empresa inovadora

O que caracteriza uma empresa inovadora de fato?

O assunto da vez certamente é a inovação. Organizações em todo mundo buscam soluções revolucionárias constantemente na tentativa de assegurar a sua sobrevivência comercial neste novo mercado ultra competitivo. Mas afinal, o que caracteriza uma empresa inovadora?

Esse é um questionamento bastante frequente e, muitas vezes confundido com o desenvolvimento da tecnologia e transformação digital. Embora possam estar atrelados, a inovação não depende de tais requisitos.

Grosso modo, o que caracteriza uma empresa inovadora é a oferta de algo novo ao mercado, que possa ser empregado de forma produtiva e rentável. Essa solução pode ser um produto ou serviço, método organizacional, estratégias de marketing ou processo operacional. O seu fator inovador deve estar diretamente ligado a geração de produtividade e competitividade ao negócio.

Se você quiser algumas dicas de como aumentar a produtividade dos colaboradores da sua empresa, recomendamos a leitura deste artigo aqui.

Neste post, vamos abordar com mais profundidade o que caracteriza uma empresa inovadora. Continue acompanhando e conheça em detalhes os principais atributos que organizações inovadoras têm em comum. Boa leitura!

O que é inovação?

Para entender o que caracteriza uma empresa inovadora, é essencial entender o que é inovação de fato. 

A inovação é um conceito bastante confundido no mercado, tanto em relação ao uso da tecnologia quanto a invenção de alguma solução. Apesar de poder envolver tais qualidades, o desenvolvimento da inovação não depende delas.

No caso da invenção, o foco está em estruturar um protótipo original e exclusivo, no qual o retorno financeiro não é o seu guia fundamental. Um exemplo disso é o famoso avião 14 bis de Alberto Santos Dumont, que revolucionou a aviação mundial mas nunca foi comercializado.

Invenções surgem a todo momento e grande parte delas não alcançam o status de inovação. Isso porque para ser considerado algo inovador, é essencial que essa solução tenha fins econômicos e sociais. 

Já no caso da tecnologia, o equívoco vem da necessidade de usar recursos digitais para promover esse status. Contudo, a inovação pode ocorrer de forma independente. 

Soluções tecnológicas também surgem todos os dias, e é imprescindível que elas estejam ligadas a competitividade e ao retorno pecuniário para serem identificadas como inovadoras.

Diante disso, muitos gestores e empresários não consideram suas próprias atividades inovadoras por não saber, realmente, o que caracteriza uma empresa inovadora.

A inovação é a oferta de qualquer solução nova que impacte a produtividade e a rentabilidade de um negócio. Portanto, qualquer alteração que influencie a competitividade de uma empresa no mercado, otimizando o seu rendimento financeiro, pode ser considerada inovadora. 

Quais são os tipos de inovação que existem?

Antes de detalhar o que caracteriza uma empresa inovadora, vamos explorar os tipos de inovação que podem ser encontradas no mercado.

Segundo o manual de Oslo da OECD (The Organisation for Economic Co-operation and Development), existem quatro tipos básicos de inovação. Veja em seguida.

Inovação de produto ou serviço

O primeiro tipo de  inovação que vamos abordar neste post é o de produto ou serviço, que se trata da introdução de um bem ou serviço novo ou melhorado, no que diz respeito às suas funções fundamentais.

Um exemplo desse tipo de inovação é o pen-drive, que tem capacidade de armazenamento de até 1 TB para transportar e transferir arquivos de diversos formatos. Sua funcionalidade e praticidade logo o levou a superar o CD, transformando um hábito mundial.

Isso mostra que o que caracteriza uma empresa inovadora não é somente uma ideia revolucionária, mas também a forma com que ela é trabalhada. O pen-drive inovou uma ideia já existente há anos no mercado.

Inovação Organizacional

O segundo tipo de inovação que vamos abordar é o organizacional. Neste caso, trata-se da oferta de um método organizacional novo ou melhorado, que potencialize as operações internas do negócio e/ou melhore suas relações externas. 

Como o que caracteriza uma empresa inovadora são os impactos que essas soluções trazem para os seus resultados, o home office pode ser considerado um tipo de inovação organizacional. 

Reforçada pela pandemia do novo coronavírus (COVID-19), que impôs a quarentena como medida de segurança obrigatória, o home office foi adotado transformando a política de trabalho de empresas em todo mundo. 

Além de permitir a continuidade do negócio durante a paralisação, ainda apresentou um aumento na produtividade e satisfação de parte significativa da força de trabalho.

Inovação de Marketing

Outro tipo de inovação é o de Marketing, que explora a implementação de novas estratégias de atuação na área ou a melhoria de concepções no produto. Em outras palavras, alterações que influenciam o posicionamento, precificação, reconhecimento, reputação, satisfação, volume de vendas, expansão, dentre outros, do produto e/ou marca.

Um exemplo de inovação de Marketing é a adoção de um posicionamento socioambiental. Diante da necessidade de preservar recursos naturais e otimizar o seu uso, organizações em todo mundo estão reformulando suas operações internas e externas para empregar mais responsabilidade ecológica.

Um caso que teve bastante visibilidade foi o da Coca-Cola, que criou uma campanha de marketing verde em 2012 para conscientizar a sociedade sobre a preservação dos ursos polares. Até a cor das latas, característica primária da marca, foi trocada para impactar o consumidor. 

Portanto, o que caracteriza uma empresa inovadora também é a sua inteligência estratégica.

Inovação de Processo

Por fim, o quarto tipo de inovação do manual de Oslo é o de processos. Neste caso, métodos de produção ou distribuição podem ser mudados ou significativamente melhorados. 

Todas as operações ligadas a cadeia de produção podem ser influenciadas pela inovação de processo, por isso ela impacta diretamente o rendimento e a produtividade da força de trabalho.

Um exemplo disso é o emprego de soluções tecnológicas que potencializem algum processo operacional do negócio, tal como o adiantamento salarial. O Xerpay é uma solução que oferece esse benefício de forma organizada e prática, simplificando o controle da empresa e melhorando a satisfação do colaborador.

Consequentemente, o seu rendimento é melhorado e os resultados do negócio são refinados. 

Afinal, o que caracteriza uma empresa inovadora?

Entendido o que é inovação e quais são os principais tipos usados no mercado, vamos explorar agora o que caracteriza uma empresa inovadora de fato. 

Confira a seguir, as principais características em comum de empresas reconhecidas por serem símbolos de inovação. 

Força de trabalho comprometida

Um dos aspectos que caracteriza uma empresa inovadora é a qualidade da sua força de trabalho, ou seja, seu engajamento, comprometimento, lealdade, dedicação, qualificação, dentre outros. Isso porque são essas atribuições que sustentarão qualquer operação inovadora no negócio. 

Por isso, gestores de empresas inovadoras disseminam práticas que desenvolvem essas qualidades nas suas equipes de trabalho.

Uma empresa que se destaca por essa característica é a gigante química alemã Basf. A cultura da inovação faz parte do cotidiano de seus milhares de colaboradores, mais de 4.200 só no Brasil. 

Seja por meio de treinamentos, canais de ideação sólidos, programas que recebem sugestões dos próprios funcionários (busca de saídas mais práticas para os desafios do dia a dia), bonificações para ideias inovadoras, permissão para estruturar projetos ou mini startups dentro da empresa (busca soluções para o negócio), e assim por diante.

Portanto, cuidar da força de trabalho é uma ótima forma da sua empresa investir em inovação. Afinal de contas, são os resultados dos colaboradores que definem o que caracteriza uma empresa inovadora.

Foco na eficiência das operações

Outro atributo que empresas inovadoras possuem em comum é o foco na eficiência. Seus gestores Incentivam a força de trabalho a desenvolver operações com inteligência e estratégia, promovendo, consequentemente, a redução da taxa de desperdício, a manutenção de bons indicadores de desempenho e produtividade, geração de novas receitas, e assim por diante.

O estímulo da eficiência em todas as atividades o permite que os investimentos em soluções inovadoras sejam mais assertivos. E assim, a inovação se torne parte essencial da empresa e seja promovida constantemente. 

Uma empresa que se destaca por inovar as formas com que gerencia seus processos é a Nubank. A startup brasileira é uma fintech, cujas operações visam máxima eficiência, sem abrir mão do bem-estar dos colaboradores.  

Cada funcionário determina sua própria jornada de trabalho; o ambiente laboral estimula o lazer e o conforto; equipes são organizadas por squads para estimular a criatividade e o desenvolvimento de soluções transformadoras; os clientes operam no cenário digital com agilidade e praticidade, e assim por diante.

O que caracteriza uma empresa inovadora é também a forma com que ela gere os seus processos, visando otimizar o rendimento de cada operação. Por isso, mais do que criar algo novo, a sua empresa deve tornar o atual mais eficiente.

Atendimento ao cliente impecável

É fato que para qualquer negócio, os clientes são a razão fundamental. E justamente por isso, a inovação deve ser estruturada para atender às suas necessidades.

Tendo isso em mente, gestores de organizações inovadoras empregam soluções que agregam valor ao seu consumidor, seja por meio da oferta de serviços ou produtos específicos, previsão de demandas sazonais, pela experiência com a marca, e assim por diante.

O que caracteriza uma empresa inovadora é também a perspectiva do seu cliente. Uma empresa que se destaca ao inovar sua relação com o consumidor é a rede varejista Magazine Luiza.

Além de migrar para o cenário digital, facilitando o consumo e a comunicação, ela ainda  oferece ferramentas digitais que auxiliam pequenos varejistas na administração de seus negócios online, estende programas de apoio à mulher e a denúncia contra violência doméstica, se posiciona diante de questões socioculturais, dentre outros.

A empresa inovou a forma com que interage com o seu público-alvo, a maneira como se posiciona, os seus canais de comunicação, tudo isso revolucionou o seu valor no mercado. 

Para tornar a sua empresa mais inovadora, investir no atendimento ao cliente deve ser uma prioridade. Fazer dos consumidor embaixadores voluntários da marca é uma estratégia que caracteriza uma empresa inovadora.

Investimento em inteligência

O que caracteriza uma empresa inovadora é a sua inteligência operacional, por isso adotar soluções tecnológicas que ofereçam essa condição é fundamental. Empresas inovadoras, certamente, contam com recursos que otimizam e conectam não só o fluxo interno de atividades como também o externo.

Com isso, além de agilizar os processos, dar praticidade à rotina de trabalho e melhorar o controle e a segurança de dados, esses recursos maximizam a entrega de valor para o cliente e potencializam as geração de novas receitas.

Um exemplo de empresa que inova por meio da adoção de soluções inteligentes é a Loggi. A startup brasileira de logística é pautada por um tripé fundamental: mobile; automação e robótica; e Inteligência Artificial (IA).

Os gestores têm controle integral de todos os dados relativos às entregas, por isso são capazes de otimizar o seu fluxo, diminuindo o tempo de operação, minimizando riscos e aumentando a satisfação do cliente. Aqui, a inovação é guiada pela tecnologia.

Considerando as reais demandas do negócio, os gestores da sua empresa também podem buscar soluções tecnológicas para inovar processos essenciais e integrar setores estrategicamente. Machine learning, cloud computing, softwares de gestão, são inúmeras as soluções que podem trazer novas oportunidades para o negócio.

Investimento em automação

Como dissemos, o que caracteriza uma empresa inovadora é a inteligência operacional, e isso também inclui o emprego da automação

Empresas inovadoras otimizam o uso do tempo empregando soluções que mecanizam atividades repetitivas e manuais, liberando a força de trabalho para atuar com operações que realmente agreguem valor estratégico. 

Além disso, a automação ainda assegura mais precisão à coleta, processamento, análise e armazenamento de dados. Tecnologias como IA, Big Data, robótica são alguns exemplos.

Uma empresa que se destaca por inovar suas atividades por meio da automação é a Viação Osasco. Essa empresa brasileira de ônibus abandonou o processo manual de compras e adotou a automação total de suas operação de cotações e envio de pedido, por meio de um sistema integrado ERP (Enterprise Resource Planning). 

Com isso, os custos da operação foram reduzidos expressivamente, o número de fornecedores foi ampliado, a gestão de estoque foi facilitada, a integração de dados foi otimizada, dentre outros. O que caracteriza uma empresa inovadora é, sem dúvida, o retorno de seus investimentos.

Portanto, podemos concluir que a inovação pode ser estruturada de diversas formas, impactando os indicadores de eficiência e produtividade e melhorando o retorno financeiro do negócio.

Vale pontuar que, além de estruturar um tipos de inovação ou todos, o maior desafio de uma organização é saber construir e manter um ambiente que impulsione essas práticas. Ou seja, transformar a inovação em uma prática de sua cultura organizacional.

Sem sombra de dúvida, o que caracteriza uma empresa inovadora é a forma com que os gestores perseguirão o sucesso de seus negócios. Estruturando soluções com eficiência, inteligência e continuidade, a empresa se manterá competitiva, explorará novas oportunidades de crescimento e assegurará a sua sobrevivência comercial no mercado.

 

Gostou do post? Conta pra gente aqui nos comentário como a sua empresa investe em inovação.

Quer receber mais conteúdos como esse gratuitamente?

Cadastre-se para receber os nossos conteúdos por e-mail.

Email registrado com sucesso
Opa! E-mail inválido, verifique se o e-mail está correto.