como calcular absenteismo

Como calcular absenteísmo e diminuir as faltas dos colaboradores

Faltas, atrasos ou saídas antecipadas do trabalho, esse é um cenário muito comum a todas as empresas do mercado. Chamado de absenteísmo, as ausências, sejam elas previstas ou não, impactam diretamente na produtividade da equipe.

Portanto, atualmente é essencial que o RH saiba como calcular absenteísmo. Esse cálculo serve como um termômetro para que as empresas evitem grandes prejuízos quando um colaborador não está presente no dia a dia.

É importante ressaltar nesse caso, que para a empresa, independente se a falta é prevista ou não, a ausência interfere na execução das tarefas. Por isso, planejar-se para conseguir medir o índice de absenteísmo contribui para diminuir gastos e custos.

Neste artigo vamos falar sobre as possíveis causas e consequências do absenteísmo e daremos dicas de como calcular absenteísmo na sua empresa. Confira!

 

O que é absenteísmo?

A palavra absenteísmo é originária do latim, Absens, que quer dizer ausente, afastado ou estar fora.

Ausências no trabalho acontecem quase que rotineiramente nas empresas. Seja por doenças, atrasos, faltas, problemas pessoais e etc. É importante ressaltar que férias e afastamentos não são considerados absenteísmo.

 

Dados do absenteísmo

O Bureau of Labor Statistics (BLS), que é uma unidade que faz parte do departamento de trabalho dos EUA, fez um estudo sobre o absenteísmo. O estudo apontou que a taxa de ausência em média dos trabalhadores no país é de 2,8%.

Uma pesquisa do IBGE com o Ministério da Saúde revelou anos atrás que nas semanas que antecederam a pesquisa mais de 14 milhões de pessoas haviam faltado ao trabalho.

O Ministério do Trabalho e Emprego revelou ainda que as empresas gastam mais de 10 bilhões de reais com encargos previdenciários. Por isso, saber como calcular absenteísmo se torna um objeto tão essencial no dia a dia das empresas.

>> A Xerpa elaborou uma Planilha que pode ajudar – e muito – a sua empresa no controle do absenteísmo e nos custos que ele gera para a sua empresa. Clique aqui e acesse agora! Ah, você pode baixá-la para compartilhar com os seus colegas também ????

 

 

Qual a relação do absenteísmo com o clima organizacional?

A ausência do trabalho, seja ela justificada ou injustificada, pode ser uma consequência do clima organizacional da empresa.

Questões como a relação com os colaboradores, cultura da empresa, chefes tóxicos podem ser algumas das possíveis causas do absenteísmo.

A insatisfação e a falta de motivação da equipe pode ocasionar problemas de saúde mental ou físico e desgaste na relação entre empregado e empregador. Sendo assim, manter um ambiente saudável e um clima sadio pode ter total impacto na redução do absenteísmo.

Segundo a Organização Mundial da Saúde (OMS):

“a adesão aos princípios dos ambientes de trabalho saudáveis, evita afastamentos e incapacidades para o trabalho, minimiza os custos com saúde e os custos associados com a alta rotatividade, e aumenta a produtividade a longo prazo bem como a qualidade dos produtos e serviços”.

Por isso o impacto de como calcular absenteísmo pode ser extremamente positivo para se mensurar novas estratégias que ofereçam bons resultados a empresa.

 

Como calcular absenteísmo?

E colocar esse termômetro sobre como calcular absenteísmo é uma forma de medir não só os impactos das ausências na produtividade, mas também no seu caixa. Por isso vamos lhe ajudar nessa conta para que sua empresa possa medir e combater o absenteísmo.

Mas como calcular absenteísmo? A fórmula utilizada para calcular essa taxa leva em conta a média de funcionários, número de dias perdidos e o total de dias úteis. Conta feita pela seguinte fórmula:

Média do número de funcionários X Dias úteis perdidos) / (Média número de funcionários X Total de dias úteis

Um exemplo prático

No início mês de janeiro sua empresa tinha 10 funcionários e ao final do mês ganhou 6 e ficou com 16.

