Analista de Folha de Pagamento: saiba mais sobre a profissão

analista de folha de pagamento

No artigo anterior sobre Analista de Departamento Pessoal, falamos um pouco sobre as diferenças entre o que é esperado de um profissional de Departamento Pessoal e o que se imagina de um profissional de RH. Neste artigo vamos falar um pouco mais sobre uma das funções específicas dentro do departamento pessoal que comumente recebe o nome de “analista de folha de pagamento”. Como em breve o eSocial estará ativo e terá impacto em tudo que as empresas fazem, esse tipo de profissional terá cada vez mais relevância na estrutura das empresas.

Por que algumas empresas têm tão poucas pessoas (às vezes uma única) na área de RH e outras têm grandes equipes com cargos diferentes?

Empresas pequenas costumam ter a área de Recursos Humanos bem enxuta, algumas vezes com apenas um analista de RH e talvez um coordenador. Nestes casos geralmente a folha de pagamento é terceirizada, de forma que estas empresas não precisam de um analista de folha. Empresas maiores, principalmente as que optam por fazer sua folha in-house (não terceirizar os processos de folha de pagamento – leia mais sobre Internalização x Terceirização da Folha de Pagamento), costumam ter um ou mais analistas de folha de pagamento.

Apesar de serem vagas comuns em qualquer tipo de empresa, é possível encontrar grande quantidade de analistas de folha de pagamento em prestadores de serviços de folha de pagamento. Neste caso os analistas podem ser responsáveis pela folha de uma ou mais empresas.

Qual é a diferença entre o analista de departamento pessoal e o analista de folha de pagamento?

Antigamente a área de Recursos Humanos era conhecida como Departamento Pessoal e era responsável principalmente pela parte burocrática destas áreas. Com o entendimento das tão diversas funções e tarefas que precisam ser executadas pelas áreas, uma divisão começou a ocorrer entre funções. Apesar disso, ainda hoje é comum que departamento pessoal e recursos humanos sejam confundidos e de certa forma tratados como um mesmo assunto. Por isso encontramos diversas vagas onde consta o cargo de analista de departamento pessoal, mas pede-se experiência por exemplo com treinamento ou recrutamento e seleção, que a princípio seriam funções de Recursos Humanos, já que são atividades focadas na seleção/desenvolvimento dos recursos humanos da organização.

O cargo de analista de departamento pessoal por princípio engloba muitas funções como por exemplo folha de ponto, benefícios, monitoramento da legislação e convenção coletiva e folha de pagamento, mas nem sempre a empresa demanda todas estas funções de uma única pessoa. Cabe à empresa a definição de quais, dentro das funções cabíveis ao departamento pessoal, serão designadas ao analista do departamento pessoal. Algumas empresas podem ter analistas de departamento pessoal exclusivamente para benefícios e ainda assim, o cargo ser de analista de DP e não de analista de benefícios. Da mesma forma, isso também pode acontecer com um analista de folha, que eventualmente terá o cargo de analista de DP, porque o nome do cargo é definido pela empresa conforme melhor lhe convier, apesar de haver um CBO específico para o analista de folha de pagamento (4131-05).

O analista de folha (ou de fopag, como também é conhecido) é responsável por toda a rotina de folha de pagamento, realizando cálculos de folha, encargos e obrigações acessórias, além de homologação de rescisões, admissões, atendimento aos colaboradores e apoio a fiscalizações e auditorias. Claro que nas empresas você também pode encontrar descrições da vaga que englobam outras atividades de departamento pessoal e até de RH, justamente porque as empresas definem os nomes e funções de cargos conforme suas necessidades e conveniência, mas as funções do analista de folha de pagamento são, na verdade, uma parte das atividades de um analista de DP, de forma que a empresa busca um analista de folha de pagamento quando tem suas funções divididas dentro do departamento entre diversos profissionais.

Onde buscar empregos de analista de folha de pagamento?

Como já mencionado acima, empresas que prestam serviços de folha de pagamento estão entre as que têm maior quantidade de analistas de folha de pagamento. Elas estão também entre as que pagam os melhores salários.

A média de salário de um analista de folha de pagamento varia em torno de R$ 2.667,00, tendo sido verificados salários de R$ 1.589,42 a R$ 6.557,91.

Entre os Estados que pagam melhores salários para o cargo estão São Paulo em primeiro lugar e Rio de Janeiro em segundo lugar.

As empresas do ramo de bebidas são as que pagam os melhores salários, seguidas pelas Prestadoras de Serviços e Contabilidades/Auditorias.

Alguns sites são muito bons para achar empregos na área, como a Catho, um dos sites mais famosos de empregos do país, ou a LoveMondays, onde além de encontrar vagas você pode também ler oponiões de quem trabalha lá a respeito da empresa.

O que é esperado de um analista de fopag?

Assim como o perfil do analista de departamento pessoal mudou nos últimos anos, o perfil do analista de fopag também sofreu mudanças bastante similares.

Além de ser um profissional que tem muito conhecimento técnico sobre legislação trabalhista (férias, 13º salário, aviso prévio, descontos de benefícios, DSR, abonos, interrupção e suspensão do contrato de trabalho, etc), acompanha constantemente as mudanças na legislação e acordos coletivos (adicionais, gratificações, etc), está por dentro do eSocial (veja nossos artigos sobre o eSocial), está constantemente fazendo e refazendo cálculos (entre eles o cálculo da própria folha de pagamento de CLT, de pró-labore, de estagiários, de autônomos, expatriados, desoneração, etc), cuida de encargos (FGTS, INSS, IRRF, incluindo alíquota dos Riscos Ambientais do Trabalho – RAT (antigo SAT), FAP (Fator Acidentário de Prevenção) por estabelecimento, contribuição previdenciária patronal, contribuição destinada a terceiros, etc) e contribuições sindicais e assistenciais, das rotinas mensais e anuais e é responsável pelas obrigações do empregador e pela fiscalização. Deve ainda ser alguém com bom relacionamento, ser flexível mantendo sempre a ética (e sigilo sobre cargos e salários) e cumprindo os prazos.

