como tirar 2º via do cpf

Como tirar a 2ª via do CPF: aprenda passo a passo!

Todo mundo está sujeito a perder um documento, precisando de uma nova via para deixar tudo em ordem. Porém, cada um deles funciona de um jeito: alguns só podem ser emitidos presencialmente, outros requerem o pagamento de taxas e assim por diante. 

Pensando nisso, explicamos a seguir como tirar a 2ª via do CPF, um dos documentos mais importantes do cidadão brasileiro. Continue lendo o artigo e veja como é fácil!

O que é CPF?

O CPF (Cadastro de Pessoa Física) é um documento emitido pela Receita Federal para identificar os contribuintes do Imposto de Renda. Crianças a partir dos 12 anos devem ter o cadastro para inclusão na declaração de IR dos pais, até que deixem de ser seus dependentes.

Porém, a função do CPF vai muito além disso. Ele serve para registrar qualquer pessoa que resida no Brasil, independentemente da nacionalidade. Além disso, ele é necessário para abertura de conta bancária, matrícula em universidade, solicitação de cartão de crédito e outras atividades.

Quem se inscreve no CPF recebe um cartão com uma numeração de 11 dígitos, que são diferentes para cada pessoa. Esse número acompanha o cidadão por toda a vida, só mudando em caso de determinação judicial.

Dica: hoje em dia não é mais necessário andar com o CPF na carteira. Basta atualizar o RG (carteira de identidade) para que o número do CPF apareça, deixando o original em casa.

>> Quer saber tudo sobre o CPF? Confira este guia que publicamos no blog:
Entenda o que é CPF e qual é a sua importância <<

Em que situações é necessário tirar a 2ª via do CPF?

A 2ª via do CPF deve ser emitida em caso de perda, roubo ou extravio do documento.

Em geral, perder documentos sempre gera um estresse. Primeiro, pelo motivo da perda, em um assalto ou uma simples distração. Depois, pela mão de obra que a pessoa costuma ter para tirar uma nova via.

Alguns documentos, como o passaporte, geram mais transtornos, pois o cidadão precisa pegar filas, senhas e pagar uma alta taxa para conseguir um novo. Outros, como a CNH, são mais práticos: é só solicitar pela internet, pagar a taxa e receber em casa.

Mas, de todos, o mais simples para tirar 2ª via é o CPF, como veremos a seguir.

Como tirar a 2ª via do CPF?

Não é mais necessário ir a uma agência dos Correios para tirar a 2ª via do CPF. Você faz tudo pela internet e gera um comprovante que pode ser impresso em casa, de graça e sem filas. Depois, é só guardar o papel e apresentá-lo quando for necessário.

Os procedimentos para a emissão são diferentes para quem declara Imposto de Renda e para quem não declara. Veja abaixo o passo a passo para cada caso.

Quem não declara Imposto de Renda

Pessoas que não declaram Imposto de Renda podem tirar a 2ª via do CPF pelo site da Receita Federal.

 

  • Preencha o formulário com o número do seu CPF, nome completo, data de nascimento, nome da mãe (como consta no RG) e número do título de eleitor. Depois, clique em Enviar.
  • Visualize o comprovante e siga as instruções na tela para imprimi-lo.

 

Quem declara imposto de Renda

Se você declara Imposto de Renda, deve tirar a 2ª via do CPF pelo Portal eCAC, o centro virtual de atendimento da Receita Federal. Para usar a plataforma, você precisará de um código de acesso. Confira os passos:

 

  • Preencha os campos com o número do seu CPF e sua data de nascimento. Insira os caracteres de confirmação e clique em Avançar.
  • Na tela seguinte, informe os números dos recibos de entrega das suas últimas duas declarações de IR. Crie sua senha e depois clique em Gerar Código
  • Na tela inicial do eCAC, clique em Cadastros > Comprovante de inscrição no CPF.
  • Imprima o comprovante gerado e tenha a 2ª via do CPF em mãos.

 

Importante: sempre que você precisar imprimir o comprovante, precisará de um novo código de acesso. Por segurança, os códigos sempre expiram 24 horas após serem gerados.

Agora que você já sabe como tirar 2ª via do CPF, saberá exatamente o que fazer se perder o documento. Lembre-se: manter não só o CPF, mas também toda a sua documentação em ordem, é essencial para evitar surpresas em caso de necessidade.

Gostou do artigo? Deixe um comentário no post com suas dúvidas e opiniões! Estamos à disposição para resolver qualquer questão que você tenha sobre o assunto.

Quer receber mais conteúdos como esse gratuitamente?

Cadastre-se para receber os nossos conteúdos por e-mail.

Email registrado com sucesso
Opa! E-mail inválido, verifique se o e-mail está correto.

Fale o que você pensa

O seu endereço de e-mail não será publicado.