empréstimo com cartão de crédito

Empréstimo com cartão de crédito: entenda como funciona e se essa é uma boa opção

Sim, é possível contratar um empréstimo com cartão de crédito, sem comprometer seu limite. Para conseguir um empréstimo com cartão de crédito, é preciso:

  • verificar a disponibilidade do serviço no banco;
  • solicitar o serviço de empréstimo;
  • aguardar a análise de crédito;
  • ler e assinar o contrato de serviço;
  • receber a liberação do dinheiro.

O cartão de crédito é a forma de pagamento mais utilizada no país. Por contar com facilidades como o parcelamento e a praticidade de só começar a pagar no próximo mês, o cartão de crédito é usado por 52 milhões de usuários brasileiros segundo o SPC (Serviço de Proteção ao Crédito).

Mas o que muitos desses milhões de pessoas não sabe é que é possível contratar um serviço de empréstimo com o cartão de crédito, e resolver algumas pendências financeiras sem comprometer o seu limite.

Se você estiver negativado e quiser entender como funciona o cartão de crédito para a sua situação, recomendamos a leitura do artigo, “Como fazer cartão de crédito para negativado: qual é a melhor opção e onde conseguir?”.

Para aprender como funciona o empréstimo no cartão de crédito, continue acompanhando este post.

Separamos as principais informações para te ajudar a identificar se é ou não uma opção pra você. Boa leitura!

Como funciona o empréstimo no cartão de crédito?

O empréstimo com cartão de crédito funciona como uma concessão pessoal convencional, mas está atrelada a uma linha de crédito associada a esse tipo de pagamento eletrônico.

A transação é feita sem comprometer os seus limites, por isso não afeta os hábitos de consumo do usuário.

Apesar da facilidade de contratação, é preciso ficar atento às suas condições.

O cartão de crédito já possui uma das taxas de juros mais altas do mercado e ter um empréstimo atrelado a ele pode gerar novas taxas significativas.

Ou seja, se você estiver considerando pedir um empréstimo deste tipo lembre-se de aplicar as técnicas de como controlar gastos no cartão de crédito. Elas serão mais importante que nunca!

Além disso, não é toda instituição financeira que oferece esse serviço. Portanto, é preciso conhecer as políticas do seu banco e os benefícios ofertados.

Como fazer empréstimo com cartão de crédito?

Assim como dissemos, o serviço não está disponível em qualquer instituição credora. Por isso, o primeiro passo para conseguir um empréstimo com cartão de crédito é verificar se o seu banco oferece esse tipo de concessão.

1. Verifique se a opção está disponível

Consulte o site, aplicativo, caixa eletrônico ou até o gerente da sua agência. Em caso afirmativo, siga os próximos passos.

2. Solicitação

A solicitação do empréstimo com cartão de crédito segue os padrões convencionais, por isso, basta que você:

  • acesse um dos canais de comunicação oficial do banco (agência, internet banking, central de atendimento via telefone),
  • preencha os dados cadastrais,
  • envie os documentos solicitados.

Se o seu cartão de crédito estiver vinculado com uma conta corrente, é muito provável que você já tenha um crédito pré-aprovado. Consulte essa possibilidade também.

Leia também: O que é cheque especial: como funciona e por que juros tão altos?

3. Análise de crédito

Feito isso, o banco fará a análise da sua situação financeira. Entre os fatores que irão “pesar” na decisão estão:

  • hábitos de pagamento,
  • score de crédito,
  • renda,
  • perfil de consumo,
  • dívidas, dentre outros.

Tudo isso será analisado para verificar se você tem ou não condições de arcar com as parcelas desse tipo de empréstimo.

Não sabe o que é score de crédito? Confira no vídeo abaixo uma explicação simples sobre esse indicador valioso para você e para o mercado.

4. Assinatura do contrato

Se o seu perfil estiver adequado aos critérios da empresa, o pedido será aprovado e um contrato de admissão do serviço será emitido.

Lembre-se de ler atentamente as condições do empréstimo, considerando:

  • taxas de juros,
  • parcelas,
  • porcentagens, e assim por diante.

5. Liberação do dinheiro

Assinado o contrato, o dinheiro solicitado será disponibilizado na sua conta corrente.

O prazo é definido pela própria instituição financeira, por isso pode variar de um banco para outro.

Como é feito o pagamento desse empréstimo?

O pagamento das parcelas pode ser feito de diversas maneiras, mas cada contrato terá as suas formas de quitação explicitadas em documento.

Descontos por meio do débito automático e o uso do cartão de crédito são algumas das muitas possibilidades de pagamento oferecidas pelo banco.

No caso de dúvidas mais específicas, o contato direto com a instituição financeira é obrigatório.

É possível pagar as parcelas do empréstimo usando um cartão de crédito?

Sim, contudo é preciso ficar atento a algumas questões.

O primeiro ponto é que, a empresa que receberá o pagamento das parcelas não pode ser a mesma que emite o cartão de crédito. Ou seja, a quitação não pode ser feita com o mesmo cartão vinculado ao pedido de crédito.

Isso porque, em uma lógica simples, usar o cartão de crédito para pagar as parcelas do empréstimo é o mesmo que transferir a responsabilidade para o emissor do cartão.

