Como dar feedback negativo: 6 passos para realizá-lo sem constrangimentos

como-dar-feedback-negativo

O feedback é uma estratégia importante de gestão de pessoas realizada pelo RH de uma empresa. Ele tem como objetivo medir o desempenho dos funcionários e deixá-los a par do que a organização está achando de seu trabalho. Mas qual a melhor forma de dar feedback negativo?

A aplicação dessa estratégia é utilizada pelas empresas para melhorar o desenvolvimento de suas equipes, tornando-as de alta performance.

É aquele “famoso momento” em que o líder conversa de forma franca com sua equipe para informar sobre o desenvolvimento, conduta e resultados de cada profissional dentro da empresa.

Quando bem feito, ele promove várias vantagens para a empresa. Uma delas é a retenção de talentos!

Se você quiser entender mais sobre gestão de talentos, recomendamos que você baixe esse e-book. Basta preencher o formulário para receber. 😉


Para muitos, ainda é um momento desagradável, confundido com uma hora desconfortável de “levar bronca” do chefe.

Isso costuma gerar grande pressão e rejeição por parte dos funcionários, que acabam não conseguindo aproveitar os benefícios das questões do feedback, principalmente aquelas que são negativas.

Muitas vezes, isso acontece quando a empresa não tem um bom preparo de seus líderes para realizar o processo.

Assim, dar feedback acaba por não permitir que os funcionários amadureçam e desenvolvam suas habilidades para melhor contribuir com sua equipe.

No entanto, quando realizado corretamente, o feedback pode trazer grandes resultados e ajudar um colaborador a identificar seus pontos fortes e aqueles que precisam ser aprimorados.

Apenas assim, será possível que ele se desenvolva totalmente e alcance os resultados esperados pela empresa.

O que é feedback negativo

O feedback negativo acontece quando o colaborador recebe a informação de que seus comportamentos não estão adequados a cultura organizacional da empresa e/ou não estão atingindo os objetivos propostos para seu cargo.

É função do líder dar esse retorno aos empregados, encorajando-lhes a não repeti-los e estimulando mudanças positivas.

Esse tipo de retorno, quando repassado de forma incorreta, costuma assustar os profissionais, que não conseguem absorver as informações, não realizando as mudanças necessárias.

A importância do feedback de forma correta

Muitos erros na forma de como dar feedback negativo podem afetar a reputação dos superiores. Principalmente, quando é focado no caráter pessoal do funcionário e não em seus comportamentos ou quando não é passado com clareza quais são as mudanças necessárias.

Além disso, a falta de diretrizes sobre o que pode e deve ser feito para melhorar e falta de exemplos de quando os comportamentos prejudiciais foram observados pode gerar resistência em quem escuta.

Dessa forma, quando não realizado de forma correta, o feedback nas empresas pode trazer mais prejuízos do que benefícios, tanto para o negócio quanto para o colaborador analisado. Portanto, é fundamental que os líderes estejam preparados para o momento.

Apenas assim, será possível tornar o feedback um processo que promove o aprendizado e elimina o que há de errado para que seja possível aprimorar o ambiente de trabalho.

Como dar feedback negativo para um funcionário

Saber como dar feedback negativo a um funcionário não é uma tarefa fácil, portanto é essencial que o RH prepare os responsáveis por essa missão. Alguns cuidados são primordiais, como a escolha do local, tom de voz e abordagem.

Entenda melhor como dar feedback negativo e construir uma estratégia eficiente para realizá-lo da forma correta:

1. Seja objetivo

O primeiro passo de como dar feedback negativo de forma correta é ser claro no momento da reunião. Não faça rodeios ou tente elogiar o colaborador para amenizar a situação. Isso pode confundí-lo.

Portanto, seja direto e não tente disfarçar a intenção do feedback. Vá direto ao ponto e exponha, de forma positiva, quais são os pontos que o funcionário precisa melhorar.

Não se esqueça de ressaltar a intenção do feedback negativo, que é de contribuir para o crescimento profissional do colaborador. Mostre também que a empresa acredita no potencial dele para aprimorar cada vez mais em seu trabalho.

2. Utilize um vocabulário positivo

Pode parecer estranho, mas é importante mostrar o lado positivo de um feedback negativo. O assunto normalmente é delicado para a pessoa que irá recebê-lo, por isso, o avaliador deve acertar no tom da conversa.

Para reforçar isso na sua maneira de como dar feedback negativo, utilize elogios para reforçar os bons comportamentos do colaborador e para motivá-lo a aceitar as críticas de forma construtiva.

3. Aplique uma comunicação não-violenta

A comunicação interna de uma corporação é fundamental em diversos aspectos para o bom funcionamento de uma empresa.

Nas reuniões de feedback, a comunicação deve ser realizada de forma não-violenta. É preciso evitar críticas, julgamentos, assim como não fazer exigências e falar de forma rude.

Não basta se expressar bem, é necessário ainda aprender a ouvir o que o colaborador tem a dizer. Quando o líder consegue se comunicar de forma correta, passa a falar com clareza.

Assim, é capaz de mostrar como a empresa valoriza todos os funcionários, deixando o colaborador motivado a realizar as melhorias necessárias.

4. Seja impessoal e transparente

Muitos profissionais têm dificuldade de aceitar um feedback negativo por misturar sentimentos pessoais, acreditando que é um “ataque”.

Portanto, na hora da reunião, o líder deve passar a mensagem de forma profissional, ressaltando que as mudanças no comportamento do colaborador são necessárias para o desempenho de sua função na empresa.

5. Tenha dados para exemplificar

Ao organizar como dar feedback negativo conceder para um funcionário, é importante contar com dados que possam fundamentar as observações. Assim, o profissional não levará para o lado pessoal.

Portanto, para toda crítica, busque exemplificar com algum dado para ajudar a pessoa a visualizar o ocorrido e entender o motivo desse feedback. Além disso, utilize metas, objetivos e métricas de produtividade para que ele entenda o ideal a ser alcançado.

6. Além do feedback, determine metas

Em uma reunião de feedback, não basta expor os pontos negativos e positivos de um colaborador. É necessário, mostrar o que pode ser melhorado, indicando o que a empresa espera para o futuro.

Para isso, trace novas metas e objetivos para esse funcionário e novas métricas para a próxima avaliação. É importante que ele saia da reunião, sabendo quais mudanças precisa fazer, além de ter um norte para começá-las.

Aprender como dar feedback negativo e também receber é fundamental para o desempenho de qualquer colaborador em uma empresa.

Assim como o positivo, o feedback negativo também é necessário para tornar toda a equipe cada dia mais produtiva e alinhada com as estratégias de negócios. Portanto, o RH da organização deve preparar os líderes de todos os times sobre como dar feedback negativo de forma correta e direta.

Gostou das nossas dicas de como dar um feedback negativo para os colaboradores da sua empresa? Está em busca de uma plataforma de Recursos Humanos eficiente para sua empresa? Conheça a Xerpa, o melhor software para RH do Brasil!

Com o nosso sistema você vai:

  • reduzir o tempo nos seus processos de admissão de desligamento de funcionários;
  • ter um processo mais claro e seguro;
  • evitar penalizações, multas ou qualquer risco relacionados à questões legais e gestão de informação da empresa.

A Xerpa é a única que entrega uma experiência incrível e ainda resolve o problema real que o cliente tem. Fale com um especialista e descubra como reduzir 30% dos custos do seu RH.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *