Não quer perder nenhum lance e manter as equipes motivadas? Aqui, você vai descobrir como acompanhar a Copa do Mundo na empresa sem perder o foco na produtividade! Afinal de contas, milhões de pessoas ao redor do globo vão estar atentar às partidas entre as principais seleções de futebol entre os dias 14 de junho e 15 de julho.

O ponto, então, está em encontrar o equilíbrio para agregar a diversão desse evento em escala mundial, mas sem perder o ritmo produtivo. E, nos tópicos seguintes, vamos apresentar algumas dicas criativas e campeãs para colocar em campo no dia a dia corporativo. Acompanhe!

 

Como aproveitar a Copa do Mundo na empresa?

As partidas vão ser disputadas na Rússia, cujo fuso-horário é bastante ingrato com a rotina corporativa do nosso país tropical. E se as avaliações de performance levassem em consideração o esforço em conciliar os grandes jogos da Copa do Mundo com a jornada de trabalho, pode ter certeza que muitos funcionários seriam muito bem avaliados pelo RH!

Acontece que é possível ser flexível quanto a isso e entrar no ritmo de folia e competitividade que contagiam os aficionados por futebol. Em primeiro lugar, porque vivemos em uma época em que a integração social e profissional condiz com um ambiente produtivo e harmônico.

Além disso, as regras rígidas e inflexíveis que se percebia em culturas organizacionais de poucos anos atrás não são motivacionais. Pelo contrário: cada vez mais se nota o quanto isso gera desconfortos, estresse e pode até mesmo elevar o turnover da empresa.

Só que não pense que a Copa do Mundo na empresa é um jogo onde apenas um time entra em campo. As boas práticas, o respeito e a conscientização devem ser trabalhados tanto pelo RH e gestão da companhia quanto pelos seus colaboradores. Vamos ver de quais maneiras?

 

O papel do RH nas partidas

Em um pontual trabalho de equipe, o RH e os cargos de liderança devem exercer, acima de tudo, a flexibilidade: para alinhar um dos eventos que mais chamam a atenção do mundo inteiro à sua rotina e para não perder o foco nos resultados de crescimento da empresa.

O interessante é que isso pode ser trabalhado para promover o ambiente interno, motivar os colaboradores e aumentar a percepção de marca no mercado.

Na Copa do Mundo de 2014, por exemplo, não faltaram cases de empresas que se destacaram por entrar no clima de festa que contagiou o país, mas garantindo o cumprimento da jornada de trabalho. Sem falar, é claro, em ações que despertem o senso de competição nos departamentos — falaremos mais a respeito disso adiante.

 

Os colaboradores vestindo a camisa 10

Do outro lado, os profissionais que já calcularam a quantidade de hora extra que pode ser usada para acompanhar as principais partidas da competição também têm participação decisiva nesse período.

Primeiramente, mantendo a boa educação e os bons costumes intactos — palavrões, xingamentos e badernas devem ser evitados a qualquer custo. Especialmente, se as empresas disponibilizam TVs no local de trabalho para que os colaboradores acompanhem a Copa do Mundo na empresa.

Um time campeão se forma, justamente, pelo equilíbrio em todos os setores do campo de futebol. E da mesma maneira que a sua empresa funciona melhor quando todos atuam juntos e focados nos mesmos objetivos, é importante contar com a colaboração de todos se o RH está pensando em algumas alternativas criativas.

Abaixo, vamos discutir algumas ideias e que podem ser aplicadas no dia a dia de sua empresa. Confira e inspire-se em nossas sugestões!

 

O que fazer para assistir à Copa do Mundo sem perder produtividade?

O RH costuma marcar golaços quando o processo de avaliação de candidatos é muito bem conduzido e planejado. Mas também pode ser o capitão da empresa e levantar a taça se conseguir implementar ações que deixem a gestão e os colaboradores satisfeitos para acompanhar a Copa do Mundo nas empresas.

Entre as principais ideias para isso, sugerimos as seguintes:

Pausas para os jogos do Brasil

Durante a primeira fase da Copa do Mundo, a seleção brasileira vai jogar nos dias:

  • 17/06, contra a Suíça, às 15h;
  • 22/06, contra a Costa Rica, às 9h;
  • 27/06, contra a Sérvia, às 15h.

Com isso, é possível que muitos departamentos se organizem para sair, com antecedência, e assistirem aos jogos onde quiserem. Ou, ainda, que acompanhem a essas partidas da Copa do Mundo na empresa mesmo. Com telão, pipoca e flexibilidade para que os colaboradores possam vestir a camisa canarinho, o clima de competição será compartilhado entre todos!

 

Ambientação para entrarem no clima de Copa do Mundo na empresa

Espalhe bandeirinhas com as seleções participantes por toda a empresa, balões e outros adereços que remetam à Copa do Mundo. Deixe a criatividade rolar solta e, quem sabe, até mesmo divida os departamentos entre as seleções e gere pequenas competições internas.

 

Distribua brindes aos colaboradores

Cornetas, apitos confetes e mais uma série de enfeites e acessórios fazem parte da Copa do Mundo na empresa ou fora dela. Permitir essa folia — desde que controlada e sem que incomode a produtividade da empresa — é uma boa maneira de engajar os profissionais a contribuírem mais e melhor em seus cargos para aproveitarem o clima de festa.

Além disso, entre os brindes o RH da empresa pode também distribuir cartelas com todos os jogos da copa ou mesmo o popular álbum de figurinhas — estimulando até mesmo encontros internos para a troca de cromos para que todos completem o seu álbum.

 

Ações de endomarketing

Durante a Copa do Mundo, que tal oferecer uma competição de resultados, focadas nas necessidades e objetivos de cada departamento? Assim, o clima de competição impacta a todos, que pode ser reconhecidos e também compartilharem o sentimento de campeão com a melhor seleção de futebol do mundo.

 

Bolão da Copa do Mundo na empresa

Por fim, uma boa ideia é a realização de um bolão em que os participantes podem ganhar prêmios a cada rodada ou apenas para quem acertar o maior número de placares. Quem disse que diversão e produtividade não podem caminhar lado a lado?

 

Agora, além de todas as ações aqui apresentadas para receber a Copa do Mundo na empresa, não deixe de conferir também nosso artigo, que explica outra questão fundamental às vésperas dessa competição global: é possível liberar funcionários nos jogos da Copa?