Abaixo estão alguns exemplos reais de descrições de vagas de analistas de folha de pagamento para que você possa entender o que costuma ser requisitado. Tenha em mente que nem todas as vagas têm os mesmos requisitos e que empresas diferentes muitas vezes usam softwares diferentes, por exemplo.

– Se você estiver buscando um profissional para uma vaga de analista de fopag, sinta-se à vontade para usar os descritivos de vagas dos exemplos para suas vagas. 😉

Objetivo / Propósito do cargo:

O Analista de Recursos Humanos Pleno é responsável por:

  • Gerenciar todos os processos de folha de pagamento, e proporcionar um maior volume de acuracidade dos dados. Será responsável por garantir todos os pagamentos legais, bem como o cumprimento dos controles de CARM (auditoria).
  • Apoiar supervisor com os projetos da área e dar suporte ao analista jr.

Áreas de responsabilidades:

  • Fechamento da folha mensal;
  • Contabilização (conciliação contábil)
  • Conferência de encargos
  • Conferência dos Anuais (RAIS e DIRF)
  • Pagamentos (folha e encargos)
  • Análise sindical
  • Suporte para Analista Jr da área
  • Operacionalizar benefícios previdenciários
  • Preposto em Homologações/Audiências Trabalhistas
  • Responsável pela agenda de controles e compliance
  • Apoio ao projeto E-Social
  • Gerenciamento do controle de jornada
  • Acompanhamento da renovação de Certidões Negativas (análise/solução de pendências)

Requisitos:

  • Formação superior em Administração de Empresas / Contabilidade
  • Domínio de inglês.
  • Amplo conhecimento técnico em legislação trabalhista – CLT
  • Vivência nas rotinas de Departamento Pessoal: Admissão, demissão, rescisão, férias, ponto manual e eletrônico e controle de banco de horas
  • Conhecimentos técnicos obrigatórios em sistema ADP System, pacote Office (Excel, Word, Access e Power Point)
  • Habilidades interpessoais (capacidade de mobilizar pessoas, facilidade para trabalhar em equipe)

Qualificações específicas:

  • Realizar admissão de pessoal,
  • Gerar os relatórios admissionais e proceder com essa documentação para assinatura do novo colaborador.
  • Organizar o dossiê de documentos (folha de ponto, contracheque, GEFIP, GPS, etc.) para verificação e análise do cliente.
  • Controlar os cálculos da folha de pagamento, encargos trabalhistas, rescisões, férias, guia de recolhimento de contribuições e outras atividades ligadas a registros e controles de pessoal, visando o cumprimento dos prazos e determinações legais.
  • Contabilizar na folha de pagamento todos os valores informados pela área de benefícios como co-participações, vale alimentação, refeição e transporte que foram disponibilizados aos colaboradores que serão desligados, para processamento dos descontos em rescisão de contrato de trabalho.
  • Lançar no sistema de folha de pagamento informações referentes ao apontamento de horas extras, adicional noturno, adicional de periculosidade, adicional de insalubridade e faltas, para processar a folha de forma assertiva no prazo legal e com informações consistentes.
  • Processar relatórios e arquivos bancários para pagamento de salários, férias e rescisões contratuais, visando atender aos prazos estabelecidos pelo departamento financeiro e os prazos legais.
  • Efetuar cálculo de rescisão GRRF, controle de férias, controle de ponto, contribuições sindicais e taxas assistenciais.
  • Atualizar-se sobre a legislação trabalhista e assegurar sua correta aplicação, entendimento e adequado cumprimento, visando orientar todos os setores da empresa, contribuindo para minimização do contencioso jurídico trabalhista.
  • Preparar relatórios de DIRF, RAIS, Informe de Rendimentos, CAGED e outras obrigações acessórias relacionadas com a folha de pagamento.
  • Realizar o processamento e recolhimento do Fundo de Garantia, da GPS (Guia da Previdência Social), das contribuições sindicais, da RAIS (Relação Anual de Informações Sociais), da DIRF (Declaração Anual de Imposto de Renda Retido na Fonte), através do sistema de folha de pagamento. Atuar no fechamento e retificação de obrigações mensais, tais como INSS, FGTS, IRRF, CAGED, além de anuais, como RAIS e DIRF.
  • Manter atualizado o sistema integrado utilizado pela área de administração de pessoal, em conjunto com a área de informática, visando a atender as modificações na legislação ou procedimentos da empresa.
  • Realizar a gestão dos indicadores de administração de pessoal com o intuito de identificar possíveis gaps e promover melhorias.

Como dar um up na minha carreira de folha de pagamento?

Buscando trabalhar nas localidades/empresas dos ramos que pagam melhor para este cargo, trabalhando no seu constante crescimento profissional e buscando se aprimorar em outra língua pois grandes multinacionais tem tido bastante dificuldade de encontrar profissionais qualificados com conhecimento suficiente de outras línguas para explicar a estrangeiros, com certeza você conquistará melhores cargos e salários na área!

Pode parecer difícil se especializar em tantos detalhes das leis, fazer tantos cálculos, gerenciar tantos documentos, saber outra língua e ter bom relacionamento. Com a ajuda da tecnologia, você pode automatizar tarefas que tomariam muito tempo, podendo se focar naquilo para o qual você é realmente necessário.

(Visited 1 times, 1 visits today)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *