Saiba como aplicar uma pesquisa de clima organizacional

como aplicar uma pesquisa de clima organizacional

A empresa depende diretamente da satisfação dos funcionários para obter sucesso. Afinal, colaboradores desmotivados produzem menos e com pouca qualidade.

Quando se trata de atendimento ao cliente, a questão é ainda mais preocupante. Pois esse descontentamento é passado ao consumidor e pode acabar com a reputação da empresa.

O clima organizacional tem papel fundamental no engajamento dos colaboradores.

Apenas em um ambiente agradável e de incentivo é possível ter empregados contentes e dispostos a fazer o melhor possível.

A melhor estratégia para avaliar esse clima é fazer pesquisas constantes, capazes de mensurar como está a satisfação dos seus funcionários.

Mas para que elas tragam os resultados necessários, devem obedecer a alguns métodos. Entenda com a ajuda deste post como aplicar uma pesquisa de clima.

 

O que é pesquisa de clima organizacional?

A pesquisa de clima organizacional é uma ferramenta usada para identificar a satisfação do funcionário com o trabalho.

Por meio dela, é possível entender qual a percepção dos colaboradores em relação à empresa e se o ambiente laboral é agradável.

Um bom clima organizacional é indispensável para altos índices de produtividade, engajamento e de qualidade no trabalho. É ele quem garante a motivação dos colaboradores.

Com a pesquisa, é possível entender se o cenário está negativo ou positivo. E, a partir dessas informações, tomar as devidas providências.

Vale lembrar que o clima organizacional engloba uma série de aspectos que influenciam diretamente o bem estar do funcionário.

Isso corresponde desde as instalações físicas até o relacionamento com chefes e colegas, passando pela carga de trabalho e cobrança de resultados.

 

Como a pesquisa de clima organizacional pode ajudar a sua empresa?

Não há como definir o momento ideal ou um problema específico que exija a aplicação da pesquisa de clima na sua empresa.

O mais indicado é que ela seja feita periodicamente, principalmente se levarmos em consideração as taxas de turnover.

Sua aplicação também é indicada quando o RH perceber problemas na motivação dos funcionários e na queda da produtividade.

Essa recomendação é válida porque um bom diagnóstico do clima organizacional traz uma série de benefícios.

Ele ajuda a evitar a saída em debandada dos seus melhores funcionários, mostrando tendências de insatisfação com antecedência. Assim, o Recursos Humanos consegue tomar as devidas providências.

A pesquisa de clima também aponta problemas nos relacionamentos internos e falhas de gestão, como uma liderança autoritária ou que desrespeita as equipes. Trata-se de um problema crítico e que pode levar até a processos por assédio moral.

Com as pesquisas, a corporação consegue treinar ou demitir esses líderes, garantindo um ambiente de valorização dos seus colaboradores.

A organização consegue ainda identificar se o salário é satisfatório, o que pode ser usado para atrair outros talentos no mercado que façam a diferença no processo produtivo.

A pesquisa organizacional é uma excelente ferramenta para a construção de um employer branding robusto.

O diagnóstico completo fornecido pela pesquisa de clima dá espaço para uma tomada de decisões mais sólida. Desta forma, é possível desenvolver estratégias positivas que vão trazer mais engajamento, produtividade e retenção.

Com as estruturas internas funcionando perfeitamente, é possível determinar metas agressivas e tomar decisões maduras e mais acertadas para o negócio.

 

Como aplicar uma pesquisa de clima organizacional?

Para uma boa aplicação da pesquisa de clima, é importante seguir alguns passos que vão ajudar a estruturar o processo. São eles:

 

1. Preparação

Você pode definir um problema específico para abordar durante a pesquisa ou decidir por uma avaliação geral.

Outra abordagem interessante é fazer uma primeira pesquisa e depois algumas menores para acompanhamento, até fechar um ciclo pré-determinado para a solução daquela questão.

 

2. Planejamento e escolha da metodologia

Nessa fase, é escolhido o tipo de questionário e como ele será aplicado entre os funcionários.

Também são definidas como serão as respostas (múltipla escolha, escala etc.), como os resultados vão ser coletados e tratados e quais instrumentos serão usados durante a avaliação.

Determine também se a pesquisa vai ser aplicada online e o cronograma para aplicação ― quando será feita a distribuição do questionário, prazo para devolução, período para mensuração e data para divulgação dos resultados.

 

3. Execução

Nessa etapa é feita a aplicação da pesquisa. Faça um comunicado prévio explicando como e quais são os objetivos de sua realização.

Deixe claro que o intuito é de melhorar as condições de trabalho e, por isso, as respostas devem ser honestas.

Afirme aos colaboradores que a pesquisa é totalmente anônima, para que eles se sintam à vontade para participar sem temer represálias.

 

4. Mensuração e avaliação

Após a realização da pesquisa, é hora de coletar todos os resultados. Lembre-se do objetivo inicial definido na etapa de preparação e das ferramentas escolhidas durante o planejamento.

Mensure todos os dados, passe-os para gráficos e tire conclusões qualitativas, não só quantitativas. F

aça uma interpretação cuidadosa dos dados e extraia todas as informações possíveis, para que possa retirar insights e ideias para melhorias.

 

5. Publicação dos resultados

Não deixe de publicar os resultados da pesquisa após o seu término. Os funcionários precisam saber quais foram as conclusões e entender o que vai ser feito com essas informações.

Você pode publicar os gráficos por meio de um comunicado interno ou afixá-los no mural de avisos.

Essa prestação de contas é importante para garantir a participação das equipes em uma nova pesquisa.

Faça reuniões com RH e gestores para planejar as correções internas e transformar os dados da pesquisa em ações concretas de melhoria.

 

A pesquisa de clima organizacional ajuda a gestão de pessoas a transformar a empresa um local muito melhor para trabalhar, ajudando a construir uma imagem positiva no mercado de trabalho e em relação à concorrência.

Agora que você já sabe como aplicar uma pesquisa de clima organizacional, é hora de estudar como fazer essa avaliação na sua empresa e apresentar a ideia aos diretores e CEOs.

Certamente eles vão colaborar com a realização, afinal, trata-se de uma excelente estratégia de crescimento organizacional.

 

Aproveite também para seguir os perfis da Xerpa no Facebook, Twitter, Instagram e Linkedin para receber mais informações que vão agregar ao seu trabalho.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *