualquer outro tipo de empréstimo do mercado.

A diferença aqui, consiste basicamente nos documentos solicitados e nas condições de pagamento.

Inicialmente, as instituições podem exigir a apresentação dos seguintes documentos:

  • documento pessoal com foto (pode ser o RG ou a habilitação, por exemplo);
  • comprovantes de residência (como contas em nome de quem solicitou o empréstimo para aposentado);
  • comprovante de renda também pode ser solicitado — normalmente, a declaração de IRPF (Imposto de Renda Pessoa Física) serve bem para esse caso.

Inclusive, para quem ainda não sabe como fazer esse tipo de declaração de impostos, aproveite para ler o artigo, “Como fazer declaração de Imposto de Renda: passo a passo simples”. 

Para completar a compreensão sobre o que é empréstimo consignado, que tal assistir ao vídeo abaixo? Depois explicamos quais os cuidados devem ser tomados com essa modalidade.

Vamos ver, agora, quais são os pontos a se atentar na hora de solicitar um crédito para qualquer tipo de instituição financeira?

Quais são os pontos de atenção?

O primeiro deles é a forma de pagamento que a instituição oferece. Por exemplo: pessoas que fazem empréstimo pessoal podem fazê-lo por meio das seguintes opções:

  • boleto;
  • cheque nominal;
  • débito automático em conta corrente.

O empréstimo consignado, por sua vez, tem uma característica feita especialmente para aposentados. Isso porque, o valor das parcelas vai ser descontado diretamente do seu pagamento de aposentado.

Mecanismos de segurança impedem que as parcelas sejam muito superiores a uma determinada porcentagem desse valor, o que torna o risco de endividamento menor.

Juros

Não é segredo que as instituições lucram com base nas taxas e juros praticados pelos seus serviços. E o empréstimo para aposentado não é exceção.

É importante pesquisar, entre as diferentes empresas, para identificar as menores taxas e juros. O que se configura em uma dívida menor para você, no fim das contas.

O valor do empréstimo é fundamental também. Como dissemos, o empréstimo consignado possui algumas restrições que evitam uma cilada financeira para a pessoa solicitante.

Por lei, cada parcela não pode exceder 30% do benefício mensal de aposentadoria. Algo que demanda um bom planejamento financeiro pessoal, portanto, para lidar com as contas do dia a dia sem esgotar os recursos.

Leia também: Tudo sobre o que é preciso para se aposentar [+ cálculo]

Diferenças entre empréstimo pessoal e empréstimo pessoal para aposentado?

Se você ainda não entendeu o que diferencia o empréstimo pessoal e o empréstimo pessoal para aposentado, vamos a um rápido comparativo:

  • a forma de pagamento já destacamos acima, sendo que o consignado já desconta a parcela automaticamente do benefício previdenciário;
  • o empréstimo pessoal conta com taxas de juros mais elevadas, já que as garantias de retorno — para a instituição financeira — são menores (maior risco de inadimplência, portanto);
  • o valor concedido é variável, também. No empréstimo pessoal, o valor solicitado é analisado com base na renda do solicitante e da análise de crédito.
  • o prazo para pagamento, enfim, deve ser analisado. O empréstimo pessoal oferece cerca de 4 anos para a quitação da dívida. O empréstimo consignado, por sua vez, varia entre 6 e 24 meses (Até 2 anos, portanto) — mas podem existir condições que facilitem a extensão para até 72 meses, que é o prazo máximo.

O empréstimo consignado conta com a limitação percentual e a limitação por idade:

  • quem tem até 79 anos e 11 meses de idade pode solicitar até R$ 80 mil,
  • após 80 anos completados, esse valor cai para R$ 30 mil.

Ambos possuem as suas características muito bem definidas, o que ajuda na hora de solicitar um empréstimo para aposentado.

Mas, no geral, o empréstimo consignado é uma das alternativas mais populares por levar em consideração, primeiramente, o perfil médio dos aposentados.

O que evitar ao solicitar um empréstimo para aposentado?

Para finalizarmos este post, entenda um pouco mais quais são os cuidados que devem ser tomados para que o seu empréstimo não se transforme em uma armadilha financeira em médio e longo prazo:

  • pesquise bem a empresa financeira. Pesquise sobre a reputação dela no mercado (como em suas redes sociais e em sites especializados, como o Reclame Aqui);
  • certifique-se de que a empresa é real. Existem muitas fraudes feitas em nome de instituições reais;
  • não contrate empréstimos por telefone. Opte pela modalidade virtual — diretamente no site ou aplicativo da empresa idônea — ou presencialmente;
  • muito cuidado ao compartilhar seus dados pessoais. Compartilhe-os, apenas, ao sentir segurança na empresa com a qual você está negociando;
  • avalie cuidadosamente todas as condições do empréstimo para aposentado;
  • compare os valores cobrados com o seu custo atual de vida. Isso ajuda a evitar endividamentos e vai te ajudar a escolher o melhor empréstimo para aposentados.

E então, acha que essas dicas vão ajudar você a economizar mais dinheiro, a ponto de conseguir honrar os compromissos feitos por meio do seu empréstimo para aposentado?

Mas, se você não é aposentado e precisa de um empréstimo indicamos que acesse um dos artigos abaixo, para buscar soluções para sua dívida:

Agora, caso conheça alguém que pode também se beneficiar das informações contidas neste post, compartilhe-o nas suas redes sociais!

Quer receber mais conteúdos como esse gratuitamente?

Cadastre-se para receber os nossos conteúdos por e-mail.

Email registrado com sucesso
Opa! E-mail inválido, verifique se o e-mail está correto.