5 atividades ao ar livre para fugir do estresse do trabalho

atividades ar livre fugir do estresse

Quem pratica atividade física sabe que os benefícios vão muito além da perda de peso. Seja pelo fortalecimento do condicionamento físico, melhora da disposição, aumento da oxigenação cerebral, otimização da memória, melhora na qualidade do sono ou ainda, prevenção contra doenças e transtornos mentais.

Alguns estudos ainda reforçam que a prática de atividades ao ar livre podem potencializar essas qualidades.

Considerando o atual cenário de pandemia e os possíveis impactos nas condições físicas e psicológicas dos trabalhadores, vamos explorar esses benefícios por meio de alguns pontos especiais:

  • pandemia do novo coronavírus e isolamento social;
  • relação da saúde mental e atividades físicas;
  • benefícios da atividade física ao ar livre;
  • 5 atividades ao ar livre para fugir do estresse do trabalho.

Se você quiser aprender a manter a cabeça leve e o equilíbrio mental durante o isolamento social, recomendamos que assista o vídeo a seguir:

Agora, para explorar as vantagens da prática de exercícios físicos em contato com a natureza, continue acompanhando este post. Separamos 5 atividades ao ar livre para fugir do estresse do trabalho ou da rotina, que podem revolucionar o seu dia a dia.

Boa leitura!

A pandemia do novo coronavírus e isolamento social

A chegada da pandemia do novo coronavírus (COVID-19) no final do ano passado forçou o mundo a adaptar suas noções sobre a normalidade.

De uma hora para outra, uma quarentena foi imposta pelas autoridades como medida de segurança sanitária, tornando necessário o distanciamento social e o uso de Equipamentos de Proteção Individual (EPI) como máscaras, luvas, produtos de higienização, etc.

Diante disso, as empresas foram obrigadas a adotar o trabalho remoto como alternativa de sobrevivência comercial e levar os seus colaboradores para o home office. Em outras palavras, o isolamento social passou a ser uma realidade. 

O medo diante da doença, crise econômica generalizada, demissões em massa, necessidade de provar sua importância profissional, questões de adaptação tecnológica, isolamento obrigatório, dentre outros, são alguns fatores de estresse que podem atrapalhar o dia a dia dos trabalhadores..

Há pouco mais de 7 meses nesta condição , os níveis de estresse, ansiedade e depressão foram intensificados. 

Segundo dados de um estudo realizado pela UFRJ (Universidade Federal do Rio de Janeiro), os casos de depressão praticamente dobraram e as ocorrências de ansiedade e estresse tiveram um aumento de 80%, durante a pandemia.

Portanto, medidas para controlar ou suavizar essa tensão na medida do possível são essenciais. Mais adiante vamos explorar 5 atividades ao ar livre para fugir do estresse do trabalho ou da rotina.

A relação da saúde mental e atividades físicas

Considerando o quadro de intensificação de alguns transtornos mentais durante a pandemia, é essencial buscar medidas que promovam um controle ou a mitigação de tais condições. 

Segundo uma pesquisa realizada pela Universidade da Califórnia (EUA), em parceria com a Universidade de Tsukuba (Japão), a prática de atividades físicas tem relação direta com o equilíbrio da saúde mental

O estudo mostra que 10 minutos diários de qualquer exercício físico melhoram as condições de aprendizagem do cérebro.

Isso ocorre porque os exercícios estimulam a glândula hipófise a liberar o hormônio da endorfina, também chamada de hormônio da felicidade. Ou seja, as atividades físicas promovem a sensação de bem-estar, bom humor, alegria, impactando a saúde mental do indivíduo. 

Seguindo uma lógica simples, o investimento de poucos minutos por dia pode trazer resultados impressionantes ao estado de plenitude mental, melhorando as condições de estresse, ansiedade e até da depressão.

Consequentemente, a produtividade e o rendimento são influenciados, melhorando inclusive as relações interpessoais (pessoais e profissionais). 

Além disso, de acordo com dados de um estudo da UNOESTE (Universidade do Oeste Paulista), a interação entre homem e meio ambiente associado à prática de atividades físicas influencia também qualidades culturais.

Ao utilizar espaços públicos para a realização de atividades ao ar livre para fugir do estresse do trabalho ou da rotina, a convivência social e a preservação ambiental nos grandes centros urbanos é estimulada. 

Vale pontuar que é indispensável usar os EPIs, manter um distanciamento seguro e evitar aglomerações para qualquer atividade escolhida, seja ao ar livre ou indoor. A situação de pandemia ainda é uma realidade e esses cuidados são uma regra.

Os benefícios da atividade física ao ar livre

Entendido a relação entre a prática de atividades físicas e a saúde mental, vamos explorar agora algumas da principais vantagens de realizar atividades ao ar livre para fugir do estresse do trabalho ou da rotina.

  • contato com a natureza;
  • liberação do hormônio da endorfina;
  • vivência de um cenário em movimento;
  • aumento do foco e da atenção;
  • melhora na síntese da vitamina D;
  • melhora do condicionamento físico (tônus muscular, resistência e perda de peso);
  • alto gasto de energia (terreno irregular, variação de temperatura, resistência do vento, dentre outros);
  • redução do nível de estresse;
  • melhora o quadro de ansiedade;
  • melhora na qualidade do sono;
  • aumento da motivação e disposição diária;
  • melhora da autoestima;
  • prevenção de doenças (cardiovasculares, colesterol, problemas na coluna, obesidade, transtornos mentais, dores musculares, dentre outros). 

Viu, só? Poucos minutos por dia realizando atividades físicas podem proporcionar mais vantagens do que você imaginava.

Contudo, vale pontuar que a regularidade é parte importante do processo. Mesmo que 10 minutos sejam suficientes para estimular o cérebro, somente transformando a prática do exercício em um hábito é que lesões serão evitadas e tais benefícios serão alcançados.

Portanto, comece aos poucos, sem exageros, e aumente a intensidade conforme o corpo reage aos estímulos da atividade escolhida. Mantenha uma frequência relevante e siga as recomendações de segurança da pandemia. 

5 atividades ao ar livre para fugir do estresse do trabalho

As opções de atividades ao ar livre para fugir do estresse do trabalho ou da rotina são inúmeras e para todos os gostos – para os mais calmos, os mais agitados, os que gostam de esportes, os que preferem interagir com outras pessoas, os que querem a companhia dos pets, e assim por diante.

Confira a seguir, 5 atividades ao ar livre que podem melhorar a sua saúde física e mental.

1. Fazer caminhadas

A primeira das 5 atividades ao ar livre para fugir do estresse do trabalho ou da rotina que vamos explorar neste post é a caminhada.

A caminhada é uma opção atrativa porque pode ser feita em qualquer lugar e não exige equipamentos muito sofisticados. Um bom tênis, uma garrafa de água, uma máscara de proteção e muita força de vontade são o que você precisa para começar.

Além disso, esse exercício ajuda a emagrecer, melhora o condicionamento físico, melhora a circulação sanguínea, previne doenças cardiovasculares, etc.

É válido pontuar também que a assessoria de um profissional de educação física pode ser necessária para quem já tem uma lesão ou condição limitada. Assim, a realização da caminhada é feita de forma apropriada e não prejudicial.

2. Praticar a corrida

Correr é outra atividade ao ar livre que pode aliviar o estresse do trabalho ou da rotina.

Diferente da caminhada, ela é uma prática que exigirá um pouco mais do praticante. Seja pela resistência física, concentração, respiração, persistência, noções básicas da prática, ou ainda a escolha do calçado. 

Quem pratica a corrida sabe o quanto essa atividade promove uma conexão intrapessoal, interferindo diretamente no alívio de tensões ou questões pessoais. Por essa razão, correr é uma indicação certa!

Contudo, sua prática deve ser feita respeitando os limites do corpo, pois um simples passo em falso pode causar lesões graves. Por isso, comece aos poucos, beba água, se alimente bem, vista um tênis adequado, lembre-se dos cuidados sanitários da pandemia, consulte um professor e corra de forma gradual. 

3. Andar de bicicleta

A terceira opção da nossa lista de 5 atividades ao ar livre para fugir do estresse do trabalho ou da rotina é andar de bicicleta.

Seja para espairecer apreciando a uma vista agradável ou para substituir  atividades aeróbicas tradicionais ou ainda, como meio de transporte ecológico e saudável, o ciclismo é um exercício físico que pode aliviar o estresse de forma muito prazerosa.

Sua prática pode ser feita sozinha ou em companhia, pode ser em parques ou pela própria cidade, pode ser de dia ou de noite, pode ser com bicicleta pessoal ou alugada, e assim por diante.

Além da queima de calorias ser tão eficiente quanto outros exercícios mais populares, o seu estímulo motor causa menos impacto nas articulações do que a corrida, o acúmulo de gordura no sangue é reduzido e o colesterol pode ser melhorado.

4. Praticar yoga

Outra atividade ao ar livre que pode ajudar muito no alívio do estresse provocado pelo trabalho ou mesmo por essa situação de confinamento, medo e incertezas geradas pela pandemia é a prática do yoga.

O yoga é uma atividade física e mental que pode ser praticada tanto em estúdios especializados (indoor) quanto ao ar livre. Muitos profissionais, instrutores dessa modalidade, indicam a prática em espaço aberto, justamente, para oferecer um contato mais rico com a natureza.

Além de melhorar a consciência corporal, por meio de alongamento específicos e a tonificação muscular, essa atividade ainda traz inúmeros benefícios para a saúde mental, através da prática da meditação e exercícios de respiração. 

A sua prática constante, evidentemente, reduz os níveis de estresse e da ansiedade. Por isso, o yoga é uma das atividades ao ar livre para fugir do estresse do trabalho ou da rotina mais indicadas.

5. Mahamudra

Por fim, a última das 5 atividades ao ar livre para fugir do estresse do trabalho ou da rotina é o Mahamudra.

O Mahamudra é uma atividade voltada para os que gostam da intensidade dos exercícios físicos e a serenidade da meditação; ela usa a calistenia e a luta como bases dos estímulos físicos e algumas práticas do yoga como base dos estímulos mentais.

Grosso modo, trata-se de um conjunto de exercícios, desenvolvidos em circuitos, que usam o peso do próprio corpo para trabalhar a musculatura e a perda de gordura corporal. Agachamentos, pulos, flexões de braços, burpees, tiros de corrida, são alguns exemplos. 

Tudo isso é feito em conjunto com a meditação guiada e exercícios de respiração.

Existem, portanto, diversas atividades ao ar livre para fugir do estresse do trabalho que podem te ajudar a melhorar a qualidade da sua saúde mental. Basta estudar as opções e escolher uma que seja compatível com os seus interesses e objetivos.

Lembre-se de procurar a avaliação de um médico antes de iniciar qualquer uma das opções, consultar profissionais e seguir as recomendações de segurança contra o novo coronavírus. Mesmo que a flexibilização tenha sido iniciada em muitos locais, o cuidado ainda é indispensável.

 

Curtiu o post? Então, compartilhe-o nas suas redes sociais e nos ajude a disseminar conhecimento! 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Confira outros artigos que você pode se interessar