Como definir a cultura de uma empresa

Como definir a cultura de uma empresa: 4 etapas estratégicas [+ os benefícios para o negócio]

Ao aprender como definir a cultura de uma empresa, limites estão sendo delineados. Os colaboradores vão entender os valores intrínsecos à marca, e vão identificar-se com eles. O mesmo vale para o consumidor. Daí, a importância em construir sua própria identidade.

Antes de pensar sobre como definir a cultura de uma empresa, que tal darmos um passo para trás e entender o que seria isso?

Afinal de contas, no afã de criar uma cultura organizacional, muitos empreendimentos perdem a personalidade ao agregarem valores comuns e genéricos.

Resultado disso: mais e mais empresas que não se identificam com os seus colaboradores e, tampouco, com o seu público-alvo (o consumidor).

Para minimizar o problema e permitir que você aprenda como definir a cultura de uma empresa, nós vamos mergulhar no assunto e explorar tudo o que você precisa saber para colocá-la no papel — e em prática — na rotina corporativa. Confira!

O que é cultura organizacional?

O DNA, a personalidade de uma marca, são valores intangíveis. Ou seja: não são quantificáveis, mas podem ser implementados e inseridos nos comportamentos e atitudes.

E é isso que significa uma cultura organizacional, permitindo o alinhamento de valores entre os recursos humanos e as marcas que eles representam por meio de suas atividades profissionais.

Diferentemente, por exemplo, do clima organizacional, que é a percepção que os outros têm a respeito da sua empresa.

Só que, ao aprender como definir valores de uma empresa você deve considerar que suas ações e pensamentos sejam devidamente traduzidos também para o público externo.

Portanto, não se trata apenas de “mostrar quem você é” para criar identificação com os seus profissionais e clientes, mas de posicionar-se e cumprir com atitudes condizentes com a sua personalidade.

Como definir a cultura de uma empresa?

Um ponto de partida relevante de como definir cultura é o trabalho de avaliação do mercado, como um todo.

Lembre-se, apenas, que a simples absorção desses valores não contribui com o desenvolvimento de um DNA próprio para a sua marca.

Por sua vez, esse exercício condiz única e exclusivamente com o propósito de entender a fundo como definir a cultura de uma empresa,

Abaixo, destacamos alguns dos valores que as empresa — independentemente do porte ou ramo de atuação — costumam inserir na complexidade dos seus respectivos DNAs:

  • gestão inovadora, praticando o incansável exercício de melhorar, aprimorar e ajustar o seu próprio fluxo e métodos de trabalho;
  • inconformismo, que se traduz em atenção aos detalhes, precisão, planejamento e um nível de excelência sempre em um patamar mais elevado;
  • foco, no que tange a busca pelos resultados e não eles em si. Por exemplo: o investimento em um software de gestão para melhorar todo o fluxo produtivo, tendo em vista que os resultados são (fundamentais e bem-vindos, mas) complementares a essa ação;
  • gestão de pessoas, que é outro trabalho incessante: as boas práticas que visam o desenvolvimento dos seus ativos mais valiosos, para que cresçam gradualmente junto com a empresa.

Conseguiu identificar algumas características já inerentes aos processos desenvolvidos aí, na sua empresa?

Que tal complementarmos o que vimos até aqui com os benefícios em saber como definir a cultura de uma empresa?

Quais são os benefícios em definir a cultura da empresa?

Aprender como definir valores de uma empresa promove uma série de aspectos positivos e relevantes para o engrandecimento da marca — e também dos colaboradores. Veja só:

Benefícios financeiros

A cultura da empresa tem o poder de aproximar-se dos seus clientes e funcionários. Com isso, gera-se um relacionamento mais sólido e duradouro.

Consequentemente, o engajamento dos colaboradores é maior e a empresa passa a crescer sem que, necessariamente, altos investimentos tenham sido feitos nos processos ou estrutura.

Retenção e atração de talentos

Uma marca com personalidade tende a atrair talentos que pensem e ajam de acordo com o posicionamento dessa empresa.

Por isso, ao aprender como definir a cultura de uma empresa e a aplicar esses valores no dia a dia, a taxa de turnover da empresa pode ser menor, bem como o banco de talentos é qualificado por meio do envio de currículos muito bem alinhados aos seus valores.

E sabemos que esse é um passo fundamental para garantir mais assertividade ao processo de recrutamento e seleção de qualquer empresa.

Atendimento ao cliente

Gerar experiências memoráveis aos clientes está entre os grandes desafios da sociedade contemporânea.

Mas rende resultado: no e-commerce, por exemplo, 89% dos entrevistados em uma pesquisa disseram que a experiência positiva é essencial para a fidelização.

Não à toa, ao definir a cultura da sua empresa, você está alinhando todos os seus processos às expectativas, demandas, objetivos e necessidades do seu público-alvo. E, assim, gera-se uma experiência personalizada e precisa na sua demanda!

Motivação

Internamente, a cultura organizacional contribui com a inspiração diária dos seus colaboradores.

Afinal de contas, como havíamos destacado no início do artigo, essa identificação é crucial para que o RH, por exemplo, entenda também o perfil dos seus profissionais.

Aí, para construir uma ação motivacional, promover o bem-estar no trabalho e até mesmo para a construção de um plano de carreira, o percurso é mais objetivo e simplificado.

Satisfação

Interna e externamente, a cultura da empresa se traduz em níveis maiores de satisfação e felicidade no trabalho e fora dele. Entende, com isso, que colaboradores satisfeitos possuem melhores resultados nos indicadores de produtividade.

E, acima de tudo, fiéis. Da mesma maneira que os clientes vão lembrar primeiro da sua marca, ao identificarem, em uma experiência de compra, os mesmos valores que eles nutrem em suas rotinas.

Como definir a cultura de uma empresa em 4 passos?

Para finalizarmos, vamos entender, na prática, como definir a cultura de uma empresa? Aí vão as nossas dicas:

1. Identifique a cultura da empresa

Volte à idealização da empresa: o que seus fundadores pensavam, desejavam e implementaram como valores intrínsecos à rotina da empresa?

Comece a partir daí, e molde as características da marca para ter, detalhadamente, as condutas e valores que orientam o trabalho de vocês.

2. Analise as características do negócio

Aprofunde-se na ideia anterior e diagnostique o que a sua empresa gera para os clientes.

Identifique o posicionamento da marca para diversos temas e, inclusive, aponte os diferenciais da empresa com relação à concorrência.

Perceba que, com isso, o seu empreendimento passa a assumir uma personalidade mais e mais dele, exclusivamente.

3. Alinhe os valores da empresa com as competências dos colaboradores

Com o perfil da organização bem definido, fica mais fácil entender quais valores os líderes devem cobrar, orientar e desenvolver em suas respectivas equipes.

Quando todo esse processo está devidamente estruturado, o processo se recrutamento e seleção é qualificado, também, bem como as relações interpessoais no dia a dia. O que tende a promover um trabalho:

  • colaborativo;
  • com autonomia;
  • competitividade sadia.

4. Invista na comunicação da sua empresa

Por fim, saber como definir a cultura de uma empresa significa, também, compreender como colocá-la em prática. E é inegável o valor da comunicação nesse processo.

Comece implementando um tom de voz próprio, que gere identificação e reconhecimento ao longo do tempo.

Em seguida, replique o DNA da empresa em toda a identidade visual, nos comunicados e também nas ações externas como:

  • divulgação;
  • marketing;
  • atendimento, etc.

Dessa maneira, as pessoas vão passar a associar a sua comunicação diretamente com os valores da empresa. Algo similar que acontece quando sabemos, exatamente, como definir nossos melhores amigos e familiares só com uma característica particular, entende?

Não limite-se, entretanto, a essas dicas para aprender como definir a cultura de uma empresa e implementá-la!

Temos um monte de páginas para você acompanhar mais dicas e novidades para qualificar o ambiente de trabalho. Por isso, aproveite para curtir a nossa página no Facebook e seguir-nos no Instagram, Twitter e LinkedIn!

Se, além de aprender como definir a cultura de uma empresa existem outros aspectos da gestão de pessoas que precisam de atenção dentro da sua empresa, entre em contato com a Xerpa. Somos uma plataforma de Recursos Humanos, que vai transformar a maneira como sua empresa faz a gestão de pessoas. Fale com um especialista e descubra como reduzir 30% dos custos do seu RH.

 

 

Quer receber mais conteúdos como esse gratuitamente?

Cadastre-se para receber os nossos conteúdos por e-mail.

Email registrado com sucesso
Opa! E-mail inválido, verifique se o e-mail está correto.

1 Comentário

  1. Conteúdo de qualidade e informações muito relevantes! Não tinha noção de quão importante era definir uma cultura organizacional, vou começar a repensar e tentar aplicar na minha empresa. Parabéns pelo conteúdo

Fale o que você pensa

O seu endereço de e-mail não será publicado.