como pagar o ipva do carro

Como pagar o IPVA do carro? Tire as suas dúvidas sobre o imposto!

Você sabe como pagar o IPVA do carro? Esse é um imposto que todo dono de automóvel sabe que existe, mas a maioria ainda tem dúvidas quando chega a hora de quitar esse débito.

Então, para evitar problemas e dor de cabeça, explicaremos nesse post tudo o que você precisa saber para pagar o seu IPVA sem erro. Confira as principais dúvidas que vamos abordar:

  • O que é o IPVA?
  • Como calcular o valor do IPVA?
  • Como pagar o IPVA?
  • É possível parcelar o valor?
  • O que acontece se atrasar o pagamento?
  • Como pagar o IPVA atrasado?
  • Quais são as regras de isenção do IPVA?
  • Carros elétricos têm desconto no IPVA?
  • Quais são as regras de restituição do IPVA?

Para conhecer as respostas para essas perguntas, continue conosco!

O que é o IPVA?

O Imposto sobre a Propriedade de Veículos Automotores (IPVA) é um tributo estadual anual que deve ser pago sobre a propriedade de carros, motos, caminhonetes, caminhões, ônibus, embarcações e aeronaves.

Ele é sempre cobrado no início do mês de janeiro do ano vigente, de todos os cidadãos com posse de um desses bens. Entretanto, paara veículos novos, é considerada a data da primeira aquisição.

Antes de mais nada, é importante ressaltar que do valor arrecadado, 20% é destinado ao Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica e de Valorização dos Profissionais de Educação (FUNDEB). O restante é dividido meio a meio, entre o governo municipal e o estadual, de onde o imposto recolhido.

Como calcular o valor do IPVA?

Para pagar o IPVA é preciso entender como ele é calculado. Antes de mais nada, é importante entender que a base do calculo é o valor venal do veículo, indicado pela tabela Fipe, feita pela Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas.

Além de considerar a tabela, a quantia também varia de estado para estado: cada um usa uma alíquota diferente para o cálculo, que varia entre 2 e 4%. Por isso, consulte essas informações no Detran da sua região para conferir a cobrança do seu IPVA.

A seguir, segue um exemplo para ilustrar o cálculo:

> Valor venal do veículo: R$ 30.000
> Alíquota: 4%
> Cálculo: R$ 30.000 x 0,04 = RS 1.200 (valor que será cobrado no IPVA).

Como pagar o IPVA do carro?

Para pagar o IPVA do carro, basta ir até uma agência bancária credenciada e informar o número do RENAVAM, que pode ser encontrado no Certificado de Registro de Licenciamento do Veículo (CRVL).

Caso o proprietário do veículo, ou a pessoa que vai pagar o IPVA seja correntistas dessas instituições, também é possível fazer o pagamento pelo internet banking ou através de caixas eletrônicos.

É possível parcelar o valor?

Uma das partes mais importantes de como pagar o IPVA é a possibilidade de parcelamento.

O valor pode ser pago à vista, com um desconto que varia de acordo com o estado. Se você tiver o dinheiro à mão, prefira essa opção para aproveitar a vantagem e quitar o débito de forma mais rápida e barata.

Mas se não for possível, não tem problema. O pagamento pode ser parcelado em até 3 vezes, sem opção de desconto. Sendo assim, é importante se planejar para reservar o valor das parcelas e não perder as datas de vencimento, principalmente para evitar o atrasos.

O que acontece se atrasar o pagamento?

Cidadãos inadimplentes ficam sujeitos à cobrança de multa e juros, em virtude isso, não poderem obter o licenciamento do veículo.

De início, a multa é fracionada por dia, com taxas e regras que são diferentes em cada estado. Em São Paulo, por exemplo, a multa é de 0,33% por dia não pago. Depois disso, após 60 dias, o valor é fixado em 20% do valor total do imposto.

Além disso, rodar sem quitar o IPVA é considerado infração de trânsito gravíssima, com risco de apreensão do veículo.

>> Para saber mais sobre os riscos da inadimplência, confira este outro post do blog:
O que é inadimplência? Por que você deve se preocupar? <<

Como pagar o IPVA do carro atrasado?

Se o atraso for referente ao ano corrente, basta ir até uma agência credenciada e fazer o pagamento normalmente com juros e correção monetária. No entanto, caso seja o IPVA de anos anteriores, será necessário procurar o Detran do seu estado para negociar a dívida.

Quais são as regras de isenção do IPVA?

Alguns veículos, que são usados para fins específicos, tem como resultado a isenção da cobrança do IPVA previsa em lei. Entre os beneficiados estão:

  • veículos de entidades filantrópicas;
  • embaixadas;
  • transporte escolar;
  • portadores de deficiência visual, física, mental ou autistas;
  • taxistas.

Para conferir a lista completa, acesse o site do Detran do seu estado:

Carros elétricos têm desconto no IPVA?

Em alguns estados e municípios, carros elétricos têm desconto no IPVA como incentivo à redução de emissões de poluentes. 

A Prefeitura de São Paulo, por exemplo, isenta veículos elétricos do pagamento de metade do valor do imposto desde 2014, deixando de receber a parte que seria destinada ao município. 

O mais importante nessa atitude de alguns estados, é o estímulo a preservação ambiental.

Quais são as regras de restituição do IPVA?

Pouca gente sabe, mas na maioria dos estados a lei prevê a restituição integral ou parcial do IPVA para quem teve o carro roubado ou furtado. Outrossim, a regra é aplicável para todo cidadão, contanto que não tenha débitos com o governo.

Consulte no site da Secretaria da Fazenda as restrições à restituição do IPVA pago e as restrições à dispensa do pagamento.

 

Agora que você já sabe como pagar o IPVA do carro, basta usar o que aprendeu para quitar o seu débito sem mistério. É importante ficar atento às regras do seu estado e tomar todos os cuidados para não atrasar o pagamento. Dessa forma, você roda com o carro em dia e sem preocupações!

Gostou do artigo? Deixe um comentário com as suas dúvidas ou opiniões! Estamos à disposição para responder qualquer pergunta que você tenha sobre o tema.

 

Quer receber mais conteúdos como esse gratuitamente?

Cadastre-se para receber os nossos conteúdos por e-mail.

Email registrado com sucesso
Opa! E-mail inválido, verifique se o e-mail está correto.

Fale o que você pensa

O seu endereço de e-mail não será publicado.