Em outras palavras, você colocaria o cobrador das parcelas pagando elas pra você. Isso não seria viável.

O segundo ponto a ser considerado é que nem todos os tipos de cartão de crédito realizam esse tipo de transação.

Alguns modelos mais básicos, por exemplo, só autorizam esse tipo de pagamento para contas de concessionárias, tais como luz, gás, água, telefone e TV a cabo.

Outros modelos mais robustos permitem todo tipo de operação com código de barras, contanto que sejam efetivamente pagos até a data de vencimento.

Portanto, é possível usar o cartão de crédito como forma de pagamento, desde que não seja o mesmo que disponibiliza a linha de crédito e que ele esteja habilitado para esse tipo de operação.

Quais as taxas e encargos envolvidos?

Assim como dissemos, quando utilizamos o cartão de crédito para pagar as parcelas do empréstimo, é o emissor do documento quem arca com esse custo até que o dia do pagamento da fatura chegue efetivamente.

Para prestar esse tipo de suporte financeiro, é muito comum que uma taxa de juros seja cobrada.

Como neste caso não existem garantias de que o cliente vá honrar com o pagamento da fatura, o valor desse encargo é bastante significativo.

Além dessa taxa, há também a alíquota do IOF (Imposto sobre Operações Financeiras) que incide diariamente sobre a operação.

Isso acaba encarecendo a conta e o valor da parcela individual.

Isto é, se o pagamento não for bem organizado, novos problemas financeiros podem surgir.

Vale a pena pagar o empréstimo usando um cartão de crédito?

Não acredito que essa seja a melhor opção para você. Considerando a porcentagem cobrada pelo imposto do IOF, nem que o emissor cobrasse uma tarifa pouco expressiva, o pagamento do empréstimo com o cartão de crédito seria vantajoso.

Além do valor da parcela e das taxas atreladas, que são cobradas até o vencimento da fatura, em caso de atrasos é cobrado também, automaticamente, os juros rotativos do cartão de crédito.

Desta forma, antes de assinar o contrato do empréstimo é preciso avaliar bem as condições apresentadas e ter um planejamento financeiro pessoal criterioso.

Na Xerpa criamos um modelo de planilha completa e gratuita para controle financeiro pessoal.

Faça o download da sua Planilha de Controle de Gastos Pessoais e comece a preencher.

Quando fazer uma simulação de crédito?

Contratar um empréstimo com cartão de crédito exige responsabilidade e muita organização.

Assim como pode ser a solução para quitar uma dívida antiga ou um auxílio para realizar um sonho, esse tipo de crédito pode gerar novas incumbências de for mal administrada. Por essa razão, separe um tempo para:

  • pesquisar as suas opções,
  • conhecer as alternativas e condições de outros bancos,
  • preparar sua rotina financeira para mudanças significativas.

Se ainda existirem dúvidas, é válido que você faça simulações de crédito em diferentes agente financeiros, para assim identificar a proposta mais adequadas para as suas reais necessidades.

O Banco Central ainda disponibiliza as taxas médias de juros dessa modalidade em todos os bancos que a oferecem.

Mas vale ressaltar que esses valores podem variar de acordo com o perfil do cliente, bem como a sua relação com a instituição.

Em muitas situações de negociação, é possível encontrar ofertas com juros menores e melhores condições de pagamento.

Portanto, contratar um empréstimo com cartão de crédito é uma possibilidade que pode resolver as suas incumbências, mas que exige pesquisa e muita disciplina para evitar novos problemas financeiros. Consulte sempre um profissional que possa orientar as melhores decisões. E pesquise também sobre outras opções.

Como fugir do empréstimo com cartão de crédito?

Um empréstimo com cartão de crédito pode se tornar uma grande armadilha financeira, por isso, buscar soluções alternativas pode ser uma escolha melhor.

Se você trabalha ou é dono de uma empresa saiba que a organização pode contribuir muito para ajudar seus colaboradores quitarem suas dívidas.

Cuidar da saúde financeira dos colaboradores vai garantir:

  • mais produtividade;
  • menores taxas de turnover;
  • menos estresse no trabalho, além de trazer muitos outros benefícios.

Por isso, que tal levar uma dica super estratégica para a gerência da empresa?

Xerpay é um sistema que permite empresas adotarem o modelo de salário on demand.

Trata-se de um benefício corporativo oferecido aos funcionários, que visa:

Em consequência também reduz gastos da empresa com demissões e acordo trabalhistas.

A integração é rápida e simples. Assim que seus funcionários se cadastrarem, eles podem fazer saques imediatamente.

Fale com um especialista e descubra ainda mais ganhos que a sua empresa pode ter ao oferecer um benefício como o Xerpay.

Ainda em dúvida? Então, confira este outro artigo relacionado, que traz todas as dicas para ajudar os seus funcionários a não se endividarem.

Ou acesse, Empréstimo pessoal online: o que é , como usar e vantagens do crédito!”. 

Gostou? Então, compartilhe nas suas redes sociais com quem também possa se interessar! Publicamos conteúdos como esse toda semana.

Quer receber mais conteúdos como esse gratuitamente?

Cadastre-se para receber os nossos conteúdos por e-mail.

Email registrado com sucesso
Opa! E-mail inválido, verifique se o e-mail está correto.