Diminuir a rotatividade de funcionários deve ser uma das prioridades de qualquer empresa. Isso porque o alto índice de demissões pode afetar de forma drástica o engajamento e desempenho dos demais membros da equipe.

Algumas ações tomadas pelos setores de RH nas corporações podem contribuir para que isso não aconteça, como o desenvolvimento de estratégias voltadas para a retenção de talentos.

A retenção de talentos é o nome dado às ações realizadas pelas empresas para manter seus bons funcionários, evitando que eles deixem o trabalho e acabem indo trabalhar para concorrência.    

Manter profissionais bem qualificados e motivados em sua empresa é fundamental.

Afinal, ter colaboradores habilidosos e que estão comprometidos com as metas e cultura da empresa traz diversos benefícios, como diminuição de custos, aumento da produtividade e diminuição da rotatividade.

Agora, quando a empresa não se preocupa com seu quadro de funcionários, acaba perdendo aqueles profissionais altamente capacitados mas que estão desmotivados e infelizes. Os quais acabam sendo recrutados pelos concorrentes, gerando muitos prejuízos para sua organização.

Sua empresa já sofreu com esse problema? Você sabe como reter talentos e diminuir a rotatividade de pessoal?

Preparamos o conteúdo a seguir para auxiliar sua organização nessa missão. Não perca!

>> A Xerpa criou um livro digital que aborda tudo sobre o turnover e quais as principais ações para reduzi-lo! Basta você clicar aqui e você irá acessá-lo agora mesmo 😉

 

Quais os benefícios da retenção de talentos?

A retenção de talentos refere-se justamente a valorização e reconhecimento dos funcionários. É quando a empresa possui estratégias voltadas para estimular seus profissionais, tornando-os mais motivados e capacitados.

Quando uma empresa não foca em seu capital humano, acaba sentindo de diferentes formas, como em equipes menos produtivas, clima organizacional tóxico e até altas taxas de turnover.

Por isso, é crucial saber como reter talentos e diminuir a rotatividade de pessoal. Isso irá potencializar os negócios de sua organização no mercado.

Contar com os melhores profissionais a seu dispor representa uma grande vantagem competitiva.

Há diversos benefícios na retenção de talentos, confira a seguir os principais:

 

1. Economia para a empresa

A rotatividade de funcionários é uma das principais causas de prejuízo financeiro para as empresas; Desligar um funcionário envolve vários custos, principalmente quando se trata de empregados de longa data.

Além dos gastos com turnover, a empresa precisa contratar um novo funcionário, o que aumenta os gastos com novos processos de recrutamento e seleção.

Agora, quando os funcionários estão motivados, a rotatividade diminui e a empresa consegue economizar mantendo seus talentos.

 

2. Mantém seu capital intelectual

Após trabalhar um determinado tempo em sua organização, seus funcionários com certeza passaram a dominar seus processos e realizá-los com qualidade.

Sendo assim, uma rotatividade alta de profissionais pode afetar drasticamente na produtividade.

Desenvolver ações de reter talentos e diminuir a rotatividade de pessoal impede exatamente isso. Desse modo, é possível manter seu capital intelectual intacto.

Se o profissional apresenta ótimas habilidades e capacitação, existe um motivo ainda maior para mantê-lo no quadro! Esse tipo de funcionário é difícil de encontrar e reter.

 

3. Ajuda a melhorar o clima organizacional

A atmosfera interna de sua empresa influencia diretamente o modo como os funcionários se sentem no trabalho.

Quando o clima é agradável, é possível promover melhores experiências e satisfação para os funcionários.

Para ter um clima organizacional agradável, a empresa deve saber como reter talentos e diminuir a rotatividade de pessoal.

O motivo é simples. Profissionais talentosos são mais colaborativos e dispostos a ajudar o restante do time nas dificuldades e desafios diários.

Dessa forma, o relacionamento de toda a equipe se torna mais efetivo e, consequentemente, melhora o clima organizacional.

 

4. Aumenta o engajamento e produtividade

Junto a um clima organizacional harmonioso, há mais colaboração mútua, engajamento e produtividade.

Por meio de ações efetivas de como reter talentos e diminuir a rotatividade de pessoal, a empresa consegue montar uma equipe alinhada, trabalhando pelos mesmos objetivos. Assim, as tarefas são cumpridas em menor tempo e com maior qualidade.

A retenção de talentos é fundamental para esse cenário, pois a saída de um membro da equipe pode abalar significativamente as relações e a produção.

 

5. Melhora o processo de tomada de decisão

Por meio de ações de retenção de talentos, as empresas podem contar com bons profissionais, que são capazes de assumir maiores responsabilidades e até mesmo cargos de liderança.

Talentos, normalmente, possuem um perfil comportamental compatível com a cultura organizacional e, por isso, tendem a ter alto desempenho e a entregar sempre os melhores resultados.

Logo, quando precisam tomar decisões importantes, possivelmente agirão com maior agilidade e dinâmica, tendo sucesso para atingir os objetivos da organização.

 

Como reter talentos e diminuir a rotatividade de pessoal?

Agora que você já sabe a importância de reter talentos em sua empresa, chegou a hora de aprender como colocar em prática.

Algumas estratégias realizadas pelo RH podem ter grande impactos na retenção de talentos e diminuição da rotatividade de pessoal.

Veja a seguir quais ações são essas:

 

1. Crie um melhor clima organizacional

O trabalho é praticamente o segundo lar de qualquer trabalhador. Por isso, quando o ambiente não oferece nenhuma qualidade de vida, ele tende a ficar desmotivado.

Muitos problemas podem surgir, como o estresse, conflitos interpessoais e o aumento dos erros nas operações.

Para evitar que isso aconteça, a empresa deve investir no aperfeiçoamento de seu clima organizacional, proporcionando um melhor bem-estar aos empregados.

Por meio de pesquisas de clima organizacional, é possível identificar os pontos negativos e positivos do ambiente, adequando-os conforme as preferências dos funcionários.

 

2. Reforce a comunicação interna

Manter um diálogo com todo o seu time é fundamental para saber como reter talentos e diminuir a rotatividade de pessoal.

Quando há comunicação, todos os funcionários permanecem mais alinhados e trabalhando em harmonia para desempenhar suas atividades com qualidade.

Portanto, sua empresa deve incentivar a comunicação interna, tanto entre equipes quanto entre profissionais de diferentes posições.

Essa melhoria deve começar pelo topo da empresa. Uma dica é utilizar a política de portas abertas.

 

3. Desenvolva programas de benefícios

Outro grande motivador de talentos é o programa de benefícios. Talentos de uma empresa costumam ter objetivos em sua carreira e esperam ser reconhecidos e recompensados pela organização.

Desse modo, criar um programa de benefícios flexíveis pode auxiliar sua empresa. Para isso, desenvolva pacotes com metas e desafios e, claro, bonificações pelas conquistas alcançadas.

>> Neste livro digital oferecemos excelentes dicas para a sua empresa construir uma Carteira de Benefícios competitiva. Clique aqui e baixe agora mesmo!

 

4. Tenha um bom plano de carreira

Outro grande atrativo para reter talentos e diminuir a rotatividade de pessoal é o plano de carreira.

O plano de carreira é o conjunto de caminhos e metas bem definidos pela empresa que servem como um guia de crescimento profissional para os funcionários. Ele não deve existir apenas no papel, precisa ser claro para todos os colaboradores.

Quando a empresa não possui um plano de carreira, deixa nas mãos dos gestores promover seus funcionários, o que pode gerar injustiças, desmotivando talentos a continuarem em sua empresa.

Como você pôde perceber, a retenção de talentos é um assunto que não pode ser ignorado por nenhuma organização.

Portanto, invista em seu time para mantê-los satisfeitos. Saber como reter talentos e diminuir a rotatividade de pessoal é fundamental para os negócios.

Se você gostou dessas dicas, siga a Xerpa nas redes sociais Facebook, Instagram, Twitter e LinkedIn e confira outros conteúdos como esse!