A média do número de funcionários nesse caso é 16/2 = 8

Foram 23 dias úteis trabalhados em janeiro. Após esses dois pontos, para saber como calcular absenteísmo, é necessário calcular o total de dias úteis perdidos no mês. Levando em conta sua empresa com um trabalho de 8h.

Vamos supor que cinco dos seus colaboradores tiveram problemas com faltas e atrasos. Três faltaram e dois trabalharam apenas 4h.

Ou seja, no total foram 4 dias de trabalho perdidos, 3 dias (3 funcionários) e mais meio dia por mais 2 funcionários.

Sendo assim, a conta a ser feita será:

(8 X 4) dividido por (8 X 23)

32 dividido por 184

Taxa de absenteísmo = 0,17

*Para converter esse valor em porcentagem é só multiplicar por 100, ou seja, um total de 17%

 

Como avaliar os resultados?

Sabendo como calcular absenteísmo e tendo em mãos a taxa dessas ausências fica mais fácil implantar estratégias para conter os prejuízos.

E para reduzir a taxa de absenteísmo a empresa pode adotar alguns caminhos, após identificar os possíveis problemas. Descubra quais são:

 

Melhorar o clima organizacional

O clima organizacional pode impactar na taxa de absenteísmo.  

Uma empresa que consegue equilibrar a insatisfação dos colaboradores por exemplo, tende a manter os funcionários mais felizes e satisfeitos evitando possíveis faltas e afastamentos.

E para descobrir os porquês, mantenha uma rotina constante de feedbacks entre ambas as partes. É correto corrigir o funcionário quando há erros, mas também é fundamental ouvir deles sobre seu nível de satisfação com o ambiente, gerência e salário.

 

Organize seu controle de ponto

Se a sua empresa não mensura entradas e saídas a tendência é que a taxa de absenteísmo se torne alta. Já que assim não tem como calcular absenteísmo com exatidão, pois a gestão do ponto se torna praticamente incontrolável.

Ou seja, fica impossível medir atrasos ou saídas antes do horário de trabalho previsto. Isso porque não há relógios de ponto, softwares ou folha de ponto que sejam de fato confiáveis para controlar o tempo dos colaboradores.

 

É possível comparar a taxa de absenteísmo com os lucros?

Uma maneira de como calcular absenteísmo e os impactos das ausências dos colaboradores da sua empresa é comparando com os lucros. Calcule a taxa de absenteísmo do mês e coloque lado a lado com seus resultados!

Assim é possível avaliar o quanto uma ausência comprometeu a execução dos trabalhos e se de alguma forma ela está evitando o crescimento da empresa.

A tendência é que quanto maior a taxa de absenteísmo mais sua empresa estará desorganizada e fadada a fracassos.

 

O que a empresa perde com a alta taxa de absenteísmo?

O excesso de faltas dentro da empresa pode causar grandes prejuízos. Diminuindo assim a produtividade e barrando as chances de crescimento. Por esse motivo descobrir como calcular absenteísmo aparece como um grande diferencial de mercado.

Empresas que conseguem de fato medir sua taxa de absenteísmo tem maior facilidade para encontrar estratégias que evitem faltas, atrasos e etc.

Quem consegue medir e interpretar os resultados das ausências tem total controle gerencial sobre sua equipe e as tarefas.

 

Quer ficar por dentro dos melhores conteúdos de gestão e RH do mercado? Siga a Xerpa nas redes sociais Facebook, Instagram, Twitter e LinkedIn.

 

 

Quer receber mais conteúdos como esse gratuitamente?

Cadastre-se para receber os nossos conteúdos por e-mail.

Email registrado com sucesso
Opa! E-mail inválido, verifique se o e-mail está correto.

Fale o que você pensa

O seu endereço de e-mail não será publicado.