Implementar um setor de RH eficiente é um dos maiores desafios do mundo corporativo. O capital humano é o grande responsável pelo sucesso da organização, por isso deve ser administrado com muito planejamento e cuidado.

Pensando nisso, reunimos neste artigo as principais dicas de Recursos Humanos para você manter o seu departamento sempre atualizado.

Você verá quais são as práticas mais usadas no mercado para impulsionar a gestão de pessoas e poderá usá-las para renovar o RH da sua empresa. Achou interessante? Continue conosco!

O que é o setor de Recursos Humanos?

O setor de Recursos Humanos é responsável por tudo o que envolve a gestão dos funcionários da empresa. Isso inclui selecionar, contratar, desenvolver e garantir a satisfação dos colaboradores, a fim de construir uma equipe de alto nível e manter a empresa competitiva no mercado.

O perfil do setor mudou muito nos últimos anos. Se antes a rotina do RH era basicamente operacional, hoje a área é cada vez mais estratégica.

Atividades como o planejamento da comunicação interna e a difusão da cultura organizacional também se tornaram essenciais no dia a dia do RH. Com isso, a área deixou de ser uma equipe de suporte para ter influência direta no planejamento da organização, auxiliando os líderes a tomar as melhores decisões para o negócio.

Como impulsionar a gestão de pessoas?

Para realizar uma gestão de pessoas eficiente, é importante planejar muito bem as ações que serão executadas pelo RH.

Confira a seguir as principais dicas de Recursos Humanos para conseguir os melhores resultados.

1. Conheça bem o time

Nunca se esqueça que o RH lida com pessoas. Pode parecer óbvio, mas muita gente se esquece que cada indivíduo tem necessidades, ambições e comportamentos distintos.

Não existe um manual que se aplique a todas as organizações ou membros de um time. É preciso fazer um diagnóstico personalizado do quadro de funcionários da sua empresa, identificando as demandas, objetivos e forma de atuação de cada setor.

Os líderes devem saber ouvir e observar o dia a dia dos colaboradores, a fim de detectar problemas e encontrar as melhores soluções. Ao atender as necessidades de cada profissional, a empresa traz a equipe para perto e aumenta o engajamento do time.

2. Fomente a cultura de feedback

Desenvolver uma cultura de feedback é uma das principais dicas de Recursos Humanos para atualizar as práticas do departamento. Essa medida é muito importante para manter a equipe sempre a par dos acertos, falhas e metas que devem ser alcançadas.

No entanto, muitas empresas simplesmente não dizem aos seus funcionários como está o seu desempenho. Em outros casos, os líderes aplicam os feedbacks de forma grosseira e superficial, o que deixa os colaboradores ainda mais insatisfeitos.

Críticas agressivas não funcionam. É importante comunicar os problemas de desempenho do profissional, mas isso deve ser feito sempre em tom construtivo, com orientações para ele evoluir. A linguagem precisa ser firme, mas ao mesmo tempo compreensiva e inspiradora.

Além disso, os feedbacks não devem se restringir apenas às avaliações anuais, organizadas pelo RH. Estimule os líderes a conversar com os funcionários no dia a dia, apontando falhas e reconhecendo os acertos dos seus profissionais.

Quando o acompanhamento é contínuo, o direcionamento é muito mais efetivo.

3. Esteja alinhado aos objetivos da empresa

Como um setor estratégico, o RH precisa estar alinhado aos objetivos da organização.

Entender o que a empresa busca é primordial para tomar decisões mais precisas em contratações, programas de treinamento e pacote de benefícios, entre outras ações de responsabilidade do departamento.

Isso também significa compreender e difundir a cultura organizacional. Os colaboradores se tornam mais engajados quanto têm um forte senso de propósito.

Portanto, o RH e os líderes devem definir uma visão clara do caminho da empresa e planejar suas ações ao redor disso.

A cultura precisa estar presente em todas as interações, eventos, processos e serviços da companhia. Só assim será possível construir uma identidade forte e valorizada pelos funcionários.

4. Contrate as pessoas certas

Outra das melhores dicas de Recursos Humanos para a sua empresa é contratar profissionais com o perfil adequado.

Apenas as competências técnicas não são mais suficientes para considerar um candidato apto a uma vaga. É preciso observar também o lado comportamental.

Monte uma equipe com pessoas identificadas com a cultura da empresa. Isso faz toda a diferença no engajamento, motivação e produtividade dos funcionários.

Para encontrar esses talentos, invista em testes de perfil e faça as perguntas certas durante a entrevista. Lembre-se: é muito mais difícil aprender atitudes do que habilidades técnicas.

5. Invista em tecnologia para otimizar a rotina

Investir nas tecnologias certas para tornar a rotina mais dinâmica é uma das dicas de Recursos Humanos mais úteis para o setor. Implementar um software de gestão de pessoas é primordial.

Com esse tipo de sistema, é possível reunir dados importantes em uma única plataforma, além de automatizar processos operacionais.

Isso inclui folha de pagamento, controle de ponto, horas extras e cálculo de férias, entre outras atividades.

Também é possível contar com a ferramentas específicas para outras tarefas da área, como recrutamento, processos seletivos, comunicação interna e treinamentos corporativos.

Basta pesquisar alternativas, fornecedores e fazer a escolha mais adequada para cada objetivo.

6. Proporcione bem-estar aos colaboradores

Qualidade de vida é a chave para manter uma equipe satisfeita e engajada no trabalho. Por isso, elabore ações que melhorem o bem-estar dos funcionários de todas as maneiras possíveis.

Uma boa dica é elaborar programas de saúde física e mental. Ofereça lanches saudáveis, acompanhamento nutricional e incentivo à atividade física.

Orientar a equipe sobre como lidar com o estresse e a depressão também é essencial para ter um time feliz, disposto e 100% concentrado em suas metas.

O bem-estar financeiro também deve ser promovido, embora muitas vezes seja deixado de lado no mundo corporativo. Afinal, quanto menos preocupações o profissional tiver com dinheiro, mais conseguirá render no dia a dia.

Implemente ações como pagamento por dia e programas de educação financeira na empresa. Isso fará muita diferença tanto para os funcionários quanto para a organização.

7. Conheça as leis trabalhistas

Um dos principais papéis do RH é conhecer a fundo as leis trabalhistas. Assim, é possível adotar as melhores práticas de segurança no trabalho, férias, contratações e controle de jornada. Tudo deve estar de acordo com as normas do governo, a fim de evitar ações judiciais no futuro.

Essas foram as nossas dicas de Recursos Humanos para você aplicar na sua empresa! Agora que você já está por dentro do assunto, é hora de colocar o que aprendeu em prática.

Avalie o cenário da sua organização e estude bem quais ações serão necessárias para impulsionar a gestão de pessoas. Com certeza os resultados serão animadores!

Gostou do artigo? Não se esqueça de deixar um comentário com suas dúvidas e opiniões. Estamos ansiosos para saber como funciona o setor de Recursos Humanos da sua empresa!